Porto Velho (RO) segunda-feira, 16 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Política

Vereadores de Porto Velho derrubam vetos do Executivo


Na sessão desta segunda-feira (10), a Câmara Municipal de Porto Velho analisou os vetos da Procuradoria Geral do município (PGM) à tres projetos de lei complementares aprovados pelos vereadores em sessões anteriores. Após intensas discussões entre os parlamentares prevaleceu o entendimento firmado que optou pela rejeição integral à todos os vetos aposto pela prefeitura.

Os Projetos que receberam veto parcial e integral do prefeito foram o PL 663/2013, de autoria do vereador Sid Orleans que dispõe sobre a proibição de cobranças de taxas referente a documentos escolares nas escolas e faculdades de direito privado instaladas em Porto Velho. Este recebeu 16 votos contrários ao veto.

O PL 2.968/2013, de autoria do vereador Jose Wildes que dispõe sobre a incorporação dos festejos do médio e baixo Madeira no calendário oficial de eventos e comemorações de Porto Velho, recebeu veto parcial e também foi rejeitado pelo mesmo número de votos do primeiro.

O terceiro e ultimo PL de número 2.974/2013 de autoria do vereador Édmo Ferreira institui o Premio Educação no Trânsito recebeu 17 votos contrários ao veto. Nos Projetos vedados dos vereadores Wildes e Édmo o argumento utilizado pela Prefeitura para justificar foi a inconstitucionalidade por ferir o princípio da separação e independência entre os poderes, já que o tema seria de competência exclusiva do Poder Executivo. Além disso, foi alegado que os projetos de lei estariam interferindo no Orçamento do Município, ao gerar despesas.

No que tange o PL do vereador Sid Orleans a PGM justificou o veto integral alegando que a Câmara de Vereadores não tem competência para regulamentar a cobrança de taxas para as faculdades de direito privado, pois estas estão vinculadas ao sistema federal de ensino e mesmo que tal projeto de lei fosse aprovado as instituições privadas não teriam qualquer obrigação de atender a norma.

Os projetos seguirão novamente para o Executivo Municipal que de acordo com o Regimento Interno da Câmara tem um prazo de 48 horas para serem promulgados pelo prefeito Mauro Nazif.

Fonte: Ascom

 

Mais Sobre Política

Deputado Cirone Deiró anuncia sessão solene da Assembleia Legislativa, em Cacoal

Deputado Cirone Deiró anuncia sessão solene da Assembleia Legislativa, em Cacoal

“Homenagear os pioneiros, profissionais liberais, empreendedores, agricultores, cafeicultores, professores, servidores públicos, empresários e insti

Com recursos indicados pela deputada Mariana Carvalho, obras na Estrada dos Periquitos são iniciadas

Com recursos indicados pela deputada Mariana Carvalho, obras na Estrada dos Periquitos são iniciadas

Uma parceria entre a deputada federal Mariana Carvalho e a Prefeitura de Porto Velho vai garantir a completa revitalização e urbanização da Estrada do

Presidente Alex Redano critica demora da empresa em iniciar construção da ponte do rio Jamari, ligando a Alto Paraíso

Presidente Alex Redano critica demora da empresa em iniciar construção da ponte do rio Jamari, ligando a Alto Paraíso

A paralisação das obras de construção da nova ponte sobre o rio Jamari, na RO-459, ligando Alto Paraíso à BR-364, que teve a ordem de serviço assina