Quinta-feira, 20 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política

SUFRAMA: R$ 156 mi para Rondônia e mais quatro estados


Emerson Quaresma

O Governo Federal assina hoje o compromisso de descontingenciar R$ 156 milhões de recursos da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa).  Parte dos recursos vai beneficiar projetos no Amazonas, Roraima, Rondônia, Acre e na Área de Livre Comércio de Macapá e Santana, no Amapá.

A liberação foi anunciada, ontem, pela coordenadora-geral de Desenvolvimento Regional da Suframa, Eliany Maria de Souza Gomes, no primeiro Congresso de Municípios da Amazônia Ocidental, que encerra hoje no Hotel Da Vinci.  De acordo com Eliany, do total de recursos, R$ 115 milhões atenderão a projetos na região, e R$ 41 milhões serão destinados à Suframa para pagamento de despesas.
A divisão dos recursos para os Estados ocorrerá da seguinte forma: 35% será aplicado pelos Governos estaduais, o que dá 8,75% para cada um; outros 35% serão distribuídos entre os municípios; e 10% vão para as capitais e Área de livre comércio de Macapá e Santana, no Amapá.

Segundo Eliany, a verba descontingenciada será aplicada em projetos de infra-estrutura econômica direta, de capital intelectual na área de Pesquisa e Desenvolvimento e de turismo.  "Sempre focando o fortalecimento de projetos que venham a resolver os problemas logísticos ou de produção na região", comentou.

Partilha
Para o Amazonas será destinado um montante da ordem de R$ 27 milhões, sendo R$ 3 milhões para Manaus.  O presidente da Associação Amazonense dos Municípios (AAM), Anderson Souza, disse que o Governo abriu mão dos 8,75% a que tem direito e vai repassar o valor aos municípios.  A reportagem tentou confirmar a informação junto à assessoria de comunicação do Governo, mas não obteve resposta.

O presidente da AAM pediu às associações de municípios dos Estados da Amazônia Ocidental que encaminhem hoje, à Suframa, propostas sobre como dividir os recursos entre os municípios.  A associação do Amazonas, de acordo com Anderson, que é prefeito de Rio Preto da Eva (a 88 quilômetros de Manaus), vai defender o critério de proporção populacional na divisão dos recursos.  "Tem muitos prefeitos que não sabem o que querem", disse.

Fonte: Fonte: A Crítica

Gente de OpiniãoQuinta-feira, 20 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Deputado Alex Redano busca junto ao DER recurso para Guajará-Mirim

Deputado Alex Redano busca junto ao DER recurso para Guajará-Mirim

O deputado estadual Alex Redano (Republicanos) recebeu no último dia 12 de junho (quarta-feira) uma demanda para solucionar a drenagem pluvial na a

Deputada Federal Cristiane Lopes anuncia investimentos em Visitas a Vilhena, Espigão D'Oeste e Cacoal

Deputada Federal Cristiane Lopes anuncia investimentos em Visitas a Vilhena, Espigão D'Oeste e Cacoal

Cumprindo uma intensa agenda pelo interior de Rondônia, a deputada federal Cristiane Lopes (União Brasil) visitou na última semana os municípios de

Assembleia Legislativa assegura apoio a 3ª Feira Científica, em Rolim de Moura

Assembleia Legislativa assegura apoio a 3ª Feira Científica, em Rolim de Moura

A cidade de Rolim de Moura receberá nos dias 8 e 9 de agosto a 3ª Feira Científica. O fórum, organizado pelo Instituto Mocam - Movimento Científico

Presidente Laerte Gomes destaca sucesso do 1º Fórum do Parlamento Amazônico em Brasília

Presidente Laerte Gomes destaca sucesso do 1º Fórum do Parlamento Amazônico em Brasília

Sob a presidência do deputado estadual Laerte Gomes (PSD), o Parlamento Amazônico se reuniu na tarde da última terça-feira (19), na Câmara dos Deput

Gente de Opinião Quinta-feira, 20 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)