Porto Velho (RO) sexta-feira, 1 de julho de 2022
×
Gente de Opinião

Política

'Vou construir o hospital e pronto-socorro na Zona Leste', garante Cahulla



A construção de um novo pronto-socorro na Zona Leste de Porto Velho, para atender a mais populosa região da capital e desafogar o atendimento no João Paulo II é um compromisso assumido pelo candidato a governador, João Cahulla. “É um compromisso que assumo com a população da capital: construir um hospital e pronto-socorro na Zona Leste, com mais de 100 leitos. Essa nova unidade vai ser administrada em parceria entre Estado e prefeitura, para garantir acesso mais rápido e qualidade no atendimento”, disse Cahulla.

Para o candidato, o momento econômico atual permite que o Estado planeje ações em todas as áreas, e as maiores demandas serão assistidas em seu Governo. “A casa está arrumada e agora podemos planejar, definir com segurança as prioridades. E a saúde é uma prioridade e vamos construir essa nova unidade para facilitar o atendimento, especialmente dos moradores da Zona Leste”, declarou.

Para a nova unidade, além da estrutura física, deverá ser contratados centenas de servidores e adquiridos equipamentos para cuidar da saúde das pessoas. “Na atual gestão, investimos quase R$ 12 milhões na reforma, ampliação e aquisição de equipamentos para o João Paulo. Sabemos que as condições hoje não são as melhores, mas lá não faltam médicos, medicamentos e aumentamos o tratamento de ortopedia em mais de 300%, a maioria vítima de acidentes de trânsito”, completou.

Segundo Cahulla, essa sua proposta é um compromisso firmado com a população da capital. “Não faço promessas, mas sim firmo compromissos que vamos cumprir na integra, pois sabemos como fazer e temos disposição para fazer”.

João Cahulla reforçou que o Sistema Único de Saúde define as responsabilidades de cada gestor no tratamento da saúde, ficando a cargo do Estado os casos de média e alta complexidade e aos municípios o atendimento básico, ambulatorial. “Infelizmente hoje, a capital não conta com uma unidade de pronto-socorro que garanta o atendimento básico. Por exemplo, se uma pessoa sofre um pequeno corte na mão, deveria ser atendido numa unidade municipal e não ter que ir ao João Paulo, que é um pronto-socorro para traumatismo, acidentados, ferimentos de natureza grave”, explicou.

Fonte: Ascom
 

Mais Sobre Política

Deputada Mariana inaugura campos de futebol e cozinha do hospital municipal em Monte Negro

Deputada Mariana inaugura campos de futebol e cozinha do hospital municipal em Monte Negro

Ao lado do prefeito Ivair Fenandes e vereadores de Monte Negro, a deputada federal Mariana Carvalho realizou a entrega oficial à população do campo su

Parlamentar preside sessão para entrega de homenagens da Assembleia Legislativa

Parlamentar preside sessão para entrega de homenagens da Assembleia Legislativa

O deputado Dr. Neidson (Podemos) presidiu sessão solene para entrega de homenagens a policiais e bombeiros militares, enfermeiros do Hospital do Amo

Ex-presidente do MDB e ex-prefeitos firmam apoio a José Guedes

Ex-presidente do MDB e ex-prefeitos firmam apoio a José Guedes

O pré-candidato a Governador pelo PSDB, José Guedes, recebeu o apoio do ex-Presidente do MDB, ex-Prefeito de Porto Velho, Dr. Tomas Correia; do ex-P

Assembleia Legislativa de Rondônia aprova mais de 20 projetos nas últimas sessões

Assembleia Legislativa de Rondônia aprova mais de 20 projetos nas últimas sessões

A Assembleia Legislativa de Rondônia aprovou projetos de emenda à constituição, de lei complementar, além projetos de lei, durante as sessões ordiná