Porto Velho (RO) segunda-feira, 18 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Saúde

No Dia Nacional da Saúde, Governo de Rondônia destaca avanços no Complexo Hospitalar Regional de Cacoal


Neste ano, o Governo de Rondônia implantou o serviço de diálise no Hospital de Urgência e Emergência Regional de Cacoal (Heuro) - Gente de Opinião
Neste ano, o Governo de Rondônia implantou o serviço de diálise no Hospital de Urgência e Emergência Regional de Cacoal (Heuro)

Ao longo dos últimos três anos, uma série de conquistas e avanços tem sido registrados na saúde pública de Rondônia. Especialmente na Região do Café, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), tem feito grandes investimentos no Complexo Hospitalar Regional de Cacoal, o que inclui a ampliação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), a implantação de novos serviços e até mesmo a realização de cirurgias que antes só eram realizadas em Porto Velho, descentralizando os serviços de saúde em Rondônia.

O Complexo Hospitalar compreende o Hospital de Urgência e Emergência (Heuro) e o Hospital Regional de Cacoal, que realizam atendimentos especializados em áreas como ortopedia, neurologia, pediatria, neurocirurgia, nefrologia, oncologia, oftalmologia, pneumologia, psicologia, nutrição, fisioterapia, além de atender urgências e emergências da região. Para se ter uma ideia da importância do Complexo Hospitalar para a II Macro Região de Saúde de Rondônia, nos primeiros quatro meses de 2021, mais de 8 mil consultas e 257 cirurgias foram realizadas apenas no Heuro.

Nesta quinta-feira (5), Dia Nacional da Saúde, o Governo de Rondônia destaca alguns avanços registrados no Complexo Hospitalar Regional de Cacoal.

CIRURGIA CARDÍACA

Em fevereiro deste ano, pela primeira vez, um implante de marcapasso definitivo foi realizado pelo Governo de Rondônia em Cacoal. Juvercino Policarte da Silva, de 69 anos, foi o primeiro paciente a passar pelo procedimento no HRC.

A cirurgia cardíaca de alta complexidade foi considerada um sucesso pela equipe médica. O tempo desse tipo de cirurgia dura, em média, de 90 a 120 minutos. O procedimento teve o acompanhamento de um médico arritmologista, um anestesiologista e toda a equipe do centro cirúrgico do HRC. O marcapasso é um dispositivo composto de gerador e eletrodos, que tem como finalidade ajudar o coração a manter o batimento normal.

Em 2021, pela primeira vez, uma cirurgia de implante de marcapasso definitivo foi realizada no HRC

PRIMEIRA DIÁLISE

Em agosto, mais um novo avanço foi registrado. Pela primeira vez, um procedimento de diálise foi realizado em um paciente internado no Hospital de Urgência e Emergência Regional de Cacoal. A partir daí, o Governo de Rondônia passou a oferecer este serviço, que antes era realizado apenas no Hospital Regional (HRC), na própria unidade de urgência e emergência.

Conforme a médica nefrologista responsável pelo serviço de diálise, com o serviço implantado no Heuro, a máquina de diálise é levada até o leito do paciente para que a sessão seja realizada. Isso traz mais conforto, segurança e menos riscos aos pacientes, que antes precisavam ser transportados até o HRC para passar pelo tratamento.

OFTALMOLOGIA

Já em 2019, o Governo de Rondônia deu um passo importante para a descentralização dos serviços de saúde ao implantar os procedimentos cirúrgicos oftalmológicos no Hospital Regional de Cacoal (HRC). A primeira cirurgia foi realizada no dia 27 de agosto.

“Eu estou me sentindo privilegiada. Eu estava esperando por essa cirurgia há dois anos. Estou muito feliz de poder fazer a cirurgia aqui em Cacoal e não precisar ir pra Porto Velho, ficar longe da minha família”, disse a paciente Edi Barghini, após a cirurgia. A dona de casa foi submetida ao procedimento de remoção de pterígio (carne crescida) no HRC.

No primeiro momento, foram implantadas as cirurgias externo-ocular e exames de biometria ocular, microscopia especular e paquimetria ocular. Com o início da pandemia, diversos atendimentos eletivos precisaram ser suspensos, mas o HRC já trabalha para a retomada de todos os serviços e o objetivo é ampliar os serviços oftalmológicos, inclusive a realização de procedimentos intraoculares.

