Porto Velho (RO) terça-feira, 22 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Bovespa fecha em alta de 2%. Dólar, em dia de ajustes, cai 0,36%


Agência O Globo RIO - A Bolsa de Valores de São Paulo encerrou o pregão desta segunda-feira em alta de 2,01%, aos 36.224 pontos, com volume financeiro de R$ 1,545 bilhão, abaixo da média diária de R$ 2,4 bilhões. O risco-país cedeu 1,70%, aos 231 pontos. O dólar comercial, que teve um dia de ajustes, fechou em queda de 0,32%, vendido a R$ 2,1930. A entrada de recursos externos influiu na queda, embora uma nova intervenção do Banco Central comprando dólares no mercado tenha tentado conter a desvalorização. A bolsa paulista, a exemplo de outros mercados emergentes, concentrou as atenções no comportamento dos negócios em Nova York que, por sua vez, refletiram as expectativas dos investidores em relação aos resultados de empresas, aos rumos da política monetária americana e à crise militar no Oriente Médio. As bolsas européias fecharam em alta expressiva, repercutindo aumento de fusões e aquisições neste mês e os bons resultados de empresas americanas no trimestre. EUA - Na semana, os destaques, nos Estados Unidos e ainda segundo analistas, serão a primeira prévia do PIB no segundo trimestre (na sexta-feira), os novos pedidos de seguro-desemprego (quinta-feira) e o Livro Bege do Fed (quarta-feira). COPOM - No cenário doméstico, espera-se que a ata do Copom possa sinalizar os rumos do BC em relação ao ritmo de queda das taxas de juros. JUROS - Os juros futuros voltaram a cair na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) nesta segunda-feira, após discreta alta dos contratos de depósito interfinanceiro (DI) na sexta. O DI com vencimento em janeiro de 2008, caiu de 14,73%, na sexta-feira passada, para 14,71% ao ano.

Mais Sobre Economia - Nacional

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões