Porto Velho (RO) segunda-feira, 21 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Ivo destaca investimentos em encontro com Jefferson


Os investimentos realizados com recursos próprios do Estado, a exemplo da interligação dos municípios à BR-364, entre outros importantes para a economia local, como as hidrelétricas e o gasoduto, além da conclusão do aeroporto de Cacoal com recursos de emendas parlamentares negociadas pelo ex-deputado federal Nilton Capixaba (PTB-RO), foram alguns dos destaques do governador Ivo Cassol ao recepcionar na manhã desta sexta-feira (19) o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, durante coletiva à imprensa, no Hotel Vila Rica, em Porto Velho. O encontro aconteceu momentos antes de o governador seguir para Rio Crespo para inaugurar a extensão de 17,45 quilômetros da RO-459 à BR-364, com a presença de Jefferson, que veio ao Estado para participar do Encontro do PTB em Cacoal, tendo como principal convidado também o governador Cassol.
O governador afirmou ter simpatia pelo PTB, mas descartou temporariamente a possibilidade de filiar-se ao partido, lembrando que não saiu do PPS, mas encontra-se apenas licenciado, por iniciativa própria. Já Roberto Jefferson destacou seu apreço por Cassol, pela coragem e determinação, que não mediu esforços ao se expor por ocasião das denúncias apresentadas contra atos de corrupção na Assembléia Legislativa rondoniense, há pouco mais de dois anos.  
Questionado se tinha coragem de concorrer à Presidência da República, Cassol disse que gosta de desafios e lembrou que sempre tem dito que “no Brasil há muitos homens de coragem. Mas eu e o Roberto Jefferson somos os mais corajosos”, referindo-se às denúncias sobre o Mensalão levadas a público por Roberto Jefferson. Os dois também garantiram que não se arrependeram e mesmo com as ameaças que enfrentaram fariam tudo de novo se preciso for. “A prova é que todas as denúncias que fizemos foram confirmadas, resultando em prisões e punições com perdas de cargos”, observou o governador, ressaltando que tudo resultou também na economia de recursos, permitindo ao Governo mais investimentos em estradas e outras obras, como as que estão sendo inauguradas neste final de semana, todas com recursos do Estado, inclusive a manutenção do pagamento dos salários em dia e dentro do mês trabalhado.
O governador ainda anunciou que o Estado deverá pedir indenização à União
pelas terras incorporadas à Floresta Nacional Jacundá, de forma inconstitucional, e adiantou que pretende criar o Instituto de Terras de Rondônia para regularizar áreas fundiárias. Ele ainda lamentou o fato de o Governo Estadual não ter sido convidado para participar da reunião com a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, quando foi anunciada a “privatização” da Jamari, outra floresta que também abrange área do Estado.
Entrevista à Exame – Ainda no Vila Rica, o governador concedeu entrevista ao repórter Gustavo Poloni, da Revista Exame, tendo como pauta principal as usinas hidrelétricas do rio Madeira.
Fonte: Decom

Mais Sobre Política

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Após a vereadora Cristiane Lopes (PP) ir até o Ministério Público Estadual (MP/RO), para relatar os problemas das obras de pavimentação dos bairros Fl

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mais de 1700 parlamentares e parceiros da ONU e da sociedade civil de todo o mundo estão reunidos em Belgrado, na Sérvia, onde acontece a 141ª Assembl

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

A Comissão de Educação e Cultura (CEC), da Assembleia Legislativa, se reuniu na manhã desta quarta-feira (16), para deliberar projetos e voltou a di

Liderança na produção do cacau depende da vontade política, aponta debate

Liderança na produção do cacau depende da vontade política, aponta debate

A volta do protagonismo brasileiro na produção de cacau depende de mais investimentos em pesquisa e de ações como o fortalecimento da Comissão Executi