Porto Velho (RO) segunda-feira, 21 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Prefeito de Mirante da Serra se recusa a assinar acordo


Prefeito de Mirante da Serra se recusa a assinar acordo
feito com os trabalhadores em educação do Município

Embora tenha negociado com os trabalhadores em educação do Município e firmado um acordo com a categoria, o prefeito de Mirante da Serra, Álvaro Eliseu Barbosa, se recusa a colocar no papel os termos do que ficou acordado, o que causou desconfiança na educação. O entendimento foi mediado pela direção da Regional Centro II, do SINTERO, que tem sede em Ouro Preto D’Oeste.

De acordo com os diretores da Regional, Antônio Juarez e Antônia Maria, o prefeito chegou a enviar à Câmara Municipal um Projeto de Lei criando o Plano de elevação de nível, cujo texto chegou a ser lido em sessão ordinária. No entanto, o prefeito determinou a retirada do projeto logo em seguida.

A falta de compromisso do prefeito ensejou uma greve de 30 dias na educação municipal. O acordo consistia na aprovação de um plano que garanta a elevação de nível dos professores para prestigiar os profissionais que já estão há vários anos na função. O impacto desse plano foi calculado em R$ 18 mil reais e só teria efeito a partir de março de 2008, quando o enquadramento começaria a ser pago.

Atualmente o salário do professor com Licenciatura Plena e carga horária de 40 horas é de R$ 1.000,00 com gratificação de 30%. Ocorre que os professores contratados através dos últimos concursos no Município, na mesma situação, iniciam com salário de R$ 1.600,00 causando revolta entre os professores mais antigos.

Apesar de ser justa, legal e consistir no último recurso dos trabalhadores em educação em busca de valorização, a greve não teve o respaldo necessário na justiça local. A paralisação durou 30 dias e os profissionais voltaram ao trabalho pode determinação judicial.

O diretor Regional do SINTERO, Antônio Juarez, disse que o sindicato tenta obter na Justiça uma audiência de conciliação para que o prefeito se comprometa, perante o Juiz, a implantar o plano de elevação de nível com efeito a partir de março de 2008, nos mesmos moldes da negociação verbal.

Fonte: Adércio Dias

Mais Sobre Política

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que  investiga fraude em fundos de pensão

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que investiga fraude em fundos de pensão

Por determinação do Supremo Tribunal Federal, a Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (21) a Operação Grand Bazaar, visando desarticular um “esquema cri

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Após a vereadora Cristiane Lopes (PP) ir até o Ministério Público Estadual (MP/RO), para relatar os problemas das obras de pavimentação dos bairros Fl

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mais de 1700 parlamentares e parceiros da ONU e da sociedade civil de todo o mundo estão reunidos em Belgrado, na Sérvia, onde acontece a 141ª Assembl

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

A Comissão de Educação e Cultura (CEC), da Assembleia Legislativa, se reuniu na manhã desta quarta-feira (16), para deliberar projetos e voltou a di