Com o intuito de zerar a fila por cirurgias de catarata em todo o Estado, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), realiza, na próxima sexta-feira (13), mais uma etapa do projeto “Enxergar”, em Cacoal. Os procedimentos iniciam a partir das 8 horas e a previsão é de realizar duas mil consultas oftalmológicas, mil cirurgias de catarata, 200 de pterígios (carne crescida) e mais de 14 mil exames oftalmológicos complementares, que serão sem custo à população. Em Cacoal, o projeto recebe recurso de emenda parlamentar da deputada federal Jaqueline Cassol e os procedimentos cirúrgicos são feitos na estrutura de uma clínica particular. Nas etapas anteriores do projeto, aproximadamente três mil pessoas foram atendidas em Cacoal.

DIAGNÓSTICO POR IMAGEM

Em maio de 2021, chegaram ao Complexo Hospitalar Regional de Cacoal novos equipamentos para reforçar o setor de diagnóstico por imagem. No Hospital Regional de Cacoal foram instalados um aparelho de radiodiagnóstico fixo e um mamógrafo. Ambos contam com qualidade digital e dão mais agilidade e economicidade nos exames, atendendo também a demanda do Hospital de Urgência e Emergência.

Os investimentos, frutos de uma emenda parlamentar do ex-deputado federal Nilton Capixaba e que tem a Sesau como unidade orçamentária, incluíram ainda a aquisição de outros materiais permanentes, como equipamentos e mobiliários, equipamentos de informática e outros artigos hospitalares que reforçam os serviços em saúde oferecidos pelo Complexo Hospitalar.

Além disso, também foi entregue ao Hospital de Urgência e Emergência (Heuro) um aparelho de raio-X, com sistema digital, obtido por meio de emenda parlamentar de Adailton Furia, quando então deputado estadual.

Novos aparelhos reforçaram setor de diagnostico por imagem do Complexo Hospitalar Regional em Cacoal

AGÊNCIA 

No início de 2020, o Governo de Rondônia implantou no Hospital de Urgência e Emergência Regional de Cacoal (Heuro) uma Agência Transfusional. Trata-se de unidade hemoterápica que tem como função armazenar sangue e seus hemoderivados, realizar exames e liberar os produtos sanguíneos para transfusões na própria unidade hospitalar.

Apenas em 2020, 934 pessoas foram beneficiadas e um total de 2.218 bolsas foram transfundidas. É preciso levar em consideração que um paciente pode precisar de diversas bolsas de sangue ao longo do seu tratamento. Já nos primeiros quatro meses de 2021, 733 bolsas atenderam 334 pacientes internados no Heuro de Cacoal.

RESIDÊNCIA MÉDICA

Em março de 2021, novas turmas iniciaram as aulas dos Programas de Residência Médica e Multiprofissional, oferecidos pelo Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), no Complexo Regional Hospitalar de Cacoal. Onze profissionais começaram a Residência Multiprofissional em Cuidados Intensivos (UTI), sete iniciaram a Residência Multiprofissional em Atenção Hospitalar (Urgência e Trauma) e uma vaga também foi preenchida na Residência em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial. Os Programas de Residência Multiprofissional tem oportunizado o aperfeiçoamento e a especialização de profissionais de Enfermagem, Fisioterapia, Farmácia, Nutrição, Psicologia e Odontologia.

Na mesma oportunidade, também tiveram início as Residências Médicas em Pediatria, com duração de três anos, Cirurgia Geral, dois anos, e Clínica Médica, também com duração de dois anos.

COVID-19

Com o início da pandemia de covid-19, a Secretaria Estadual de Saúde, seguindo o plano do Governo de Rondônia de enfrentamento ao coronavírus, estabeleceu o Hospital Regional de Cacoal como referência no interior para receber pacientes graves. Para isso, diversas medidas foram adotadas, entre elas a adequação da estrutura física do Hospital, que passou a contar com a Unidade Covid-19 para atendimento exclusivo aos pacientes que necessitam de internação quando confirmado o diagnóstico, ou casos suspeitos, encaminhados pelas secretarias municipais de saúde.

A estrutura pelo setor de triagem de casos encaminhados via regulação estadual, sala de medicação, sala de estabilização, enfermarias com leitos clínicos e 29 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) equipadas com respiradores. A Unidade Covid-19 do HRC conta ainda com sala de equipamentos, vestiários de barreira, sala de espera, rouparia e uma sala de repouso para as equipes em atuação.

