Porto Velho (RO) domingo, 3 de julho de 2022
×
Gente de Opinião

Opinião

Finlândia e Suécia solicitam precipitadamente a admissão à nato + Família + Eurovisão da canção 2022 - Ucrânia


Finlândia e Suécia solicitam precipitadamente a admissão à nato + Família + Eurovisão da canção 2022 - Ucrânia - Gente de Opinião

FINLÂNDIA E SUÉCIA SOLICITAM PRECIPITADAMENTE A ADMISSÃO À NATO

50° Aniversário da Política alemã de Mudança através de Aproximação

Com a solicitação da Finlândia e da Suécia de entrada na Nato, alarga esta, legitimamente, as suas fronteiras na direcção da Rússia! Este passo significa que ainda estamos a prosseguir com as rotineiras medidas que nos conduziram à situação atual…

Está-se só a reagir e não a agir, a ser impulsionados, sem concepção nem reflexão e, na consequência, a ser motivados apenas por factores de medo e de poder! Na ausência de um conceito e de uma estratégia europeia comum adaptamos os nossos interesses aos dos USA, cuja política é imperialista, tal como tem sido a da Rússia

Há precisamente 50 anos, a Alemanha iniciou os tratados de Leste com a Rússia (tratado de Moscovo e Varsóvia ratificado pelo Parlamento em 17.05.1972). A Alemanha iniciou então uma política de "mudança através da aproximação", que assegurou a paz na Europa durante os últimos 70 anos

A política alemã, outrora seguida, de aproximação com a Rússia levaria a Europa a encontrar, de novo, o seu lugar específico e relevante na história…

Uma Europa, de alma dividida, sem projecto, sempre olhou com desconfiança para a Alemanha, preferindo, em vez de entrar numa convergência europeia, aliar-se aos EUA, ficando na ilusão que se revelando contra a Alemanha defendia interesses próprios e europeus! De facto, na EU impôs-se o espírito anglo-saxónico que depois se expressou de forma cínica no Brexit!...

De momento, ao identificarmo-nos com os imperialismos russos e americanos, e ao alinharmos apenas pelos interesses da Nato estamos a adiar a Europa a perder o comboio da história europeia e a negligenciar a oportunidade de se iniciar uma política de solidariedade comum com todos os povos numa atitude de paz!...

Para se iniciar uma cultura de paz terá de se ousar mudança através de aproximação e não de confrontação! Para isso pressupõe-se que pelo menos um dos concorrentes renuncie à confrontação e passe a adoptar outros meios!

 

António da Cunha Duarte Justo

Texto completo e nota em Pegadas do Tempo: https://antonio-justo.eu/?p=7472

DIA INTERNACIONAL DA FAMÍLIA

 

Hoje tudo se encontra em competição, todos são condicionados a viverem sob stress; mães, pais, filhos e educadores são os primeiros a senti-lo. Se antes a sociedade vivia mais ao ritmo da natureza hoje passou a viver ao ritmo da opinião publicada que privilegia uma maneira de estar exteriorizada e mais virtual!...

A primeira a ser explorada na família é a mulher; uma sociedade e economia globalistas de matriz masculina em vez de valorizar a feminilidade procura pô-la ao serviço da sua masculinidade, ao âmbito meramente funcional.

Por isso exige-se tudo das mulheres e das mães! Devem estar sempre prontas e à disposição de tudo e de todos e, além do mais, é-lhes exigido fazerem uma carreira perfeita: funcionalidade pura ao serviço da família e ao serviço da economia! …

Corta-se o âmbito privado (familiar) para se passar a viver no âmbito público, à custa do tempo passado juntos; da "geração televisiva" que assistia ao mundo sentada, passou-se à geração smartphone que corre por todo o lado e em todo o lado tem de estar presente sob a supervisão do google.

A família perde muito do seu espaço privado transpondo-o para as empresas globais!  …

Na esfera doméstica e na criação dos filhos, a mulher vê a sua condição, muitas vezes, a ser tornada invisível…

Tudo o que se fizer em benefício da mulher e da mãe (pela feminilidade) reverte em benefício de todos, da família, do homem e da sociedade!

António da Cunha Duarte Justo

Texto completo em Pegadas do Tempo, https://antonio-justo.eu/?p=7462

 

 

EUROVISÃO DA CANÇÃO 2022 – UCRÂNIA

 

 1° Ucrânia, 9° Portugal e Alemanha em último lugar (25°)

A Ucrânia ganhou o Concurso do Festival Eurovisão da Canção de 2022.

Como se verificou, pelos resultados, não foi a qualidade musical e visual que determinou os resultados, mas o ponto de vista de vizinhança e alinhamento político dos países!

Como sempre, mas especialmente neste concurso de género pop, realizado agora na Itália, sob o pano de fundo da guerra, o resultado expressa, sobretudo, o poder da atmosfera política sobre o público (maior factor de identificação)!

Este festival tradicional poderia considerar-se um bom barómetro das relações internacionais!

A Ucrânia recebeu pontos em televotos de cada um dos 39 países votantes, coisa que apenas Portugal tinha conseguido em 2017. A Ucrânia conseguiu a votação mais alta alcançada até agora: 93,8% da pontuação.

A Ucrânia está de Parabéns.

Quanto ao público votante poder-se-á concluir que em sociedade o que mais conta é o estado de espírito. Fundamental para a formação da opinião pública é o soprar do vento!

 

A pontuação final:

1°Ucrânia: 631 pontos

2°Reino Unido: 466 pontos

3° Espanha: 459 pontos

4°Suécia: 438 pontos

5°Sérvia: 312 pontos

6°Itália: 268 pontos

7°Moldávia: 253 pontos

8°Grécia: 215 pontos

9°Portugal: 207 pontos

25° Alemanha: 6 pontos

António da Cunha Duarte Justo

Pegadas do Tempo, https://antonio-justo.eu/?p=7466

Mais Sobre Opinião

Política e religião: mistura explosiva

Política e religião: mistura explosiva

Quando um cristão cede à tentação do diabo e cai em desgraça o mundo se alegra, porque a missão do diabo é exatamente tentar destruir a obra de Deus

A hora está chegando

A hora está chegando

Que o povo tem a sua força numa democracia é algo que há muito tempo está enraizado no imaginário social, e que não deixa de ser uma verdade, porém,

Epidemia de Homenagens

Epidemia de Homenagens

VOCÊ JÁ VIU TANTA GENTE SER HOMENAGEADA em tão pouco tempo por aqui? Pois é... Por que será? Teriam os políticos sido contaminados por um vírus que

A documenta (D15) preanuncia a chegada do sul global + A Cimeira 2022 do G 7 em tempo de viragens + Partilha é o novo TER

A documenta (D15) preanuncia a chegada do sul global + A Cimeira 2022 do G 7 em tempo de viragens + Partilha é o novo TER

A DOCUMENTA (D15) PREANUNCIA A CHEGADA DO SUL GLOBALA Expressão antissemítica foi um Golo na própria Baliza – Nada é como pareceJá não bastava a dis