Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política

“Não entendo o rancor de Cassol”, diz Roberto


Em entrevista ao programa “Clévis Serafim” nesta terça-feita (10) na Rádio Parecis, o prefeito Roberto Sobrinho lembrou que enquanto a prefeitura recebeu recursos financeiros da ordem de R$ 50 milhões do governo federal, o governo Cassol destinou (até esta data) apenas R$ 3 milhões para a capital. “Isso mostra que eu tinha razão quando dizia em campanha que era importante ter um prefeito afinado com o governo federal. Este volume de recursos liberados destinados para a Capital pelo governo federal dizem tudo. Sem contar o que entra mensalmente via programas sociais”, lembra o prefeito.

Só com o Bolsa Família são injetados na economia local cerca de R$ 1,3 milhão por mês, pagos a 22 mil famílias beneficiadas pelo programa. “Algumas pessoas criticam este programa, mas só faz isso quem tem R$ 150,00 para comprar um litro de uísque ou R$ 300,00 para comprar um abadá, pois quem está desempregado sabe muito bem o que significa receber este beneficio”, ressaltou Roberto.

Roberto lembrou que a juventude nunca teve tanta atenção como no atual governo federal. Ele dá exemplo de programas com esse fim: o PróJovem, que atende 2 mil somente na Capital incentivando a volta à escola de jovens de 18 a 24 anos, concedendo uma bolsa no valor de R$ 100,00; o Juventude Cidadã, que atenderá inicialmente 2 mil jovens com cursos de qualificação profissional e mais uma bolsa de R$ 120,00; e o Pro-Uni, que tem possibilitado a centenas de jovens ingressar na faculdade e concluir um curso superior.

A prefeitura executa ainda os programas: Agente Jovem e Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), todos do governo federal e que têm, segundo Roberto, “contribuído com as políticas públicas municipais e estaduais de atendimento à criança, adolescente e à juventude não somente em Porto Velho mas em todos os municípios brasileiros que trabalham com estes programas”. Para Roberto, todos estes programas têm o viés de investimento na educação “porque acima de tudo o governo Lula tem defendido a necessidade de investir pesado na educação para que os jovens tenham cada vez mais melhores condições de competir no mercado de trabalho”.

Questionado sobre as acusações feitas pelo governador há algumas semanas, em entrevista na mesma emissora, o prefeito aproveitou para parabenizar o governador Ivo Cassol, o senador Expedido Junior, deputados federais e estaduais eleitos em 1º de outubro, durante entrevista ao programa Clevis Serafim, na Rádio Parecis. No entanto ele salientou: “até parece que o governador Cassol perdeu a eleição, porque ele ataca todo o mundo e está cheio de rancor. Eu não tenho tempo para brigar com o governador, mesmo porque todos sabemos que em briga de políticos quem sempre sai perdendo é a população. Eu preciso é da ajuda do governo do Estado para equacionar as demandas da população de Porto Velho, sendo que muitas delas se arrastam por várias administrações”, afirmou. Para ilustrar, Roberto falou sobre as obras que a prefeitura está realizando em Porto Velho e nos distritos nas áreas de saúde, educação, drenagem, asfalto, habitação, construção e recuperação de praças, iluminação pública, além dos programas sociais do governo federal.

Mais Sobre Política

Desembargadores do TJ-RO explicam sobre mudanças administrativas

Possibilidade de convocação de aprovados no concurso fica para o próximo ano

Reoneração da Folha de Pagamentos

Reoneração da Folha de Pagamentos

*Reoneração da Folha de PagamentosPara pôr fim à greve dos caminhoneiros que, recentemente, paralisou o país, o governo federal - com o apoio do Poder

Cristiane Lopes volta a rua São Miguel e cobra providências urgentes

Cristiane Lopes volta a rua São Miguel e cobra providências urgentes

A vereadora Cristiane Lopes (PP) continua lutando para que os moradores da rua São Miguel e da 4ª Etapa do Bairro Cohab tenham o tão sonhado asfalto e