Porto Velho (RO) quinta-feira, 27 de janeiro de 2022
×
Gente de Opinião

Coronavírus

Municípios de Rondônia realizam Dia “V” para motivar população a se vacinar contra a covid-19


Vacinação ocorreu em todos os municípios do Estado visando frear o avanço da covid-19 - Gente de Opinião
Vacinação ocorreu em todos os municípios do Estado visando frear o avanço da covid-19

Com intuito de evitar novos casos de covid-19, foi desencadeada no último final de semana, a campanha denominada Dia “V” de vacinação contra o coronavírus nos municípios de Rondônia, realizada pelo Governo do Estado, em parceria com os municípios para intensificar a imunização da população.

Uma equipe de técnicos da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) esteve presente em Ariquemes, onde foram disponibilizadas 13 mil doses de vacinas. A cidade solicitou o apoio da estrutura do SOS Vacinação por apresentar índice de pessoas com o esquema vacinal incompleto. Com atendimento em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e no shopping da cidade, foram aplicadas durante o sábado, 4, o total de 1.948 vacinas, entre primeira, segunda e dose de reforço.

A aposentada, Roselina Maria dos Santos, de 73 anos, compareceu até a UBS do Setor 5, para receber a dose de reforço. “Pra mim é muito importante ser vacinada, porque eu já senti essa doença uma vez e eu não quero sentir novamente, Deus que me livre. Por isso é muito importante, tanto pra mim e para minha família, tomar a vacina. Fico muito contente, porque agora já fiz a minha parte e espero que todo mundo venha fazer a parte de cada”, contou.

Já o aposentado Ezequiel Avelino Gomes, de 73 anos, salientou que é de suma importância que os idosos estejam imunizados. “Sempre importante estar se vacinando né?! Por isso temos que estar vacinados e ficar imunizados contra esse mal”.

ALERTA COM AS FESTAS DE FINAL DE ANO

O secretário da SESAU, Fernando Máximo, bem como o diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório e a secretária Municipal de Saúde, Milena Pietrobon Paiva acompanharam o trabalho das equipes nos pontos de vacinações.

Fernando Máximo, alertou que em todo o Estado são mais de trezentas mil pessoas que deveriam ter recebido a segunda dose e ainda não foram. “Final de ano, sabemos que acontecem as festas, as aglomerações e isso infelizmente pode levar a um aumento grande de casos positivos. Precisamos realmente que as pessoas venham se vacinar, temos vacinas, temos equipe capacitada para aplicar as doses, então, todas as pessoas da sociedade que ainda não tomaram a vacina, precisamos que venham se imunizar”, frisou.

Máximo ainda destacou que somente com o esquema vacinal completo será possível diminuir a chance de se tornar um paciente. “Nós observamos que 81% dos óbitos são de pessoas que não tomaram a vacina da forma correta, 62% não tomaram nenhuma dose da vacina e 19% tomaram apenas a primeira dose. As vacinas estão na geladeira e infelizmente, daqui a pouco, podem perder o prazo de validade”, destacou o secretário.

Esquema vacinal completo é necessário contra a covid-19

Dados divulgados no boletim municipal da covid-19, Ariquemes registrou no domingo (5), 497 casos ativos da doença, sendo um óbito registrado no último sábado (4).

Preocupada com o atual cenário, Simone Lotero de Jesus foi até o shopping da cidade para ser vacinada. “Sempre é importante a gente estar tomando a vacina, porque essa doença mata, e quanto mais a gente se prevenir é melhor. Quem não vacinou, que venha o quanto antes, para que nossa esperança de viver dias melhores se realize”, comentou.

Quem também deixou o medo de lado, foi Jhenifer Gonçalves da Costa, de 22 anos, e que está grávida de seis meses. “A gente tem que vacinar porque é de suma importância para que a gente consiga afastar a covid-19. Eu demorei um pouco para vir vacinar, por conta da gravidez, mas depois de tremer e ficar um pouco nervosa, eu recebi a vacina e agora me sinto mais segura contra essa doença”, afirmou.

O diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório, detalhou que o Dia “V” foi uma ação para incentivar a população a completar o ciclo de imunização o mais rápido possível. “É o momento de união de esforços, do Governo, dos municípios, dos cidadãos, ou seja, essa força toda para fazer a covid não se alastrar novamente. Não deixe que o coronavírus seja esse convidado indesejável para a sua família. Vacine, procure, é direito seu, está no posto, e só você pode fazer isso”, concluiu.

Mais Sobre Coronavírus

Nesta quarta-feira (26/01) foram registrados sete (7) óbitos por covid-19 em Rondônia

Nesta quarta-feira (26/01) foram registrados sete (7) óbitos por covid-19 em Rondônia

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), Superintendência Estadual de Tecnologia da Informação e Comunica

Procura pela vacinação infantil contra a covid-19 está baixa em Porto Velho

Procura pela vacinação infantil contra a covid-19 está baixa em Porto Velho

O processo de imunização contra a covid-19 avança em Porto Velho com a vacinação de crianças a partir de 8 anos de idade. Apesar da ampliação, as unid

Crianças com idades a partir dos 8 anos já podem ser vacinadas contra a covid-19 em Porto Velho

Crianças com idades a partir dos 8 anos já podem ser vacinadas contra a covid-19 em Porto Velho

Crianças com idades a partir dos 8 anos já podem receber a vacina contra a covid-19 em Porto Velho. A redução começa a valer a partir desta terça-feir