Porto Velho (RO) sexta-feira, 10 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Saúde

Doutora da PUC abre encontro de psicologia


É preciso repensar e dialogar com nossas teorias, de modo a reintegrar a psicologia a uma nova realidade que produza questões psíquicas distintas", disse a Doutora em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, autora de vários livros e pesquisas científicas, Ana Bock, presidente do Conselho Federal de Psicologia, quinta-feira à noite, durante palestra no auditório do Ministério Público Estadual, em Porto Velho. Ana Bock abriu o II Encontro Rondoniense de Psicologia com palestra sobre o tema "O Compromisso Social da Psicologia e sua Inserção na Sociedade Brasileira".

Ana Bock fez um relato sobre a trajetória da psicologia no Brasil, salientando que hoje a psicologia deve ser pensada para atuar numa realidade com desigualdade social predominante. "O Brasil apresenta estatísticas assustadoras sobre a desigualdade social. O Estado perde força e credibilidade e as classes dominantes se fecham para se defender de um perigo que pensa existir. Esse processo resulta na degradação humana e social. Até parece que vivemos num país que concentra vários outros com estruturas sociais totalmente distintas", destacou.

Ao contrário de 40 anos atrás, quando a psicologia ficava restrita a grupos burgueses, a presidente do Conselho Federal de Psicologia observou que a ascensão de acadêmicos mais pobres traz novos questionamentos na psicologia, com base em outras realidades sociais, garantindo maior valor à prática dos estudos e pesquisas científicas. "Hoje a psicologia registra inovação com a saída da esfera burguesa, estendendo-se às unidades básicas de saúde. A psicologia universalizou o sujeito , passando a ser aplicada principalmente no atendimento às crianças", acrescentou a psicóloga. Ela acentuou que esse processo tem possibilitado diagnosticar que existem escolas, localizadas em regiões de grande carência social, que não têm estrutura para trabalhar a carência das crianças pobres.


O coordenador seccional do Conselho Regional de Psicologia em Rondônia, Zeno Germano, disse que o encontro faz parte das comemorações do Dia do Psicólogo (27 de agosto), além de mostrar ao público a importância da psicologia, com esclarecimentos sobre os fundamentos da psicologia e o papel do profissional psicólogo para a saúde. Ele conclamou os profissionais para que se unam em torno de objetivos comuns, em busca do fortalecimento da categoria. A coordenadora do curso de Psicologia da Ulbra, Neffretier Rebello, salientou que a Doutora Ana Bock tem sido referência que contribui para os avanços da profissão. Segundo ela, a união fortifica o grupo de psicólogos, destacando a importância da prática e dos conhecimentos científicos. A chefe do Departamento de Psicologia da Unir, Hercília Junqueira, também enalteceu a presença de Ana Bock no encontro.

Fonte: Chagas Pereira - Registro Profissional 165 DRT/RO

 

Mais Sobre Saúde

Concluída a reforma e ampliação do Pronto Atendimento de Jaci-Paraná

Concluída a reforma e ampliação do Pronto Atendimento de Jaci-Paraná

A Santo Antônio Energia concluiu a reforma e a ampliação do Pronto Atendimento de Jaci-Paraná. Os trabalhos duraram cerca de oito meses e abranger

Vacinação de acamados continua sendo realizada pela prefeitura de Porto Velho

Vacinação de acamados continua sendo realizada pela prefeitura de Porto Velho

Aos 106 anos de idade e sem andar após fratura no fêmur, dona Francisca recebeu em casa, na manhã desta terça-feira (7), o serviço de vacinação para a

Especialistas alertam contra a dengue em Vilhena: campanha começa nesta quarta-feira, 25

Especialistas alertam contra a dengue em Vilhena: campanha começa nesta quarta-feira, 25

Enquanto o mundo enfrenta a pandemia do coronavírus (covid-19), o Brasil e Vilhena enfrentam outro desafio importante: a luta contra a dengue. O númer

Fecomércio Rondônia apoia plano de ação nacional da CNC/Sesc/Senac para combate ao coronavírus

Fecomércio Rondônia apoia plano de ação nacional da CNC/Sesc/Senac para combate ao coronavírus

A Confederação Nacional de Bens de Comércio, Serviços e Turismo (CNC) enviou ao presidente da República, Jair Bolsonaro, na última sexta-feira (20)