Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Presidente de Associação de Pais e Alunos denuncia “demissões eleitoreiras” nas escolas estaduais de


O presidente da Associação de Pais e Alunos-APA da escola estadual Petrônio Barcelos, Paulo Sérgio Telles Rabelo fez no último dia 11 uma série de acusações contra integrantes da Secretaria de Estado da Educação-Seduc. Sem mencionar ou responsabilizar o governador Ivo Cassol ou ocupantes de cargos comissionados ou de confiança na Seduc, Rabelo declarou à reportagem, na presença de uma silenciosa testemunha: o vereador Zequinha Araújo (PSDC): "Sob alegação de que alguns diretores de escolas da rede estadual fizeram campanha eleitoral favorável à senadora Fátima Cleide (PT-RO) ou outros candidatos contrários à reeleição do governador Ivo Cassol, a Seduc iniciou uma "caça as bruxas", no mesmo estilo colocado em prática durante os penumbrosos anos Ditadura Militar. A diretora da escola Petrônio Barcelos, Maria das Graças Coelho, e mais outros vinte e quatro diretores de escolas, foram demitidos ou substituídos por pessoas a ocupantes de cargos políticos. Comenta-se que as demissões serão continuadas nos 52 municípios de Rondônia. Os alunos da escola Petrônio Barcelos estão revoltados. Se a demissão não for cancelada vou pedir imediato afastamento da APA.

A diretora demitida, Maria das Graças, disse à reportagem que estava há 19 anos exercendo cargos de vice-diretora e diretora da Petrônio Barcelos. "Fui nomeada para o cargo em 1987, na época do governo Jerônimo Santana. Estava há 14 anos na direção, eleita em votação direta por alunos e professores. Mas o governo Cassol cancelou as eleições de diretores e todos estão sendo nomeados através do QI (quem indica), ou seja, por indicações de políticos ou pelo critério de quem segue melhor a "cartilha" do governo", disse.

Maria das Graças confirmou: "na escola estudam um total de 1.400 alunos. Fui eleita, em 2004, com 95% do total de votos dos alunos e professores. Acho a demissão injusta, prejudicial aos alunos e à comunidade, mas não vou afirmar ou negar que estou sendo alvo de perseguição política", disse.

Dizendo-se "decepcionado", o presidente da APA, Rabelo, concluiu: "Também vou pedir afastamento do cargo porque não vou me curvar diante da nomeação de incompetentes. Quem quiser maiores explicações basta ligar no meu telefone: 3225 9340". Paulo Sérgio Telles Rabelo é sobrinho de um ex-secretário municipal: Gilberto Cavalcante Telles.

Rabelo confirmou à reportagem: além do dinheiro da merenda escolar e de outros repasses dos governos estadual e federal, a escola Petrônio Barcelos recebe, anualmente, mais de R$ 10 mil para a compra de "material permanente e material de consumo". Nos cheques, saques bancários e pagamentos constam assinaturas da professora Maria das Graças, Rabelo e de um "tesoureiro". A reportagem não conseguiu contato telefônico com o governador Ivo Cassol para conhecer a versão do governo estadual. Ficam, portanto, no campo das hipóteses, as respostas sobre os verdadeiros motivos das substituições de diretores de escolas estaduais e a "réplica" às acusações feitas por Rabelo e parcialmente confirmadas por Maria das Graças. Fontes do Tribunal de Contas informaram suspeitas de superfaturamento nas planilhas de custo e reforma de centenas de escolas e contratações ou nomeações de funcionários "fantasmas" na Seduc, uma secretaria que movimentar, por força constitucional, 25% de todo o Orçamento estadual.(A/J)


 

Mais Sobre Política

Rondônia: Cursos da Escola do Legislativo reiniciam em fevereiro

Rondônia: Cursos da Escola do Legislativo reiniciam em fevereiro

Escola está de mudança para a nova sede, mais ampla e funcional que a atualA Escola do Legislativo deve iniciar o ano letivo na segunda quinzena de

QUANDO AS MULHERES ERAM OBEDIENTES

QUANDO AS MULHERES ERAM OBEDIENTES

No meio de tudo isto, verifico que a injustiça, geralmente, caminha à frente da justiça.

Rondônia continua em destaque no CFA

Rondônia continua em destaque no CFA

Rondônia continua fortalecido no âmbito da administração em Brasília. Mesmo com a mudança na presidência, o Estado continua representado na estrutur

Governo de Rondônia divulga calendário com feriados e ponto facultativo de 2019; Confira as datas em que não haverá expediente

Governo de Rondônia divulga calendário com feriados e ponto facultativo de 2019; Confira as datas em que não haverá expediente

O governador Coronel Marcos Rocha, por meio do decreto nº 23.522 de 14 de  janeiro de 2019, estabelece o calendário de datas em que não haverá expedie