Porto Velho (RO) quinta-feira, 21 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Sergio Pires

Denúncia de jornalista espanhola + Ladrão de fios morre + A versão de militar do governo Bolsonaro


Denúncia de jornalista espanhola + Ladrão de fios morre + A versão de militar do governo Bolsonaro  - Gente de Opinião

O TRÁFICO DE DROGAS E ARMAS TÊM A VER COM O FORO DE SÃO PAULO? DENÚNCIA DE JORNALISTA ESPANHOLA DIZ QUE SIM

 

Será que tem algum fundo de verdade? Se tiver, há que se exigir uma investigação profunda não só das autoridades brasileiras e de instituições como o Ministério Público Federal, mas também em nível internacional. Se for mentira, se for invenção, se não houver base de informações concretas que a levaram a fazer a denúncia que explodiu no final de semana, a jornalista espanhola Cristina Segui, (assim como o merecem jornalistas e comentaristas brasileiros que inventam todos os dias mentiras e meias verdades sobre o governo Bolsonaro), merece todo o repúdio da sociedade.  Numa longa matéria apresentada pela TV Record, Cristina Segui disse que começou a investigar o assunto desde que um assessor importante do presidente venezuelano Nícolas Maduro,  o seu ex-chefe da inteligência , Hugo Carvajal, foi apontado como um dos grandes comandantes do tráfico na América Latina. Foragido, Carvajal foi preso na Espanha, no mês passado. Segundo a jornalista, ele estava sob proteção de autoridades espanholas, o que é outra acusação grave. A longa matéria jornalística, surpreendentemente, não teve repercussão em outras emissoras e nem nos poucos jornalões sobreviventes da grande mídia impressa, a não ser por alguns textos que procuraram desacreditar a jornalista, considerada um dos grandes nomes da imprensa da Espanha. O site esquerdista DCM, por exemplo, disse que a famosa jornalista que fez a denúncia é da extrema direita e “especialista em criar Fake News”. O Foro de São Paulo foi criado pelos ex-presidentes Fidel Castro, de Cuba e Lula, do Brasil. Reúne atualmente mais de 120 partidos de esquerda do mundo todo. A meta é implantar o comunismo em todos os países que representam.

 

Imagine-se, só por um segundo, que algum assessor de Bolsonaro fosse acusado de ser chefão das drogas e se tornasse foragido. Imagine-se se houvesse alguma acusação de que o próprio Presidente estivesse envolvido em alguma entidade, sob suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas, armas e pessoas, como denunciou Cristina Segui em relação a Lula e ao Foro de São Paulo? Quantos minutos a Procuradoria Federal, o Ministério Público Federal, a OAB e outras entidades e instituições levariam para que fossem abertas ao menos uma dezena de investigações sobre o caso? Por enquanto, ao menos, não se ouviu um só pronunciamento oficial sobre eventuais investigações, de lado algum. Certamente haverá sim mais cedo ou mais tarde, para que o tema seja analisado, até porque uma denúncia desse tamanho precisa ser mote de investigação. Tanto o Foro de São Paulo quanto o ex-presidente Lula negaram qualquer veracidade nas denúncias de Cristina Segui. A entrevista completa pode  ser assistida pelo link https://recordtv.r7.com/domingo-espetacular/videos/jornalista-espanhola-afirma-que-grupo-fundado-por-lula-tem-estrutura-criminosa-10102021.

 

 

 

COVID: OS NÚMERO DE VACINAS NÃO BATEM E O MÊS SEM MORTES EM 30 CIDADES RONDONIENSES

As informações da Secretaria de Saúde do Estado apontam que já chegaram ao Estado quase 1 milhão e 500 mil doses de vacinas. No boletim do domingo, contudo, o número divulgado pela própria Sesau e pela Agevisa é bem diferente: menos de 2 milhões e 40 mil doses. Uma diferença significativa de mais de 460 mil vacinas. Qual o número certo? Provavelmente o número maior é o de vacinas que realmente chegaram e o menor é das que já estão à disposição das Prefeituras, excluindo-se as segundas doses, que serão aplicadas ainda. Mesmo assim, a sugestão é que os número da Covid, sejam em que plataformas forem divulgadas, precisam falar a mesma linguagem. Incontestáveis, por exemplo, sõ os que informam os número de óbitos. Até o domingo, no Boletim 563, tínhamos um total de 6.543 vidas perdidas, durante os quase dois anos de pandemia, mas, a boa notícia é de que, tanto o número de mortes quanto de novas contaminações despencou em Rondônia. E no Brasil. Por aqui, pelo menos 30 municípios não registraram óbitos em setembro. E a segunda-feira amanheceu com apenas 58 pessoas internadas em todos os nossos hospitais.

