Porto Velho (RO) domingo, 15 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Moradores do Projeto Veredas recebem orientação sobre saúde


 
Beneficiários do Projeto Veredas participaram de palestras sobre saúde promovida pela prefeitura de Porto Velho, na tarde da última sexta feira (12), no auditório da Biblioteca Francisco Meireles. Os temas abordados foram hipertensão, doenças sexualmente transmissíveis, diabetes e câncer de mama. O evento foi coordenado pela Secretaria Municipal de Regularização Fundiária e Habitação (Semur).

A técnica social da Semur, Maria Veni Lopes, responsável pela palestra, disse que o Município vem priorizando e trabalhando vários temas com os moradores, todos de acordo com a realidade dessas pessoas. “Temos tratado de questões como saúde, lixo, meio ambiente, habitação, educação e meio ambiente”, destacou.

Maria Veni informa que a principal preocupação da prefeitura com os moradores é a prevenção de doenças, para que tenham melhor qualidade de vida nas novas moradias. “A partir do momento em que são informados sobre os riscos das doenças e como se contrai, fica mais fácil se precaver”, comenta a técnica social.

As palestras foram ministradas por acadêmicos da Faculdade São Lucas, parceira da prefeitura nesse projeto. A turma de enfermagem tratou de câncer de mama e doenças sexualmente transmissíveis. A de medicina abordou hipertensão e diabetes. “Agradecemos aos estudantes e a direção da Faculdade São Lucas por essa parceria tão importante”, completou Maria Veni.

Áreas de risco

O Projeto Veredas I, II e III foi criado pela prefeitura para atender com moradias dignas, famílias que moravam em áreas de risco (margens de igarapés) e outras em situação de vulnerabilidade social. A primeira etapa, composta de 25 unidades habitacionais, está localizada no bairro Escola de Polícia; a segunda, com 20 casas, no bairro Tiradentes; a terceira, com 55 habitações, foi construída no bairro Marcos Freire.

As casas foram construídas sem qualquer custo para o moradores e todas já foram entregues pela prefeitura. Cada unidade é composta de dois quartos, sala, cozinha e banheiro social. Na última etapa, entregue em agosto, 21 casas na primeira rua foram destinadas a pessoas idosas e portadoras de necessidades especiais.

Fonte: Augusto José
 

Mais Sobre Política

Biometria obrigatória encerrará no mês de setembro, em oito municípios de Rondônia

Biometria obrigatória encerrará no mês de setembro, em oito municípios de Rondônia

A Justiça Eleitoral em Rondônia encerrará, no mês de setembro de 2019, a última fase do processo de revisão biométrica do eleitorado do estado, com co

Cristiane Lopes fiscaliza demandas de Extrema e União Bandeirantes

Cristiane Lopes fiscaliza demandas de Extrema e União Bandeirantes

A vereadora Cristiane Lopes (PP) esteve nos Distritos de União Bandeirantes e Extrema para realizar o levantamento das demandas dos moradores das comu

Rondônia é o primeiro estado do Brasil a implementar Programa Criança Protegida

Rondônia é o primeiro estado do Brasil a implementar Programa Criança Protegida

Em busca de efetivar políticas públicas que, de fato, beneficiem a sociedade rondoniense, o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, e a primeira

Assembleia Legislativa aprova lei que garante o piso nacional aos professores da rede estadual

Assembleia Legislativa aprova lei que garante o piso nacional aos professores da rede estadual

Em duas votações, a Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, na sessão desta terça-feira (10), o Projeto de Lei Complementar 31/19, de autor