Porto Velho (RO) sábado, 26 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Saúde

Planta evita o aumento de larvas da dengue


 
O início do período chuvoso em Cacoal traz o risco de epidemia de dengue. O município já enfrentou duas epidemias, uma entre 2004 e 2005, e outra no período chuvoso do ano passado até abril deste ano. Foram mais de três mil casos e 30 mortes por dengue clássica e hemorrágica.

Para prevenir a doença, uma escola do município fez uma pesquisa e descobriu que existe uma planta com potencial de evitar a proliferação da larva do mosquito Aedes Aegitpy, transmissor da doença.

A planta mágica se chama Crotalária Juncea e é originária da Índia. A planta dá flores amarelas que atraem libélulas, estes insetos precisam de água limpa e parada para por suas larvas, e elas devoram as larvas do mosquito transmissor da dengue, uma forma natural de evitar a proliferação da doença.

Para esclarecer melhor o uso da planta na prevenção a dengue, e estratégias de distribuição da planta em Cacoal, a Secretaria de Saúde realizou um treinamento sobre o assunto, no auditório do Banco do Brasil. Cerca de 70 agentes de Saúde, que trabalham no setor de Endemias (combate a dengue), participaram da reunião.

Na oportunidade eles souberam como utilizar e orientar moradores sobre o plantio da Crotalária. A ideia é distribuir o maior número de sementes que for possível, e inicialmente foram plantadas sete mil mudas no Viveiro Municipal, que estão disponíveis para a população. A Secretaria de Agricultura também é parceira do projeto, e já comprou 40 quilos de sementes para distribuição.

Fonte:Jornal A Tribuna - AC
 

Mais Sobre Saúde