Porto Velho (RO) quinta-feira, 13 de maio de 2021
×
Gente de Opinião

Saúde

Dos 161 pacientes com covid-19 de Rondônia transferidos para outros estados, 115 receberam alta hospitalar


Pacientes com quadros considerados leves e moderados sendo deslocados por meio das aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) - Gente de Opinião
Pacientes com quadros considerados leves e moderados sendo deslocados por meio das aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB)

O Governo de Rondônia, por meio do Grupo de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Rondônia (GOA/CBM) em parceria com o Ministério da Saúde (MS), e empresas contratualizadas já transferiu do estado para outras unidades da Federação, 161 pacientes com covid-19 para tratamento. O objetivo é desafogar os hospitais e reorganizar o sistema de saúde local.

Segundo dados da Secretaria estadual de Saúde (Sesau), dos 161 pacientes transferidos, 115 já retornaram para casa, porque receberam alta hospitalar. Dos 45 que não resistiram e morreram, 41 faziam parte do grupo de pacientes graves acometidos pela doença. Uma mulher ainda encontra-se internada no estado do Rio de Janeiro. Nove cidades receberam os pacientes rondonienses, são elas: Campo Grande (MS), Canoas (RS), Cuiabá (MT), Curitiba (PR),  Goiânia (GO), Manaus (AM), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ) e Vitória (ES).

Os pacientes com quadros considerados leves e moderados deslocaram-se por meio das aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) para leitos clínicos, alguns destes evoluíram para grave durante a internação e precisaram de transferências para leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Já os pacientes graves tiveram que ser transferidos em voos aeromédicos realizados pelo GOA e foram encaminhados diretamente para leitos de UTI, onde receberam assistência intensiva. Nas duas situações os pacientes são avaliados criteriosamente pela equipe médica responsável por receber esses pacientes antes de enviá-los.

A gerente de Programas Estratégicos de Saúde da Sesau, Annelise Soares Campos, é a responsável por fazer contato com os hospitais e familiares, para manter a Sesau informada sobre a relação dos pacientes internados em cada hospital e proporcionar o contato entre os familiares para as providências necessárias. “O boletim diário é informado diretamente ao familiar responsável. Somos acionados pela direção do hospital diante de alguma dificuldade de contato com a família, e em situação de alta e óbito para providenciarmos o retorno dos pacientes”, esclarece. 

Annelise afirma ainda que, nas últimas semanas, é possível perceber a redução de registros do número de transferidos. “Não temos à semanas registros de pacientes para transferir, essa realidade colabora com a rede estadual de atenção à saúde e possibilita atender melhor à população. Esse dado é reflexo de muito trabalho da gestão de Governo, do setor de regulação e dos hospitais que diariamente melhoram os fluxos e otimizam processos de trabalho para atender os pacientes que necessitam de internação. Também é um resultado positivo da vacinação, pois observa-se grande redução de internação entre os idosos”, finaliza a profissional.

Mais Sobre Saúde

Terceira fase do Plano Nacional de Imunização segue novas orientações do Ministério da Saúde

Terceira fase do Plano Nacional de Imunização segue novas orientações do Ministério da Saúde

A Prefeitura de Porto Velho, seguindo o Plano Nacional de Imunização (PNI), segue com a vacinação de pessoas com comorbidades. O atendimento cumpre or

Vacinação contra a covid-19 em grávidas sem comorbidades é suspensa em Rondônia

Vacinação contra a covid-19 em grávidas sem comorbidades é suspensa em Rondônia

Seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde (MS), o Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), orientou às

Profissionais de Porto Velho destacam a importância do enfermeiro durante a pandemia

Profissionais de Porto Velho destacam a importância do enfermeiro durante a pandemia

O Dia Internacional da Enfermagem, celebrado neste 12 de maio, deixa evidente o trabalho dos profissionais que têm papel relevante na saúde da populaç

No Dia da Enfermagem, profissionais falam sobre suas experiências na linha de frente contra a covid-19

No Dia da Enfermagem, profissionais falam sobre suas experiências na linha de frente contra a covid-19

Neste dia 12 de maio é celebrado o Dia Internacional da Enfermagem, também conhecido como Dia Mundial do Enfermeiro, data escolhida para homenagear a