Porto Velho (RO) quinta-feira, 16 de julho de 2020
×
Gente de Opinião

Política

Siena e Copertino querem urnas em todo Estado


Candidatos pedem urnas em todas as cidades onde a Unir tem programas especiais
para garantir que o sufrágio seja universal na comunidade acadêmica


Os candidatos à reitoria da Unir – Universidade Federal de Rondônia –, Osmar Siena (reitor) e Osvaldo Copertino (vice-reitor), do movimento "Unir Agora!", ingressaram com uma petição em caráter de recurso junto ao Consun – Conselho Superior Universitário – questionando decisão da Comissão Eleitoral, que estabeleceu as cidades que têm campus universitários como únicos locais de votação na eleição de 26 de outubro. De acordo com os candidatos, com a decisão a Comissão Eleitoral prejudica cerca de três mil alunos do Prohacap – Programa de Habilitação e Capacitação de Professores –, que estão regularmente matriculados e, portanto, têm o mesmo direito ao voto dos demais alunos da graduação.

Pela decisão da Comissão Eleitoral, as urnas seriam colocadas apenas em Vilhena, Cacoal, Rolim de Moura, Jí-Paraná, Ariquemes, Porto Velho e Guajará-Mirim. Os alunos do Prohacap, entretanto, espalham-se por mais de 20 cidades, alguns estando a mais de 390 quilômetros de distância do local de votação mais próximo. Na petição, os candidatos argumentam que "a decisão da Comissão Eleitoral viola não apenas preceitos democráticos, mas tolhe direitos que outras comissões eleitorais, em processos semelhantes, têm historicamente preservados".

Para os candidatos, "a supressão de urnas nos municípios onde funcionam os programas especiais da Unir caracterizam cerceamento de opinião e de direito. A supressão de seções impedirá a participação de expressivo contingente da comunidade acadêmica, pois não há de se imaginar que turmas inteiras de alunos se desloquem até 390 quilômetros para depositarem seus votos nos municípios de preferência da Comissão Eleitoral".

 "A Comissão eleitoral alega que a lisura do processo estaria garantida com as seções eleitorais sendo instaladas apenas nos municípios de sua escolha, mas isso não justifica o cerceamento, pois acreditamos que haja na Unir pessoas fora da Comissão Eleitoral competentes, honestas e capazes de garantir a lisura do processo", disse Osmar Siena.

 "Queremos seções eleitorais em todos os municípios onde a Unir tem programas especiais", disse Osvaldo Copertino. "Democracia na universidade tem de começar assim, pelo processo eleitoral. Isso é bom para os alunos e para todos os candidatos, pois legitima ainda mais a vitória de quem levar o pleito", concluiu.

 

 

Mais Sobre Política

Cristiane Lopes continua cobrando melhorias para o bairro Lagoa

Cristiane Lopes continua cobrando melhorias para o bairro Lagoa

A vereadora Cristiane Lopes (PP) esteve mais uma vez no bairro Lagoa, zona Leste da cidade, para ouvir os moradores que há anos clamam por melhorias,

Alex Redano pede legalização de diplomas para médicos formados fora do país

Alex Redano pede legalização de diplomas para médicos formados fora do país

"Esse é o momento oportuno para legalizar a situação dos médicos formados no exterior", o pensamento é do deputado Alex Redano (PRB), que defendeu nes

Pagamento de verba indenizatória aos servidores da saúde é discutido na Assembleia Legislativa de Rondônia

Pagamento de verba indenizatória aos servidores da saúde é discutido na Assembleia Legislativa de Rondônia

Para discutir o pagamento, por parte do Governo, da verba indenizatória de R$ 300, aprovada pela Assembleia Legislativa, uma reunião de instrução legi