Porto Velho (RO) sábado, 21 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Remanejamento das famílias deve ser concluída dia 22


Remanejamento das famílias deve ser concluída dia 22 - Gente de Opinião

Está dependendo do tempo, para conclusão da operação “Sai D’Água”, deflagrada pela prefeitura de Porto Velho na madrugada da última segunda-feira, 20, para retirada das famílias que estão sendo remanejadas das áreas de risco, dos bairros Triângulo e Baixa da União, para os apartamentos doados pelo município.

No primeiro dia da operação foi feita a mudança de 140 famílias, e se não chover, a previsão da secretaria municipal de Regularização Fundiária e Habitação (Semur) é de que o remanejamento das 100 famílias restantes seja feita na quarta-feira.

“Está saindo de acordo com o que havíamos planejado, mas temos que ficar atentos a essa questão do tempo, porque se chover vamos ter que interromper os trabalhos e esperar o tempo melhorar”, explicou o secretário da Semur, Ian Kleber.

No local de onde estão sendo remanejadas as famílias, a prefeitura continua fazendo a demolição das casas, serviço autorizado pelo próprio morador no momento em que assinou os termos de Entrega das Chaves e de Demolição. Ian Kleber adiantou que não está havendo resistência por parte dos moradores, o que tem contribuído para agilizar a derrubada dos barracos.

Na concepção do prefeito Roberto Sobrinho, para a área já está projetado a construção de um local de lazer, o Parque das Águas, dentro do programa criado para resgatar a vivência dos portovelhenses com o rio Madeira. “Hoje a cidade está de costas para o rio, e a história de Porto Velho está diretamente ligada ao rio Madeira. Por isso, esse resgate de voltar a ficar de frente para o rio é muito importante por valorizar um ponto turístico da cidade”, afirmou o secretário.

Dia seguinte

No Conjunto Habitacional Triângulo, a vida aos poucos começa voltar a normalidade, apesar das mudanças que começam a chegar a todo instante no segundo dia de remanejamento dos moradores. São mais de 300 servidores da prefeitura dando apoio ao translado dos pertences das famílias que ganharam apartamentos.

Equipes da secretaria municipal de Serviços Básicos (Semusb) estão no local fazendo a limpeza de todo o conjunto. Técnicos da empresa contratada pelo município, fazem ajustes finais na rede elétrica e hidráulica, resolvendo os problemas pontuais que aparecem. Funcionários da Semur e também de outras secretarias permanecem no local ajudando na mudança.

Natal diferente

Para muitos moradores, a ficha ainda não caiu e eles aos poucos vão se acostumando com a nova moradia. Marta Soares, 35 anos, há 25 morando no Baixa da União afirmou que pela primeira vez, desde que chegou do Mato Grosso do Sul com a família, terá um natal tranqüilo, sem a preocupação de ver a casa invadida pelas águas.

“Lá onde a gente morava era muito difícil de se viver, o local era péssimo mesmo. Alagava tudo. E na época do inverno a gente era obrigada a deixar a casa. Mas, felizmente a partir deste ano tudo vai ser diferente, porque o prefeito Roberto Sobrinho olhou para nós e nos deu um lar para morar”, disse.

Marta é a moradora do apartamento 104, do bloco 10, onde passará a viver com os três filhos, Larissa, 14, Mário, 02 e Fabiano, 04. Por coincidência, Larissa e Fabiano, fazem aniversário nesta terça-feira, 21 e já vão comemorar na nova casa. “É um presente de aniversário e de Natal ao mesmo tempo”, festejou a mãe feliz com o novo lar.

Remanejado também do Baixa da União, Paulo Ferreira Chaves, 62 anos (PE), outro morador que terá um natal mais tranqüilo, apesar de que, segundo ele, já estava acostumado com o sufoco que vivia todo final de ano com a chegada do inverno. Ele foi sorteado com o apartamento 102, localizado no bloco 13.

“Era complicado viver ali e não era só por causa da alagação. Eram doenças, como malária e dengue que também castigava a gente. Mas hoje tudo vai ser diferente porque estou em um espaço melhor, mais tranqüilo e seguro. E aqui eu posso dizer que esse apartamento é meu. Lá era invasão”, disse.

Fonte: Joel Elias
Fotos: Medeiros

 

Mais Sobre Política

Presidente Laerte Gomes e governador Marcos Rocha visitam obras do Anel Viário de Ji-Paraná

Presidente Laerte Gomes e governador Marcos Rocha visitam obras do Anel Viário de Ji-Paraná

O presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB) e o governador Marcos Rocha (PSL) visitaram nesta quarta-feira (18) o canteiro de obras

Deputado Cirone Deiró disse que abertura de CPI para fiscalizar Energisa responde clamor da sociedade

Deputado Cirone Deiró disse que abertura de CPI para fiscalizar Energisa responde clamor da sociedade

“A Energisa submeteu os rondonienses a uma crise energética sem precedentes. Os prejuízos estão sendo contabilizados em todos os segmentos da econom

Deputado Ismael Crispin visita escolas e convida alunos para participar dos concursos de redação e da escolha da Bandeira da Assembleia Legislativa

Deputado Ismael Crispin visita escolas e convida alunos para participar dos concursos de redação e da escolha da Bandeira da Assembleia Legislativa

Com o principal objetivo de divulgar e convidar a comunidade estudantil a participar do concurso de Redação da Assembleia Legislativa e da escolha d

ENERGISA: Projeto cria o Aviso-Prévio de 60 dias e dobra o valor da multa para a empresa

ENERGISA: Projeto cria o Aviso-Prévio de 60 dias e dobra o valor da multa para a empresa

Foi apresentado na Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia (17/09) um projeto de lei, idealizado pelo Servidor do TJ/RO, Brunno Oliveira, que ser