Porto Velho (RO) domingo, 5 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Saúde

Prefeitura informa primeiro caso suspeito de coronavírus em Vilhena e anuncia medidas de prevenção

Após reunião com médicos, professores, vereadores e secretários, prefeito explicou ações de precaução contra a doença


Prefeitura informa primeiro caso suspeito de coronavírus em Vilhena e anuncia medidas de prevenção - Gente de Opinião

O primeiro caso suspeito de covid-19 (coronavírus) foi identificado em Vilhena e anunciado pela Prefeitura em coletiva de imprensa no último domingo, 15, juntamente com órgãos do Estado e União no auditório do Paço Municipal. O paciente de 11 anos de idade está sendo tratado em casa e é o único da família que apresentou sintomas de resfriado intenso, após viagem para os Estados Unidos. Exames definitivos devem ficar prontos na próxima semana. Várias medidas de prevenção à doença foram anunciadas pelas unidades de saúde e escolas. 

Estavam na reunião o prefeito Eduardo Japonês, o presidente da Câmara de Vereadores, Ronildo Macedo, o secretário municipal de Saúde, Afonso Emerick, a coordenadora da Epidemiologia, Susiane Bonfim, a secretária municipal de Educação, Vivian Repessold, o diretor do Hospital Regional de Vilhena (HRV), Faiçal Akkari, o diretor clínico do HRV, André Oliveira, representantes da Secretaria de Estado de Educação, além da vereadora Professora Valdete, o diretor do Ifro Vilhena, Aremilson Elias, entre outros servidores, diretores escolares, profissionais de Saúde e Educação. 

A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) acompanha o caso desde a tarde de ontem e reuniu-se com as autoridades e especialistas para elaborar as medidas de prevenção no município. A Vigilância Epidemiológica fez visita no local e cumpre as medidas previstas no protocolo do Ministério da Saúde. A coleta de amostras para exame foi feita e, até quarta-feira, deve estar pronto o exame para H1N1 e, até o dia 23, o resultado para covid-19, emitido por laboratório de São Paulo. 

“Chamei todos os órgãos envolvidos e debatemos longamente nesta manhã as ações necessárias para evitar o vírus em Vilhena. A família foi orientada a ficar em isolamento dentro de casa e é acompanhada pelos profissionais de Saúde da Prefeitura. Seguindo a ética médica, não serão divulgados dados detalhados do paciente”, explica o prefeito Eduardo Japonês. 

O HRV suspendeu por 30 dias as visitas na unidade, mas os acompanhantes que forem necessários continuarão tendo acesso ao hospital. Servidores foram preparados nas unidades básicas para atender aos possíveis casos que venham a surgir. Serão liberados telefones de contato das unidades de saúde para que a pessoas usem como canal para tirar dúvidas, sem precisar se aglomerar nos postos de saúde.

 “Estamos recebendo muitas ligações e verificando todos os casos. São cinco páginas de questões a serem respondidas para classificar um caso como suspeito e estamos sendo rigorosos no controle disso. O momento é de alerta para cuidarmos individualmente de nossa higiene e saúde”, explica Afonso Emerick. 

As recomendações de prevenção envolvem abrir janelas em todos os ambientes, lavar as mãos com frequência, ter boa alimentação e ingerir bastante água, evitar aglomerações, evitar consumo de líquidos de maneira compartilhada, evitar contatos próximos com estranhos, preferir sucos de limão, laranja ou acerola. 

“Quem está com sintomas de gripe deve usar máscara, pois pode transmitir o vírus. Os idosos são os mais ameaçados, e também aqueles que têm hipertensão, tabagistas, diabéticos ou doenças respiratórias”, explica o diretor clínico do Hospital, André Oliveira. 

Ainda que em Rondônia haja poucas máscaras disponíveis, o estoque da Secretaria Municipal de Saúde de Vilhena é adequado para lidar com a situação por várias semanas. 

A rede municipal de Educação informou que está retirando os alunos com gripe das aulas, evitando filas e orientando pais e famílias sobre cuidados necessários. “Nós já estávamos em alerta desde os casos de meningite, surgidos recentemente. Temos álcool em gel em muitas delas e também vamos promover a disseminação das informações de alerta”, explica Vivian Repessold, secretária municipal de Educação. 

O presidente da Câmara de Vereadores, Ronildo Macedo, disse que fará reunião com os demais parlamentares. “Vamos nos reunir com os outros vereadores para analisar o caso e, ao mesmo tempo, procurar evitar o pânico. Vilhena ainda não tem casos confirmados e o Executivo e Legislativo precisam se unir para combater essa doença”, completou. 

Telefones dos Postos de Saúde para sanar dúvidas sobre o covid-19:

 

UBS Afonso Mansur 3321-5600

UBS Carlos Mazala 3322-6512

UBS Cristo Rei 3322-9666

UBS São José 3321-1578

UBS Industrial 3322-9321

UBS João Luiz 3321-5816

Mais Sobre Saúde

Especialistas alertam contra a dengue em Vilhena: campanha começa nesta quarta-feira, 25

Especialistas alertam contra a dengue em Vilhena: campanha começa nesta quarta-feira, 25

Enquanto o mundo enfrenta a pandemia do coronavírus (covid-19), o Brasil e Vilhena enfrentam outro desafio importante: a luta contra a dengue. O númer

Fecomércio Rondônia apoia plano de ação nacional da CNC/Sesc/Senac para combate ao coronavírus

Fecomércio Rondônia apoia plano de ação nacional da CNC/Sesc/Senac para combate ao coronavírus

A Confederação Nacional de Bens de Comércio, Serviços e Turismo (CNC) enviou ao presidente da República, Jair Bolsonaro, na última sexta-feira (20)

Campanha contra Influenza tem início imunizando idosos e profissionais da saúde em Porto Velho

Campanha contra Influenza tem início imunizando idosos e profissionais da saúde em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho através da Secretaria Municipal de Saúde inicia nesta segunda-feira (23), em todos os postos de saúde da capital e distrit

 Coronavírus: notificações em Rondônia - 10ª Edição

Coronavírus: notificações em Rondônia - 10ª Edição

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga os dados