Porto Velho (RO) quinta-feira, 16 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política

João Paulo II com plantão reforçado para as festas de final de ano


O Hospital e Pronto-Socorro Estadual João Paulo II (JPII)   preparou a escala de plantão, reforçada, para as datas festivas de final de ano. A unidade, aumentou o número de profissionais, envolvidos no atendimento a população. O objetivo do Governo de Rondônia é suportar a demanda de pacientes, que aumenta no período do Natal e do Ano Novo. O trabalho envolverá médicos clínicos e especialistas, enfermeiros e auxiliares. A unidade funciona 24h00.

A unidade ampliou 30 %, em média, o número de profissionais envolvidos no atendimento direto. O hospital atuará com 29 médicos, clínicos e especialistas. A escala manterá 2 clínicos, 3 cirurgiões, 2 ortopedistas e 2 anestesistas de plantão 24hs. Outros 20 médicos também estarão de sobreaviso, prontos para atender a qualquer hora. Enfermeiros, auxiliares e funcionários de apoio também tiveram reforço em suas escalas de trabalho. 

"A preocupação da administração Ivo Cassol é o aumento de casos de urgência, que sempre acontece no período. O JPII é a principal unidade de atendimento em emergência do Estado, o hospital atende pessoas de todas as regiões de Rondônia. No ultimo mês de novembro passaram 4717 pessoas e desde sua inauguração, em abril, mais de 40 mil pacientes foram atendidos", disse Milton Moreira, secretário de Estado da Saúde.

Falta de atendimento básico nos municípios - Outro fator que sobrecarrega o JPII é a demanda de pacientes que necessitam atendimentos básicos, de baixa complexidade, de responsabilidade dos municípios. Casos como embriagues, escoriações e pequenos cortes, que deveriam ser feitos em policlínicas e hospitais municipais, são encaminhados ao JPII. A unidade do Estado, tem a responsabilidade de atender casos complicados, de alta complexidade, mas mesmo assim, atende a todos.

Dos 52 municípios de Rondônia, o que mais encaminha pacientes ao JPII é Porto Velho. A falta de atendimento básico e de emergência, por parte da prefeitura da Capital, fez a unidade de saúde do Estado atender 4093 pessoas no mês de novembro. "O volume, representa 86,8 % do número dos serviços feitos no JPII no último mês (4717). Os outros 51 municípios enviaram, no mesmo período, 624 pacientes, 13,2 % do total geral", explicou Eliana Mendes, diretora do JPII.

 

Fonte: Toninha Lima – DRT/RO

Mais Sobre Política

Daniel Pereira e Lindomar Garçon vão à Presidência do Banco do Brasil para evitar quebradeira do estado

Daniel Pereira e Lindomar Garçon vão à Presidência do Banco do Brasil para evitar quebradeira do estado

O Coordenador da bancada federal, deputado Lindomar Garçon (PRB-RO), intermediou ontem a tarde em Brasília, um encontro entre o Diretor de Governo do

Seminário vai discutir reintegração de apenados e implantação do Patronato Acuda, em RO

Seminário vai discutir reintegração de apenados e implantação do Patronato Acuda, em RO

O “Seminário Patronato - Reintegração Social de Egressos” vai reunir informações sobre caminhos na gestão da política penal, nos dias 23 e 24 de agost

ALE aprova renegociação da dívida do Beron

ALE aprova renegociação da dívida do Beron

Executivo vem a Assembleia para explicar a renegociação da dívida do Estado com o Beron. Após os debates, o Projeto de Decreto Legislativo que aprova