Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política

São Lucas cria bibliotecas comunitárias na Capital


Proporcionar condições para que comunidades carentes da Capital tenham acesso à leitura tem sido preocupação da Faculdade São Lucas. Através da Coordenação de Extensão (Coex), a Instituição pretende, nos próximos quatro anos, contribuir para a criação de cinco bibliotecas comunitárias na Capital, como parte do projeto de responsabilidade social da Faculdade.

Em dezembro passado, a Faculdade São Lucas fez a doação de três mil livros para o Centro Social Madre Mazarello, situado no bairro Pantanal, zona leste de Porto Velho. Os livros estão sendo utilizados pela comunidade, principalmente como subsídios de pesquisas para crianças e adolescentes de famílias carentes do bairro. Os livros foram obtidos durante a 1ª Gincana “Formando Cidadãos”, que mobilizou os acadêmicos da Instituição de Ensino Superior no Dia da Responsabilidade Social.

O Centro Social Madre Mazarello atende em torno de 300 crianças de 700 famílias cadastradas e, conforme a Irmã Arlene Brasil, os livros doados pela São Lucas são importantes para trabalhos de reforço e complementação escolar. Dentro da filosofia de atendimento à comunidade porto-velhense, a Faculdade São Lucas, através da Coordenação de Extensão, também fez a doação de mil livros para o acervo da Biblioteca Popular do Bairro Areal, que objetiva atender comunidades carentes residentes em bairros adjacentes, dentre os quais Cai n'Água, Triângulo e Baixa da União.

Com essa doação, a diretoria da Faculdade São Lucas contribui para que crianças, adolescentes e adultos tenham acesso facilitado à leitura e à pesquisa. É uma grande oportunidade que está sendo oferecida a muitas famílias carentes que habitam o bairro Areal e adjacências que não têm condições financeiras de adquirir livros para seus filhos, conforme salientou o professor Aleksander Palitot, um dos idealizadores do projeto. Ele destacou a iniciativa da Faculdade São Lucas, acrescentando que, além da área de leitura, a Biblioteca Popular também se propõe a atuar como reforço escolar para os alunos carentes.

Fonte: Chagas Pereira

Gente de OpiniãoDomingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Alero divulga programação na 11ª Rondônia Rural Show Internacional, em Ji-Paraná

Alero divulga programação na 11ª Rondônia Rural Show Internacional, em Ji-Paraná

A Assembleia Legislativa de Rondônia (Alero) estará presente na 11ª Rondônia Rural Show Internacional (RRSI) que acontece de 20 a 24 de maio, no Cen

Vereador Everaldo Fogaça tem requerimento aprovado para recuperação da ponte sobre o Rio das Garças em Porto Velho

Vereador Everaldo Fogaça tem requerimento aprovado para recuperação da ponte sobre o Rio das Garças em Porto Velho

Na sessão desta terça-feira da Câmara Municipal de Porto Velho, o vereador Everaldo Fogaça (PSD) teve seu requerimento aprovado pelos vereadores. O

Deputado Marcelo Cruz anuncia reajuste salarial para servidores da Alero

Deputado Marcelo Cruz anuncia reajuste salarial para servidores da Alero

O presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia (Alero), deputado estadual Marcelo Cruz (PRTB), anunciou nesta terça-feira (14) uma revisão anual

Dra. Taíssa visita comércios e fala sobre emenda de R$2 milhões para asfaltamento em Jacinópolis

Dra. Taíssa visita comércios e fala sobre emenda de R$2 milhões para asfaltamento em Jacinópolis

Moradores de Jacinópolis, distrito de Nova Mamoré, sofrem há anos com poeira e muita lama nas ruas. Os mais afetados são os comerciantes que precisa

Gente de Opinião Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)