Porto Velho (RO) quarta-feira, 3 de junho de 2020
×
Gente de Opinião

Piscicultura

Festival Tambaqui da Amazônia acontecerá na Esplanada dos Ministérios

Ações já estão definidas e Sebrae é protagonista no evento


Festival Tambaqui da Amazônia acontecerá na Esplanada dos Ministérios - Gente de Opinião

A cadeia produtiva do pescado é uma das vertentes de sustentabilidade do agronegócio em Rondônia e seu principal produto é o Tambaqui da Amazônia. O fato de ser produzido sem alterar o equilíbrio dos ecossistemas de água doce é uma característica que atrai consumidores, porque não é resultante de pesca predatória. O Conselho Deliberativo Estadual (CDE) do Sebrae em Rondônia tem dois integrantes que são entusiastas desse mercado, o secretário da Agricultura Evandro Padovani e o presidente das Federação das Associações Comerciais de Rondônia (Facer) Francisco Hidalgo Farina, que também preside a Associação dos Criadores de Peixes de Rondônia (Acripar). Durante a realização da 8ª Rondônia Rural Show em Ji-Paraná, o maior evento de agronegócios da Região Norte, o secretário nacional de aquicultura e pesca, Jorge Seif Júnior, encontrou-se com o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha. Após reunião com equipe técnica do governo, produtores rurais e representantes de associações comerciais, o secretário ficou animado com a capacidade produtiva da piscicultura no estado. O secretário e o governador, conhecendo o sucesso do “Churrasco de Tambaqui” do município de Ariquemes que já está na terceira edição, lançaram a ideia de definir ações para a realização do primeiro Festival Tambaqui da Amazônia. Depois de análise dos atores desse segmento produtivo, ficou decidido que o evento ocorrerá em Brasília-DF, no dia 7 de agosto.

Depois da decisão, os representantes da Acripar, o secretário estadual de agricultura de Rondônia e técnicos do Sebrae definiram procedimentos para a realização que será na esplanada dos ministérios O Sebrae custeará a viagem e estadia de 25 pessoas que irão preparar 4 mil bandas do pescado para servir durante o evento. O Sebrae também vai custear as tendas, o palco e a estrutura, enquanto que o Governo do Estado ficará a cargo da mídia e outras atribuições. O presidente da Acripar, Francisco Hidalgo Farina, explicou que a ideia do festival é divulgar o peixe Tambaqui em um grande centro consumidor, por isso a escolha da capital do país num evento de degustação com a presença do Presidente da República, autoridades e, em dada proporção, aberto e gratuito às entidades beneficentes. 

São vários parceiros para garantir o sucesso da programação como o fornecimento do peixe e demais preparativos dentre eles a Federação da Agricultura do Estado de Rondônia (Faperon), Associação Comercial e Industrial de Ariquemes, Governo do Distrito Federal, Zaltana Pescados, dentre outros.

Mais Sobre Piscicultura

Paulo Skaf declara apoio ao II Festival Tambaqui da Amazônia em São Paulo

Paulo Skaf declara apoio ao II Festival Tambaqui da Amazônia em São Paulo

Paulo Skaf, presidente da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), conselheiro do Sebrae em São Paulo, entidade que já exerceu a função de presi

Criação de peixes tem apoio do projeto Piscicultura no Estado de Rondônia

Criação de peixes tem apoio do projeto Piscicultura no Estado de Rondônia

Rondônia é o maior produtor brasileiro de tambaqui e pirarucu em tanque escavado, sendo o Vale do Jamari e a Região Central de Rondônia são os p

Piscicultores querem atrair investimentos na industrialização em 2020

Piscicultores querem atrair investimentos na industrialização em 2020

A industrialização do pescado para conquistar novos mercados foi um dos temas que orientou o “Dia de Campo” promovido pelo Sebrae e pela Associação de

Tambaqui - Rondônia tem potencial para fornecer 45 toneladas/mês ao mercado paulista

Tambaqui - Rondônia tem potencial para fornecer 45 toneladas/mês ao mercado paulista

Depois de ajustar com o Diretor presidente da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), Johnni Hunter Nogueira, para o di