Porto Velho (RO) quinta-feira, 16 de setembro de 2021
×
Gente de Opinião

Política

Incra convoca candidatos aprovados em concurso público


Nesta sexta-feira (1º), foram publicadas no Diário Oficial da União três Portarias convocando mais 354 candidatos aprovados no concurso público do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). Em Rondônia foram nomeados 16 novos concursados. Em todo o Brasil, já foram chamados 1.209 aprovados na seleção, realizada em dezembro do ano passado. O Incra ainda está finalizando providências para a nomeação de alguns candidatos classificados em vagas reservadas a portadores de deficiência.

Em Rondônia, estão sendo convocados dois candidatos para assumir o cargo efetivo de Analista Administrativo, oito para o de Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário e mais seis para o de Engenheiro Agrônomo, todos de nível superior. Os candidatos nomeados terão 30 dias (contados a partir desta sexta-feira) para tomar posse e mais 15 dias (contados da data da posse) para entrar em exercício.

Na quinta-feira desta semana já haviam sido nomeados dois candidatos aprovados para o cargo de Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário, com habilitação em Antropologia e Jornalismo. Desta forma, incluindo-se as 19 nomeações já realizadas desde o começo de 2006, o Incra/RO já nomeou 40 novos servidores.

De acordo com a diretoria de Gestão Administrativa do Incra, os candidatos receberão nos próximos dias um comunicado contendo informações sobre a posse e o exercício, os documentos necessários e os exames médicos relativos à inspeção médica oficial. Para a perícia, os nomeados deverão apresentar os exames médicos listados a seguir: avaliação cardiológica e eletrocardiograma (para candidatos com idade superior a 40 anos), eletroencefalograma, hemograma completo, tipo sangüíneo, VDRL, glicose (jejum), colesterol, triglicerídeos, Machado Guerreiro, raio X do tórax (com laudo médico) e atestado de sanidade física e mental. Os exames médicos serão custeados pelos próprios candidatos.

Documentação necessária

Quanto à documentação pessoal, os nomeados deverão apresentar original e fotocópia dos seguintes documentos: Cadastro de Pessoa Física (CPF), PIS/PASEP, Carteira de Identidade, Certificado de Reservista (se o candidato for do sexo masculino), Título de Eleitor (com comprovante de quitação com a Justiça Eleitoral), Certidão de Nascimento ou Casamento, Certidão de Nascimento dos filhos ou dependentes, comprovante de escolaridade (certificado ou diploma), registro profissional, comprovante de residência, comprovante da data do primeiro emprego, Curriculum Vitae simplificado.

A documentação apresentada será autenticada pelo responsável pelo recebimento, que verificará originais e cópias entregues. Na ausência dos documentos originais, também serão aceitas cópias dos documentos, desde que sejam autenticadas em cartório.

Mais Sobre Política

Presidente Alex Redano discute modelo de faculdade estadual com deputados do Tocantins

Presidente Alex Redano discute modelo de faculdade estadual com deputados do Tocantins

Com a finalidade de trocar informações e experiências de gestão bem sucedidas, o presidente da Assembleia Legislativa, Alex Redano (Republicanos), s

Deputado Léo Moraes repudia quarentena para determinadas categorias

Deputado Léo Moraes repudia quarentena para determinadas categorias

A exigência de quarentena de quatro anos para algumas categorias profissionais concorrerem às eleições, medida aprovada pelo Plenário da Câmara dos

Dr. Neidson indica a Sejus retorno de visitas de esposas e familiares a reeducandos que cumprem pena restritiva de direitos

Dr. Neidson indica a Sejus retorno de visitas de esposas e familiares a reeducandos que cumprem pena restritiva de direitos

O deputado Dr. Neidson (PMN), indicou ao Poder Executivo, através da Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), a possibilidade do retorno das visitas

Vereador Fogaça recebe professores e diz que votação do piso nacional será um marco na educação municipal

Vereador Fogaça recebe professores e diz que votação do piso nacional será um marco na educação municipal

O presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), da Câmara Municipal de Porto Velho, vereador Everaldo Fogaça (Republicanos) rece