Porto Velho (RO) sábado, 25 de setembro de 2021
×
Gente de Opinião

Política

Polícia Militar já planeja segurança do carnaval 2008


O Coordenador Regional de Policiamento I, coronel PM Paulo Carneiro, visando aprimorar ainda mais a segurança durante o carnaval em Porto Velho, encaminhou documento circular as entidades envolvidas com o evento, a Banda, aos Blocos, a Federação das Escolas de Samba, Fundação Iaripuna, e a 8ª promotoria do Ministério Público.

O evento deverá constar da Programação Oficial do Carnaval elaborada pelo órgão competente da Prefeitura Municipal de Porto Velho; Todos os pedidos de policiamento para os eventos constantes dessa programação deverão dar entrada na Coordenadoria Regional de Policiamento I até o dia 1 de dezembro de 2007 e neles deverão constar dia, horários de início e término, e lugar da realização, com o respectivo croqui dos itinerários e quantidade e tipo de veículos utilizados, se houver, caso seja realizado em trânsito pelas vias públicas, a previsão estimada de público e se haverá venda e consumo de bebidas alcoólicas no local;

Junto com a solicitação de policiamento o organizador de cada evento deverá apresentar seu plano para manutenção da segurança dos seus integrantes e interdição das vias públicas a serem utilizadas durante o período e indicar os responsáveis pela execução desse plano;

Os organizadores deverão cumprir previamente todas as exigências legais específicas;

A Polícia Militar designará representantes para integrar a equipe composta por agentes do Poder Público, municipal e estadual, para acompanhar todos os trabalhos de fiscalização prévia do cumprimento dessas exigências legais;

Caso seja constatado, em qualquer momento anterior à realização do
evento, o não atendimento a qualquer um dos requisitos relacionados por parte dos responsáveis pela sua realização, o policiamento ostensivo não será executado e o Ministério Público será comunicado imediatamente dos motivos que determinaram o impedimento.

Acreditamos que com a adoção de tais medidas, poderemos prestar um serviço ainda melhor à população e tornar o Carnaval de Porto Velho ainda mais popular e seguro, proporcionando às famílias portovelhenses uma opção de lazer cada vez mais divertida, sadia e tranqüila.


O oficio foi destinado a 8ª promotoria do Ministério Público, casa da cidadania, a Fundação Cultural do Município de Porto Velho, Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito, Blocos: Galo da Meira Noite, Rio Caiari, Canto da Coruja, Pirarucu do Madeira, do Alho, Arerê & cia, Jamaica, Calixto & Cia, Sintero, Concentra Mais não desfila, Sai do 4 e volta de 4, os Impossíveis, Até que a noite vire dia, trem das onze, do Pinto, Accunerra, Federação das Escolas de Samba, Bandas Imigrantes e Vai quem Quer.

Fonte:  Lenilson Guedes

Mais Sobre Política

Vereador Everaldo Fogaça agradece Prefeitura por recuperação em ruas e troca de lâmpadas do bairro Fortaleza

Vereador Everaldo Fogaça agradece Prefeitura por recuperação em ruas e troca de lâmpadas do bairro Fortaleza

O vereador Everaldo Fogaça (Republicanos) agradeceu a Prefeitura de Porto Velho pelo trabalho executado pela Secretaria Municipal de Obras referente

Deputado Cirone anuncia moderno Centro Alternativo de lazer e esporte para Cacoal

Deputado Cirone anuncia moderno Centro Alternativo de lazer e esporte para Cacoal

O governador Marcos Rocha confirmou ao deputado Cirone Deiró a destinação de R$ 2,5 milhões para a construção do Centro Alternativo de Lazer na Capi

 Marcos Rocha se filia ao PSL e assume presidência do partido em Rondônia

Marcos Rocha se filia ao PSL e assume presidência do partido em Rondônia

O Governador de Rondônia, Marcos Rocha, retornou oficialmente ao Partido Social Liberal (PSL) na manhã desta quarta-feira, 22. O presidente nacional

Emenda do presidente Alex Redano de R$ 220 mil está na conta da Associação de Mães de Autistas de Ariquemes

Emenda do presidente Alex Redano de R$ 220 mil está na conta da Associação de Mães de Autistas de Ariquemes

Já está na conta da Associação de Mães de Autistas de Ariquemes (AMAAR), os R$ 220 mil em emenda do presidente da Assembleia Legislativa, Alex Redan