Porto Velho (RO) sábado, 21 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Médicos em Rondônia estudam formas de tratamento sem cirurgia


 
As doenças do coração representam a primeira causa de morte em todo o mundo, segundo o Ministério da Saúde. No Brasil, cerca de 70 mil pessoas morrem de infarto por ano, e milhões são gastos com as formas de tratamento.

Além dos problemas cardíacos, algumas doenças associadas levam ao agravo deles, principalmente para as pessoas que não conhecem a própria saúde a fundo.

Mas a cada dia, médicos e estudiosos descobrem novas formas de tratamento e prevenção para esses males. Temas importantes na sociedade são destaques no 2º Simpósio de Hipertensão Arterial Sistêmica, que acontece nos dia 22 e 23 de outubro em Porto Velho.

No encontro, a hipertensão será abordada com os temas: hipertensão na criança, adolescente, idoso, cardiopata, com doença endócrina, com insuficiência renal, hipertensão no pronto-socorro, atualidades sobre a hipertensão na mulher e na mulher gestante.

O ‘Estudo não invasivo do paciente com fatores de risco cardiovasculares’ será abordado pelo médico Dr. Luiz Quaglia de Brasília (DF), que pretende demonstrar em sua palestra, como os exames de diagnóstico podem ser usados em favor do paciente para que sejam evitadas as cirurgias de grande porte, o que pode facilitar sua recuperação.

A programação do simpósio conta ainda com a participação de 18 palestrantes médicos durante as 20 horas de encontro, sendo dez de Rondônia e oito de outros Estados, quatro deles pertencentes ao departamento de hipertensão da Sociedade Brasileira de Cardiologia, “atuais detentores das melhores informação sobre hipertensão”, como esclarece o Dr. Gemelli, organizador do evento.

A vinda do Dr. Luiz Quaglia é patrocinada pelo Núcleo Daia de Medicina Diagnóstica, com o foco de trazer ao Estado a chance de aumentar a participação em temas relevantes para o cenário da medicina diagnóstica.

O Núcleo Daia realiza desde junho de 2010, em Porto Velho, um conjunto de exames das mais diversas especialidades, divididos nos núcleos de Analises Clínicas, Radiologia, Gastroenterologia, Neurologia, Medicina Fetal e Feminino. Até novembro de 2010, mais exames especializados estarão à disposição dos pacientes, nos núcleos de Fonoaudiologia, Anatomia Patológica, Cardiologia e Urologia, e previsto para janeiro de 2011, o início das atividades do núcleo de Medicina Nuclear.

As inscrições para o 2º Simpósio de Hipertensão Arterial Sistêmica estão abertas até o dia 22 de outubro, ao meio dia e podem ser feitas pelo telefone (69)3224-2626. As palestras acontecerão no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil de Rondônia – OAB, endereço Rua Paulo Leal, 1300.

Fonte: Comunica
 

Mais Sobre Política

Presidente Laerte Gomes anuncia R$ 800 mil para construção de UBS durante visita ao frigorífico Rio Beef

Presidente Laerte Gomes anuncia R$ 800 mil para construção de UBS durante visita ao frigorífico Rio Beef

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Laerte Gomes (PSDB), visitou na manhã desta sexta-feira as instalações do frigorífico Rio Beef e an

Vereadora Cristiane Lopes cobra solução para os problemas do Transporte Coletivo

Vereadora Cristiane Lopes cobra solução para os problemas do Transporte Coletivo

Desde o início do seu mandato, a vereadora Cristiane Lopes (PP) tem cobrado uma solução definitiva para os problemas do Transporte Coletivo da Cap

Presidente Laerte Gomes e governador Marcos Rocha visitam obras do Anel Viário de Ji-Paraná

Presidente Laerte Gomes e governador Marcos Rocha visitam obras do Anel Viário de Ji-Paraná

O presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB) e o governador Marcos Rocha (PSL) visitaram nesta quarta-feira (18) o canteiro de obras

Deputado Cirone Deiró disse que abertura de CPI para fiscalizar Energisa responde clamor da sociedade

Deputado Cirone Deiró disse que abertura de CPI para fiscalizar Energisa responde clamor da sociedade

“A Energisa submeteu os rondonienses a uma crise energética sem precedentes. Os prejuízos estão sendo contabilizados em todos os segmentos da econom