Porto Velho (RO) segunda-feira, 16 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

PRF apreende 37,62 m³ de madeira transportada irregularmente


A Policia Rodoviária Federal em Pimenta Bueno/RO, no km 196,0 da BR 364/RO, às 0H20, apreendeu 37,62 m³ (12 toras) de madeira, essência de Maracatiara, por constar na Nota Fiscal e DOF/IBAMA apenas 24,12 m³ e ao fazer a medição constatou-se ter 37,62 ou seja a diferença de. 13,5 m³ desamparada da devida documentação legal. A madeira era transportada no veículo SCANIA / T 113 H , placa LZD-5228/PR, conduzido por Osvaldo José da Silva, que foi levado à delegacia da Polícia Civil local para as devidas providencias Legais.Neste ano, a PRF apreendeu mais de três mil metros cúbicos de madeira que estavam sendo transportadas irregularmente em Rondônia.

Fonte: Polícia Rodoviária Federal - 21ª SRPRF
E-MAIL :
NUCOM.RO@DPRF.GOV.BR
 

 

Mais Sobre Política

Biometria obrigatória encerrará no mês de setembro, em oito municípios de Rondônia

Biometria obrigatória encerrará no mês de setembro, em oito municípios de Rondônia

A Justiça Eleitoral em Rondônia encerrará, no mês de setembro de 2019, a última fase do processo de revisão biométrica do eleitorado do estado, com co

Cristiane Lopes fiscaliza demandas de Extrema e União Bandeirantes

Cristiane Lopes fiscaliza demandas de Extrema e União Bandeirantes

A vereadora Cristiane Lopes (PP) esteve nos Distritos de União Bandeirantes e Extrema para realizar o levantamento das demandas dos moradores das comu

Rondônia é o primeiro estado do Brasil a implementar Programa Criança Protegida

Rondônia é o primeiro estado do Brasil a implementar Programa Criança Protegida

Em busca de efetivar políticas públicas que, de fato, beneficiem a sociedade rondoniense, o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, e a primeira

Assembleia Legislativa aprova lei que garante o piso nacional aos professores da rede estadual

Assembleia Legislativa aprova lei que garante o piso nacional aos professores da rede estadual

Em duas votações, a Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, na sessão desta terça-feira (10), o Projeto de Lei Complementar 31/19, de autor