Porto Velho (RO) segunda-feira, 15 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Frei Betto

FRANCISCO E OS FARISEUS - Por Frei Betto


FRANCISCO E OS FARISEUS  - Por Frei Betto - Gente de Opinião


Frei Betto
 
Durante séculos a humanidade viveu convencida de que o céu era um espaço geográfico acima da Terra. Quando Galileu sugeriu que a Terra não é o centro do Universo, e o sol não passa de simples estrela no conjunto infinito de astros, a Igreja foi a primeira a se sentir abalada. Os teólogos da época preferiram não acreditar na ciência de Galileu. Diante de fatos e dados que ameacem a sua estabilidade, o poder opta por ignorá-los ou negá-los por meio de subterfúgio de falsas interpretações.

Do ponto de vista religioso, o protótipo do poder conservador, apegado às tradições do passado e incapaz de se atualizar, é o fariseu. Pela crítica que Jesus fez a ele, descrita no capítulo 23 do Evangelho de Mateus, sabemos que se apega à letra da lei que, com o seu peso, esmaga o espírito humano.

O fariseu é o burocrata da religião. Nas palavras de Jesus, “amarra pesados fardos e coloca nas costas dos homens”, mas ele próprio “não os quer mover nem com o dedo.” Gosta de ser visto e admirado pelos outros e prega o que não é capaz de praticar. Insiste em viver com impecável rigor, embora transgredindo os pontos mais importantes da lei: a justiça, a misericórdia e a fidelidade. “Coa um mosquito e engole um camelo.” Por fora tem boa aparência, mas “por dentro está cheio de podridão, como sepulcro caiado.” É capaz de saber se vai haver chuva ou sol, mas “incapaz de ler os sinais dos tempos (Lucas 12, 56).”

O fariseu não aceita se converter. Apega-se às tradições como se fossem verdades e costumes perenes. Qualquer boa nova soa aos seus ouvidos como suspeita e perigosa. Prefere se fechar em seu casulo que se abrir ao voo livre da história. Encerra-se no apertado cômodo do passado, temeroso de enfrentar as largas avenidas do futuro.

Ora, só é capaz de se atualizar quem cultiva a esperança. Aquele que espera é aberto aos sinais de futuro. Não aceita sedimentar-se no presente e evita se fixar no passado para que não caia sobre ele o castigo da mulher de Ló, transformada em pedra ao olhar para trás.

O fariseu, entretanto, se deixa petrificar no passado. Incapaz de autocrítica e surdo às críticas, se julga dono da verdade. Vestido de prepotências, cavalga em arrogâncias.

É essa resistência conservadora e farisaica que suscita tanta oposição ao papa Francisco, dentro e fora da Igreja Católica. Seus detratores fingem estar convencidos de que Jesus excluiu as mulheres do sacerdócio, instituiu a missa em latim, condenou ao inferno os homossexuais e recomendou aos pobres viver resignados com a sua carência de bens e conformados diante da opulência dos ricos.

De fato, muitos que se opõem ao papa Francisco sabem que a terra lhes treme aos pés. Já não há lugar para uma Igreja triunfalista, apegada ao poder, homofóbica e indiferente aos temas socioambientais e à causa de justiça dos pobres. O deus dos fariseus em nada se assemelha ao Deus de Jesus.
 

Frei Betto é escritor, autor de “Um homem chamado Jesus” (Rocco), entre outros livros.


Copyright 2016 – FREI BETTO – Favor não divulgar este artigo sem autorização do autor. Se desejar divulgá-los ou publicá-los em qualquer  meio de comunicação, eletrônico ou impresso, entre em contato para fazer uma assinatura anual. – MHGPAL – Agência Literária (mhgpal@gmail.comhttp://www.freibetto.org/>    twitter:@freibetto

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Frei Betto

PAULO VI E OSCAR ROMERO PROCLAMADOS SANTOS - Frei Betto

PAULO VI E OSCAR ROMERO PROCLAMADOS SANTOS - Frei Betto

O papa Francisco elevou aos altares da Igreja Católica dois novos santos, o papa Paulo VI, que ocupou a cátedra de Pedro por 15 anos (1963-1978), e mo

ENTREVISTA DE FREI BETTO AO “O GLOBO” SOBRE SEU NOVO LIVRO, “POR UMA EDUCAÇÃO CRÍTICA E PARTICIPATIVA”

ENTREVISTA DE FREI BETTO AO “O GLOBO” SOBRE SEU NOVO LIVRO, “POR UMA EDUCAÇÃO CRÍTICA E PARTICIPATIVA”

1.O senhor tem grande experiência em educação, tanto como teórico como junto a projetos pedagógicos populares, e em "Por uma educação crítica e partic

Frei Betto vê paralelo entre bolsonarismo e ascensão do nazismo

Frei Betto vê paralelo entre bolsonarismo e ascensão do nazismo

"Se o Bolsonaro ganhar a eleição, teremos um governo autoritário, uma ditadura revestida de democracia, como o governo de Hitler no início dos anos 19

'Quem vencer deverá tomar posse no dia 1.º de janeiro de 2019', defende Frei Betto

'Quem vencer deverá tomar posse no dia 1.º de janeiro de 2019', defende Frei Betto

O frade dominicano, que não é filiado ao PT e assessorou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, espera que o partido tenha o apoio de outros candi