 

TERCEIRA DOSE LIBERADA PARA TODOS OS PÚBLICOS, NA CAPITAL

Por falar em vacinas, a Prefeitura da Capital liberou geral, para a aplicação de terceira dose ou dose de reforço. Embora ainda faltem mais de 3 mil idosos para serem imunizados, porque não se interessaram em receber a proteção, a estrutura criada para atender a todos, tanto na Escola do Legislativo quanto no Porto Velho Shopping, está atendendo praticamente todos os públicos. A única exigência é que o candidato à dose extra tenha recebido a segunda há pelo menos seis meses. Podem ser vacinados: idosos acima dos 60 anos; profissionais da saúde, professores e todo o pessoal de apoio da Educação; trabalhadores da indústria e do comércio; funcionários de funerárias e pessoal do transporte coletivo; deficientes; mulheres a partir de 18 anos que recém foram mães e até adolescentes a partir dos 12 anos, sem comorbidades. A relação é ampla e está à disposição no site da Prefeitura. Para quem se vacinou com duas doses da Coronavac, a terceira será com a vacina da Pfeizer. Os com Astrazeneca, receberão ela mesma. Na Escola do Legislativo, a vacinação ocorre de manhã e à tarde até às 16 horas. No shopping, das 14 até 20 horas.

 

HOSPITAL DE CAMPANHA TERÁ UMA ALA SÓ PARA A COVID. E CIRURGIAS INFANTIS COMEÇAM LOGO

Ainda na área da a saúde, a Sesau anuncia, para os próximos dias, o início de um mutirão de cirurgias pediátricas, muitas das quais só agora podem ser feitas, porque os riscos da pandemia, até há pouco tempo, não as permitia. Segundo o secretário Fernando Máximo, as cirurgias serão realizadas no Hospital de Campanha, onde apenas uma ala, totalmente isolada, será utilizada para os poucos pacientes ainda internados com o vírus. Salas de cirurgia estão sendo preparadas para que os atendimentos comecem logo. O Hospital e Campanha é aquele mesmo que foi alvo de críticas, quando comprado pelo Estado. Com a pandemia chegando se aproximando do fim, o hospital, que salvou centenas de vidas de rondonienses infectados com a doença, passará a fazer parte de todo o sistema de saúde da Capital e do Estado. Enquanto alguns hospitais de campanha país afora custaram fortunas e seis meses depois eram desativados, o de Porto Velho ficará ainda por longos anos, servindo a população.

 

LIVRO COM MAIS DE 120 MINUTO DE VÍDEOS DÁ A VERSÃO DE MILITAR DO GOVERNO BOLSONARO

Outra polêmica à vista! Com pouco espaço na mídia e nas livrarias,  porque a favor do governo, o  Comandante Winston Ozires Lima, da Reserva da Marinha, anda por Rondônia,  divulgando o livro que escreveu em parceria com outro militar, Emílio Kerber, dando sua versão sobre as primeiras fases de Jair Bolsonaro no comando do país. A grande novidade do livro é que, para cada tema tratado, o leitor pode acessar, através de um QR Code, vídeos sobre o assunto abordado, mostrando comentários, entrevistas e declarações de Bolsonaro acerca do que foi abordado no capítulo. São mais de 120 minutos de vídeos. No final da tarde desta segunda-feira, o Comandante realizou uma sessão de autógrafos com palestra sobre seu livro, num evento realizado no Mirante Canoas Quebrada, à beira do rio Madeira. Há ainda sessões de autógrafo e contato com leitores, programado para Cacoal e Vilhena. Ji-Paraná também deve entrar no roteiro. O autor afirma que a intenção do livro é deixar para a História uma versão verdadeira sobre o atual governo.

 

LADRÃO DE FIOS MORRE CARBONIZADO. CRIMINOSOS LEVAM DE TUDO, ATÉ TRANSFORMADORES

Toda a morte merece luto e tristeza. Mesmo quando é a própria vítima que a causa. Por isso, há que se lamentar o acidente fatal que sofreu um jovem de apenas 23 anos, neste final de semana, em Pimenta Bueno. Sem qualquer cuidado, ele foi tentar furtar fios da subestação da Energisa, naquela cidade. Acabou “torrado”, ao tocar em fios de alta tensão. Além da morte trágica, o acidente acabou cortando o fornecimento de energia elétrica para mais de 12 mil pessoas na cidade vizinha, Espigão do Oeste, que só tiveram o reabastecimento normalizado muitas horas depois. O roubo de fios tem sido uma constante no Estado inteiro. Só neste ano, em Porto Velho, nada menos do que 500 mil reais já foram contabilizados como prejuízo. Há alguns poucos meses, só para ilustrar a falta de medo dos criminosos de serem pegos, aqui mesmo na Capital, num condomínio luxo, os ladrões levaram nada menos do que um grande transformador, deixando os moradores no escuro. Até hoje, não há sequer um receptador preso por adquirir o produto de todos esses roubos, lamentavelmente.

