Porto Velho (RO) sábado, 19 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Saúde

Prefeitura habilita supervisores de dengue



Coordenados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), cerca de 50 servidores entre técnicos e especialistas participam do Curso de Capacitação para Supervisores de Controle da Dengue e Malária, com ênfase na atenção básica. O curso é realizado no Hotel Rondon até sexta- feira (12).

Participam do curso supervisores de campo e diretores de unidades de Saúde da Família e  de unidades piloto (USF Aponiã, e USF de Jacy-Paraná). O curso também promoverá a integração das ações de Atenção Básica e Vigilância em Saúde, além de formar supervisores de campo. Neste tema são sugeridas as melhores estratégias para integrar as ações em todo o estado de Rondônia, sob o enfoque da malária. Participam os diretores dos departamentos de Controle de Zoonoses, de Vigilância Epidemiológica e Ambiental e da Atenção Básica. O curso pretende apresentar também as atividades do controle da dengue e malária, assim como exibir o filme sobre o histórico da Saúde Pública no Brasil, e também as ações de Educação em Saúde e Mobilização Social

A Dengue e a Malária
Na programação estão temas como a situação epidemiológica da dengue no Brasil, em Rondônia e em Porto Velho e as características clínicas e epidemiológicas, aspectos clínicos e a vigilância da doença. Ainda sobre Dengue, o curso vai abordar temas como a Entomologia e os indicadores entomológicos da Dengue. Nesse tema, os participantes participam da palestra de como planejar uma operação de campo, além de conhecer qual o melhor planejamento das atividades especiais enfatizando os pontos estratégicos, bloqueio de transmissão, pendências, reservatórios de difícil acesso e as armadilhas.

A situação epidemiológica da malária no Brasil através do Programa nacional de Controle da Malária, os tipos de controle vetorial, a classificação das pragas são alguns dos temas a serem discutidos no curso. Os coordenadores vão apresentar o Plano para o controle da malária no Município de Porto Velho frente à construção das UHE do Complexo rio Madeira.

Para a apresentação dos temas sobre a dengue, está em Porto Velho o palestrante, Sidinei Soares, representando a Secretaria de Vigilância em Saúde, da Coordenação Nacional de Controle da Dengue,  e  representando a Coordenação Nacional de Controle da Malária, participa o técnico Rui Braz.

A Supervisão
Entre as doenças abordadas no curso, também estão a Tuberculose, Hanseníase, Doença de Chagas e Leishmaniose. O Sistema Único de Saúde – SUS, também está na programação do curso, na qual vão ser abordados os princípios, as diretrizes, o financiamento e a organização do sistema.

Segundo diretora do Departamento de Vigilância Epidemiológica e Ambiental, a médica veterinária Régia Martins, supervisionar os programas não é uma tarefa fácil. "Supervisionar ou coordenar um programa ou qualquer atividade tem sempre a responsabilidade sobre o conhecimento e este curso tem o objetivo de aprimorar o conhecimento dos nossos técnicos em várias áreas, o que na prática representa uma melhor qualidade do serviço oferecido pela saúde pública", afirma a veterinária.

Fonte: Ascom

Mais Sobre Saúde

SENAI garante manutenção de respiradores da rede pública do Estado

SENAI garante manutenção de respiradores da rede pública do Estado

A rede pública de Rondônia recebeu essa semana, seis respiradores pulmonares que passaram por manutenção do Serviço Nacional de Aprendizagem Industr