Hospital Regional de Cacoal é referencia no atendimento de casos graves de covid-19

SERVIDORES IMUNIZADOS

No dia seguinte à chegada das doses da vacina contra a Covid-19 em Cacoal, em janeiro de 2021, os profissionais da saúde que atuam no Complexo Hospitalar Regional de Cacoal (HRC), começaram a ser imunizados. Os 444 servidores do HRC e os 327 do Hospital de Emergência e Urgência Regional de Cacoal (Heuro) receberam a primeira dose da vacina no dia 22 de janeiro. Este foi um compromisso assumido pelo Governo de Rondônia junto aos profissionais da saúde.

Na época, todos que atuavam na linha de frente contra a Covid-19, desde médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, de radiologia, de laboratório, profissionais da limpeza, da lavanderia, da coleta de lixo, começaram a ser imunizados em Cacoal.

HOSPITAL DE CAMPANHA 

Também no início do ano, a parceria entre Estado e Município viabilizou a estruturação do Hospital de Campanha de Cacoal. Na ocasião, os pacientes internados em tratamento na Unidade Central de Saúde (UCS) foram transferidos para o Hospital de Campanha, estruturado a partir da parceria entre o Governo de Rondônia e a Prefeitura Municipal de Cacoal, com apoio da comunidade.

Montado em um imóvel do governo estadual, toda a estrutura foi organizada para o acolhimento e primeiros atendimentos dos pacientes infectados pelo coronavírus, ajudando assim a desafogar os hospitais HRC e Heuro que, juntos, atendem pacientes encaminhados por mais de 30 municípios rondonienses.

TREINAMENTO E CAPACITAÇÃO

O Governo de Rondônia tem demonstrado uma atenção constante à capacitação profissional dos servidores da saúde. No início do ano, por exemplo, profissionais atuantes no enfrentamento à Covid-19 no Hospital Regional de Cacoal participaram de um importante treinamento ofertado em parceria com o Hospital Sírio-Libanês, buscando promover a reabilitação hospitalar de pacientes após a alta do cuidado intensivo da doença.

O “Projeto Reab Pós-Covid-19” é executado por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS), do Ministério da Saúde, e chegou a Rondônia, visando otimizar o tratamento da doença ocasionada pelo novo coronavírus.

RESERVAS DE OXIGÊNIO

Desde o início da pandemia, o abastecimento de gases medicinais não gerou problemas ao Complexo Hospitalar Regional de Cacoal. Desde 2012, uma empresa terceirizada presta serviço ao Governo de Rondônia e tem atendido as demandas do Hospital Regional (HRC) e do Hospital de Urgência e Emergência Regional de Cacoal (Heuro).

Mesmo assim, o Governo do Estado se antecipou a uma possível falta de oxigênio, quando houve aumento da demanda em todo o Brasil, e solicitou à empresa a ampliação do fornecimento para o Complexo Hospitalar. Desde março deste ano, além dos tanques criogênicos de oxigênio líquido e usinas de ar comprimido medicinal, tanto o Heuro quanto o Hospital Regional passaram a contar com tanques reservas de oxigênio. No HRC, o novo tanque conta com 4.850 m³ de oxigênio e o tanque reserva instalado no Heuro comporta até 1.730 m³.

Mais Sobre Saúde

Unidades de Saúde de Porto Velho abrem as portas para a Campanha de Multivacinação e Dia V contra a covid no sábado (16)

Unidades de Saúde de Porto Velho abrem as portas para a Campanha de Multivacinação e Dia V contra a covid no sábado (16)

A Campanha Nacional de Multivacinação e Dia V de Vacinação contra a covid-19, que vão mobilizar servidores da Prefeitura de Porto Velho e voluntários,

Outubro Rosa tem atendimento e pit stop na sexta-feira (15)

Outubro Rosa tem atendimento e pit stop na sexta-feira (15)

Dando continuidade às atividades relacionadas à Campanha Outubro Rosa em Porto Velho, acontece nesta sexta-feira (15), às 16h, no Parque Jardim das

Governo de Rondônia vai realizar mais de mil exames de mamografia para zerar fila de espera da II Macrorregião

Governo de Rondônia vai realizar mais de mil exames de mamografia para zerar fila de espera da II Macrorregião

Todos os anos, em outubro, diversas ações de prevenção ao câncer de mama são realizadas. Neste ano, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de E