 

GÁS SOBRE DEMAIS PARA OS POBRES E GASOLINA AFETA MAIS O BOLSO DA CLASSE MÉDIA

Em Sinop, no Mato Grosso, a botija de gás é a mais cara do Braail. Bateu nos 135 reais, com o reajuste dos derivados do petróleo, aprovado pela Petrobras, no final de semana. Em Porto Velho, até a última-feira, a botija de 13 quilos ainda custava 113 reais, mas já está beirando os 120 reais em alguns locais e até 125 em outros. O custo do gás é o que mais prejudica as famílias brasileiras mais pobres, que não têm condições de arcar com um gasto deste tamanho. Já para a classe média, o drama é o custo do litro da gasolina. No final de semana ainda se conseguiu abastecer com um preço médio na faixa dos 6 reais e 9 centavos. Nesta segunda, o aumento já chegou às bombas. Na maioria delas, o valor já está em 6 reais e 39 centavos, enquanto existem postos que subiram o valor para 6 reais e 50. A alta do dólar ante o real continua sendo a principal causa dos aumentos. Mas há outras alternativas que o governo poderia adotar, como diminuir o álcool anidro na gasolina e negociar com os Estados a diminuição do ICMS. Por enquanto, contudo, nada disso foi resolvido. E nós aqui, oh, só levando....

 

“NÃO IMPORTA QUEM GANHE, EU VOU SAIR PERDENDO”, LAMENTA O PESSIMISTA

A menos de um ano das eleições de 22, partidos, pré-candidatos, candidatos já definidos e possíveis candidatos correm contra o tempo, tentando preparar seus caminhos desde agora. A verdade é que há agora um emaranhado de partidos e, com o final das coligações, muitos estão correndo risco de não conseguirem montar uma nominata viável e, principalmente os nanicos, ficaram sem o balcão de negócios, que não lhes dava poder, mas dava dinheiro. A minirreforma eleitoral, que ficou muito longe de algo ideal para a legislação que comandará a disputa do ano que vem, praticamente não serviu para nada. De certa forma, foi melhor assim, porque cada vez que nosso Congresso muda alguma coisa, principalmente nesta área,  é sempre para pior. A fortuna destinada aos partidos, por exemplo, é um acinte contra os pobres brasileiros, mas nisso não se mexe. Aliás, mexe sim, mas sempre para encher mais bolsos...dos mesmos. O pessimista, nestas alturas dos acontecimentos, tem razão outra vez, quando diz que “não importa quem ganhe, eu vou sair perdendo!”.

 

PERGUNTINHA

Você acha que o medicamento, surgido nos Estados Unidos, chamado de Molnupiravir, pode mesmo curar a doença na fase inicial ou ainda é muito cedo para se comemorar esta possibilidade? 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Sergio Pires

O quinteto que já definiu candidatura + O casal Chaves e Expedito + Será que a Câmara vai concretizar o absurdo contra o MP?

O quinteto que já definiu candidatura + O casal Chaves e Expedito + Será que a Câmara vai concretizar o absurdo contra o MP?

PLANOS PARA 2022: O QUINTETO QUE JÁ DEFINIU CANDIDATURA AO GOVERNO Como está a situação da disputa pelo governo neste momento? É sempre bom lembrar

Injustiça contra secretária Cleidimara + A chacina anunciada + Nióbio de Rondônia + CPI do Circo

Injustiça contra secretária Cleidimara + A chacina anunciada + Nióbio de Rondônia + CPI do Circo

OUTRA BIOGRAFIA JOGADA NO LIXO. INJUSTIÇA CONTRA SECRETÁRIA CLEIDIMARA CHEGOU A NOVE ANOSNão se pode perdoar ou ter complacência com ladrões do dinh

Hospitais de Rondônia correram o risco de paralisar + Impunes, bandidos continuam matando + Rodoviária e Espaço Alternativo

Hospitais de Rondônia correram o risco de paralisar + Impunes, bandidos continuam matando + Rodoviária e Espaço Alternativo

HOSPITAIS DE RONDÔNIA CORRERAM O RISCO DE PARALISAR  ATENDIMENTOS EM PLENA CRISE DA PANDEMIA Ao contrário das primeiras informações desta quinta-fei

Quase 250 mil alunos voltaram às aulas presenciais + Bolsonaro vem entregar certificado em Ji-Paraná + Esquenta disputa pela OAB

Quase 250 mil alunos voltaram às aulas presenciais + Bolsonaro vem entregar certificado em Ji-Paraná + Esquenta disputa pela OAB

QUASE 250 MIL ALUNOS E PESSOAL DA EDUCAÇÃO VOLTARAM ÀS AULAS PRESENCIAIS. HOUVE SÓ QUATRO CASOS DA COVID  Cerca de 45 mil estudantes e outros quase c