Porto Velho (RO) sexta-feira, 20 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Professores não têm muito o que comemorar neste 15 de outubro


 
O Dia 15 de outubro já foi data festiva para os professores. Durante décadas esse dia era esperado com ansiedade nas escolas para homenagear aquele que é considerado o mestre de todas as profissões.
Porém, atualmente a categoria não tem muito o que comemorar no Estado de Rondônia devido ao desrespeito e á desvalorização com que os professores são tratados pelo governo.

Levantamento feito pelo Sintero – Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Rondônia indica que os profissionais da educação nunca foram tão prejudicados pelo governo como nos últimos sete anos.

Nem mesmo a disputa eleitoral suscita um debate mais profundo com o governo sobre educação, sendo o assunto tratado apenas pelas oposições.

Entre os dias 24 e 26 de setembro o Sintero promoveu a Sexta Conferência Estadual dos Trabalhadores em Educação e convidou todos os candidatos ao governo do Estado para apresentarem suas propostas e debaterem o assunto com os educadores.

O governador João Cahúlla, candidato à reeleição, foi o único que não compareceu. Todos os outros candidatos assinaram, inclusive, um termo de compromisso com a educação.

Nos últimos anos os professores sofreram inúmeros prejuízos com a falta de uma política educacional no Estado, a falta de política salarial, além da falta de valorização profissional, escolas em péssimas condições e a perseguição aos profissionais decidiram protestar contra a situação.

O governo do Estado, embora tenha feito inúmeras promessas, não cumpriu nenhuma. O Plano de Carreira da educação foi aprovado e sancionado em 2008, mas até hoje o governo não enquadrou os professores de acordo com o tempo de serviço, conforme o artigo 68 da Lei 420/2008.

Às vésperas do primeiro turno das eleições o secretário chefe da Casa Civil, Guilherme Erse e a secretária de Educação, Irani Freire Bento, falando em nome do governador, prometeram enquadrar os professores. Porém, a secretária tirou férias e ninguém mais responde sobre o assunto.

O salário dos professores em Rondônia é um dos mais baixos do país, e os precatórios, mesmo com previsão no orçamento do Estado, não são pagos.

Esses são apenas alguns dos problemas enfrentados pelos professores, que acabam impedindo uma comemoração completa nesta data.

A presidente do Sintero, Claudir Mata, disse que neste dia 15 de outubro os professores só têm a comemorar a coragem para lutar. “Mais do que comemoração, esta data é própria para nós, professores, fazermos uma reflexão sobre a situação em que o governo nos coloca. Que essa reflexão sirva para recarregarmos as nossas energias e lutarmos ainda mais”, disse.

Tradicionalmente o Sintero faz uma festa única para lembrar o dia dos professores (15 de outubro) e o dia dos servidores (28 de outubro).
Neste ano a festa será no dia 28 de outubro na Sede Social, com uma programação musical variada e sorteio de brindes.

Fonte: Ascom
 

Mais Sobre Política

Presidente Laerte Gomes e governador Marcos Rocha visitam obras do Anel Viário de Ji-Paraná

Presidente Laerte Gomes e governador Marcos Rocha visitam obras do Anel Viário de Ji-Paraná

O presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB) e o governador Marcos Rocha (PSL) visitaram nesta quarta-feira (18) o canteiro de obras

Deputado Cirone Deiró disse que abertura de CPI para fiscalizar Energisa responde clamor da sociedade

Deputado Cirone Deiró disse que abertura de CPI para fiscalizar Energisa responde clamor da sociedade

“A Energisa submeteu os rondonienses a uma crise energética sem precedentes. Os prejuízos estão sendo contabilizados em todos os segmentos da econom

Deputado Ismael Crispin visita escolas e convida alunos para participar dos concursos de redação e da escolha da Bandeira da Assembleia Legislativa

Deputado Ismael Crispin visita escolas e convida alunos para participar dos concursos de redação e da escolha da Bandeira da Assembleia Legislativa

Com o principal objetivo de divulgar e convidar a comunidade estudantil a participar do concurso de Redação da Assembleia Legislativa e da escolha d

ENERGISA: Projeto cria o Aviso-Prévio de 60 dias e dobra o valor da multa para a empresa

ENERGISA: Projeto cria o Aviso-Prévio de 60 dias e dobra o valor da multa para a empresa

Foi apresentado na Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia (17/09) um projeto de lei, idealizado pelo Servidor do TJ/RO, Brunno Oliveira, que ser