Porto Velho (RO) terça-feira, 19 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Rondônia

Incra/RO participa de capacitação para Acordo de Convivência na Comunidade Quilombola Forte Príncipe


Incra/RO participa de capacitação para Acordo de Convivência  na Comunidade Quilombola Forte Príncipe - Gente de Opinião

A superintendência do Incra em Rondônia integrou a equipe da Capacitação sobre o Termo de Acordo Judicial de Convivência entre a comunidade quilombola do Forte Príncipe da Beira e o Exército Brasileiro, realizada entre os dias 22 e 25 de outubro, no município de Costa Marques (RO), promovida pela Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SNPIR), do Ministério da Mulher, da Família e do Direitos Humanos.

O acordo foi firmado há três meses e estabelece as regras para a convivência entre os militares e as famílias,  baseada em um plano de uso da área que concilia as atividades militares e a vida da comunidade.  As regras contemplam a caça, a pesca, o plantio e cultivo de roças, a criação de animais, o extrativismo vegetal, as manifestações culturais coletivas, as atividades de turismo, utilização de portos, obras nas moradias, o direito de transitar em área militar, entre outras. A Fundação Palmares emitiu em 2005 a Certidão de Autorreconhecimento dos Remanescentes de Quilombolas do Forte Príncipe da Beira.

O assegurador do programa Quilombolas do Incra/RO, William dos Santos Ramos Coimbra, explicou para a comunidade e integrantes do Exército quais serão os passos para a regularização fundiária das terras da comunidade.

Segundo ele, o Incra  está fazendo o levantamento para conclusão do Relatório Técnico de Identificação e Delimitação (RTID) do território. Após será aberto o prazo para as contestações. Posteriormente, o Incra publicará a portaria de reconhecimento que declara os limites do território quilombola. O processo é finalizado com a concessão do título de propriedade à comunidade, sendo este coletivo, pró-indiviso e em nome de seus moradores.

O superintendente do Incra/RO, Erasmo Tenório da Silva, enfatizou no evento que esse acordo foi inédito no Brasil. "Foi uma grande conquista ter chegado à homologação de um acordo tão benéfico para as partes. No tocante ao Incra, todos os esforços estão sendo concentrados para  a concretização do objetivo de titulação das terras para a comunidade", afirmou.

Participaram os integrantes da comunidade e cerca de 40 oficiais e soldados da guarnição do Pelotão Especial de Forte Príncipe da Beira. A equipe aplicou uma metodologia interativa e elaborou o texto do Acordo de Convivência no formato de cartilha para distribuição.

Incra/RO participa de capacitação para Acordo de Convivência  na Comunidade Quilombola Forte Príncipe - Gente de Opinião

Mais Sobre Rondônia

Mauro Kreuz destaca os desafios da administração

Mauro Kreuz destaca os desafios da administração

"Falar da administração é sempre muito difícil porque a administração é difícil por lidar com desafios decorrentes de ambientes de incertezas", diss

Unir transfere curso de Vilhena para  Porto Velho e abre turma em fevereiro

Unir transfere curso de Vilhena para Porto Velho e abre turma em fevereiro

A partir de fevereiro de 2020 a Universidade Federal de Rondônia (Unir) abre sua primeira turma do curso de graduação em jornalismo em Porto Velho, c

Senador Marcos Rogério viabiliza recursos para um novo aeroporto em Ariquemes

Senador Marcos Rogério viabiliza recursos para um novo aeroporto em Ariquemes

Rondônia terá nova estrutura aeroportuária, com recursos viabilizados pelo mandato do senador Marcos Rogério (DEM). Serão três novos aeroportos, e

Porto Velho: Projeto Voar resgata crianças através do esporte e pais agradecem a iniciativa

Porto Velho: Projeto Voar resgata crianças através do esporte e pais agradecem a iniciativa

A educação e o esporte são dois ingredientes principais para uma receita de sucesso. E é esse o resultado que o Projeto Voar, que iniciou na capital n