Porto Velho (RO) domingo, 18 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

José Carlos Sá

Banzeiros 17/08/07


  Onde se comenta o que foi e o que não foi notícia
 

CHEGUEI

Pensaram que eu não vinha, mas cheguei batido.

++++
CAXIAS

O comando da 17ª Brigada de Infantaria de Selva convida para solenidades do Dia do Soldado, a ser comemorado dia 25 de agosto. Haverá duas solenidades, uma palestra sobre o Exército Brasileiro e a formatura da tropa. Dia 25 é o dia dedicado ao Duque de Caxias, patrono daquela Arma.

++++
VISITA

As guarnições do Exército, sediadas em Porto Velho, recebem hoje visitas importantes: o Diretor Geral de Pessoal, do Comando do Exército, e o Comandante Militar da Amazônia.

++++
VISITA – 2

O bispo da Arquidiocese de Porto Velho, Dom Moacyr Grechi, inicia hoje, até domingo, sua visita pastoral à Paróquia da Catedral do Sagrado Coração de Jesus e da Capela de São Francisco, reunindo-se com os paroquianos e realizando visitas aos enfermos e idosos em residências, nos hospitais e asilos. Os colégios católicos, Maria Auxiliadora e Madre Mazzarello, também recebem a visita do bispo.

++++
TERREMOTO

O terremoto que arrasou o sul de Lima, capital do Peru, e matou mais de 300 pessoas foi sentido no Amazonas e, dizem, em Rondônia (não tive confirmação disso). Estive em Arequipa, sul do Peru, poucos dias depois que um terremoto destruiu parte de uma igreja construída pelos espanhóis no século 16. O que mais me apavorava era ver no hotel umas plaquinhas colocadas em locais estratégicos com a orientação: "Em caso de terremoto se abrigue neste local". A região fica sobre uma falha tectônica.

++++
NO OLHO

O governador Ivo Cassol vetou o projeto de lei do deputado Valter Araújo que regulamentava construções nas proximidades de nascentes ou olhos d'água. A "lei anti-shopping", como ficou conhecida, ainda poderá ser sancionada, caso a Assembléia derrube o veto governamental. Alguém apostaria uma maria-mole nessa possibilidade?

++++
FIRME

Como esta e - coluna antecipou no dia 9 de agosto, o Consórcio Furnas – Odebrecht continuará unido e participará do leilão da usina de Santo Antônio do Rio Madeira. O prego já havia sido batido, mas só ontem é que viraram a ponta do dito-cujo. Eu disse que era blefe do Governo Federal...

++++
ISSO NÃO SE FAZ

Vou apenas reproduzir o que saiu na agência G1, sem comentar: "A 6ª turma do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), do Rio de Janeiro, condenou a empresa de ônibus Rápido Macaense a pagar 40 salários mínimos (cerca de R$ 15 mil) por danos morais a três funcionários. Em 2003, durante processo de admissão, eles foram submetidos a um exame de inspeção anal coletivo, na frente de outros funcionários (...)".

++++
NAYA?

Descobriram que a ponte que caiu (com todo respeito) na China esta semana e matou 41 pessoas, era construída apenas com cimento e pedras, sem estrutura metálica. Será que foi a empresa do ex-deputado Sérgio Naya que estava dando consultoria internacional?  O material escolhido na construção foi por motivos 'ambientais': "Para ficar em harmonia com a Natureza", explicou uma autoridade da província de Hunan. E vocês querem entregar a Amazônia aos ambientalistas, não é? Vão ver no que vai dar.

++++
OVER

Na lembrança dos 30 anos da morte (???) de Elvis Presley, os programadores das tevês carregaram na mão e aconteceu uma overdose do cantor desaparecido, com a exibição de filmes, shows, entrevistas e documentários com a biografia dele ...

++++
FRASE

... acabei assistindo a um show de Caetano Veloso, na Brasil TV, que não identificou o evento. Ficou o verso de "Tropicália": "(...) Viva a Bossa, / sá, sá, / viva a fumaça, / sá, sá, sá (...)", bem atual para Porto Velho.

++++
CAÊ

O show do Caetano Veloso estava muito bom, com o destaque para o músico Jacques Morelenbaum, que toca um contra-baixo divino. Na minha modesta e ignorante opinião, há um Caetano antes e depois de Jacques Morelenbaum. Ouvindo a obra do cantor baiano se percebe isso facilmente.

++++
DI MENÓ

A Polícia do Distrito Federal fez um arrastão ontem em Brasília e cidades satélites, prendendo os líderes de mais de 30 gangues, junto com sprays para pichações, armas, drogas e produtos roubados e furtados. Em Porto Velho houve, há poucos dias, a operação "Não Vai Dar Nada", realizada pela Polícia Civil, cujo resultado final não tenho conhecimento.

++++
DI MENÓ – 2

O nome irônico da operação tupiniquim, "Não Vai Dar Nada", é referência ao sentimento de impunidade que os jovens infratores sentem, como se futuros deputados fossem.

++++
ENTÃO É ISSO.
sajunior@rondoniagora.com

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre José Carlos Sá

Turismo ampliado

Turismo ampliado

Previsto para entrar em funcionamento no próximo dia 9, domingo, o passeio na antiga litorina da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, vai ampliar as opçõe

Um partido envelhecido precocemente

Um partido envelhecido precocemente

Uma matéria do jornalista Eduardo Militão, da sucursal de Brasília da UOL descreve o desgaste interno e externo do partido MDB

Bebendo veneno

Bebendo veneno

Ministério da Agricultura liberou mais 31 novos agrotóxicos

A tristeza da miséria humana

A tristeza da miséria humana

Efeitos deletérios da tragédia de Brumadinho