Porto Velho (RO) sábado, 19 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Saúde

Vacinação tranqüila no primeiro dia de campanha influenza (H1N1)


  

Começou nesta segunda feira,(08/03), em treze postos de saúde da capital a Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus da Influenza (H1N1). A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) colocou a disposição da população várias equipes de vacinadores que tem como meta vacinar na Capital durante toda a campanha quase 200 mil pessoas. 

Na primeira etapa os trabalhadores da saúde e a população indígena serão atendidos, seguindo as outras etapas que compreenderão pessoas com problemas crônicos, crianças de seis meses a dois anos de idade, gestantes, adultos de 20 a 29 anos e idosos. Haverá a composição de duas equipes por unidade, onde uma será responsável pela aplicação da vacina na população e outra atenderá a vacinação de rotina, também será disponibilizado equipes volantes para atender as necessidades de vacinação de idosos acamados, portadores de co-morbidades, dos profissionais da saúde lotados na rede privada, entre demais usuários dos grupos tidos em situações especiais tais como: presídios, internação hospitalar ou condições que comprometam o deslocamento dos mesmos até o posto de vacinação.
A divisão de imunizações da Semusa alerta para as contra indicações, ainda que restritas, para antecedentes de reação anafilática severa aos componentes da vacina e para portadores de doenças agudas graves. Os eventos adversos realcionados à vacinação são poucos freqüentes e na maioria são passageiros e se resolvem naturalmente em até 48 horas. Segundo os profissionais envolvidos nas estratégias de vacinação, uma das maiores barreiras encontradas é o medo das injeções e das reações. No ano passado foram notificados 108 casos suspeitos, mas apenas 34 foram confirmados e houve um óbito.


Unidades de Saúde envolvidas na campanha:

Zona Central

- Centro de Saúde Mauricio Bustani
- Policlínica Ana Adelaide
- Unidade de Saúde da família Aponiã
-Centro de Saúde Agenor de Carvalho 

Zona Leste:
- Policlínica José Adelino
-Unidade de Saúde da Família do Mariana
-Policlinica Hamilton Raulino Godim 

Zona Norte
- Unidade de Saúde da Família do São Sebastião
-Unidade de Saúde da Família do Ronaldo Aragão 

Zona Sul
-Centro de Saúde Osvaldo Piana
-Centro de saúde Caladinho
- Policlínica Manoel Amorim de Matos
-Centro de saúde Areal da Floresta 

Fonte: Aurimar Lima

Mais Sobre Saúde

SENAI garante manutenção de respiradores da rede pública do Estado

SENAI garante manutenção de respiradores da rede pública do Estado

A rede pública de Rondônia recebeu essa semana, seis respiradores pulmonares que passaram por manutenção do Serviço Nacional de Aprendizagem Industr