Sábado, 20 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Segurança

Após atuação do MPF, Unir adota medidas para garantir a segurança de sua comunidade acadêmica em Porto Velho (RO)

Casos de importunação sexual e furtos foram relatados no campus de Porto Velho


Após atuação do MPF, Unir adota medidas para garantir a segurança de sua comunidade acadêmica em Porto Velho (RO) - Gente de Opinião

A Universidade Federal de Rondônia (Unir) realizou uma série de iniciativas para inibir possíveis crimes no campus José Ribeiro Filho, em Porto Velho, e para garantir a segurança de sua comunidade acadêmica. As medidas foram adotadas após atuação do Ministério Público Federal (MPF), que instaurou procedimento para averiguar a estrutura de vigilância do campus da capital rondoniense, onde casos de importunação sexual e furtos foram relatados.

De acordo com o procedimento, instaurado pelo procurador regional dos Direitos do Cidadão, Raphael Bevilaqua, em reunião realizada em maio do ano passado na sede do MPF, a Unir apresentou informações sobre a estrutura de segurança do campus. Foi mencionado o caso do curso de Direito, que estava sendo realizado de forma virtual, em caráter de excepcionalidade, devido às fragilidades de segurança e da infraestrutura das edificações da universidade.

Na reunião, constatou-se a necessidade de apoio do Batalhão de Polícia Militar para que aumentasse o número de rondas e determinasse a presença da Patrulha Maria da Penha no local, além do auxílio da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec) no monitoramento da segurança da Unir.

Em resposta a questionamentos encaminhados pelo MPF, a Polícia Militar informou que ambos os campi da Unir (o localizado na área central da universidade e o que fica às margens da BR-364) recebem policiamento das guarnições de forma aleatória ao menos três vezes por semana.

Quanto ao videomonitoramento das dependências da Unir, apesar de a Sesdec ter oferecido auxílio nessa área por meio do Centro Integrado de Operações Policiais, a universidade informou ao MPF recentemente que contratou uma empresa para fornecer os serviços de vigilância eletrônica ao campus.

Na última semana, inclusive, a universidade divulgou que deu início à instalação de 180 câmeras e 18 totens de vigilância eletrônica nos campi da capital e do interior de Rondônia. Os totens dispõem de sistema de autofalantes para mensagens programadas e para avisos de alerta que podem ser dados pela central de vigilância, além de botões de emergência que estarão diretamente interligados com a central da Polícia Militar. A previsão da Unir é de que o sistema esteja em pleno funcionamento em Porto Velho em março e, no interior, em abril.

No que diz respeito às deficiências detectadas na estrutura física das dependências da Unir, o MPF foi informado pela universidade que diversas ações de manutenção por todo o campus de Porto Velho e nos campi no interior foram realizadas. Além disso, a Unir tem um novo contrato de manutenção preventiva e corretiva, que dará continuidade a essas ações durante o ano de 2024.

Constatando que as providências adotadas pela Unir foram suficientes para solucionar os problemas estruturais de segurança identificados, o MPF determinou o arquivamento do procedimento.

Gente de OpiniãoSábado, 20 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Investimentos na segurança pública colocam Rondônia em 1º lugar na redução de homicídios em todo o país

Investimentos na segurança pública colocam Rondônia em 1º lugar na redução de homicídios em todo o país

Mais uma vez a gestão do governador de Rondônia, Marcos Rocha é destaque nacional na construção de políticas públicas eficientes em benefício da pop

Atenção deve ser redobrada por parte de condutores, pais ou responsáveis no período de férias escolares

Atenção deve ser redobrada por parte de condutores, pais ou responsáveis no período de férias escolares

Em tempos de férias escolares, quando tende a aumentar o número de crianças brincando nas ruas, na frente das casas ou na região onde moram, a Prefeit

Deputado Jesuíno Boabaid preside audiência de Instrução Legislativa para discutir tabela salarial da segurança pública

Deputado Jesuíno Boabaid preside audiência de Instrução Legislativa para discutir tabela salarial da segurança pública

Sob a presidência do deputado estadual Jesuíno Boabaid, a Audiência de Instrução Legislativa realizada na manhã desta sexta-feira, no plenário Lúcia

Ações da gestão Marcos Rocha colocam RO em 1º lugar no ranking em percentual de reeducandos trabalhando

Ações da gestão Marcos Rocha colocam RO em 1º lugar no ranking em percentual de reeducandos trabalhando

Com a marca de 5.302 reeducandos atuando diretamente em atividades laborais, Rondônia passou a ocupar o 1º lugar no ranking dos estados onde mais in

Gente de Opinião Sábado, 20 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)