Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Humaitá pode ficar isolada com fechamento da Br-319



A recém criada Associação dos Produtores e Comunidades do Alto Rio Mucuim (APROCOM) anunciou ontem o fechamento da BR-319 – liga Porto Velho à cidade de Humaitá (AM) - por tempo indeterminado, até que a CERON e o programa Luz para Todos decida começar a execução dos serviços de posteamento e extensão da rede de energia elétrica da área.

Dirigentes da Associação que tem sede na Vila do 46 (BR-319) informaram que a manifestação é um protesto contra o programa Luz para Todos que há mais de dois anos promete "todo mês" o início dos serviços e nada realiza. O sitiante Raimundo Pereira da Silva (Km. 40), assim como os demais membros da entidade, não quiseram informar o local e a data e fechamento da rodovia federal, alegando apenas que um caminhão carregado de toras já está pronto.

Na Polícia Rodoviária Federal (PRF) não chegou qualquer informação ou pedido de apoio sobre o protesto da BR. O agente Otoniel Alves de Lima disse, por telefone, que a instituição não recebeu qualquer chamado, mas procurou acalmar a comunidade, em especial os usuários daquela rodovia, ressaltando que são muitos os chamados à PRF, muitas vezes sem razão de ser. O policial rodoviário deu a entender que este tipo de manifestação pode ser apenas uma espécie de balão de ensaio, que visa apenas chamar atenção das autoridades, e que quando tem fundo de verdade a instituição, geralmente, é a primeira a saber.

Já no programa Luz para Todos, o servidor Marcos – ele não quis se identificar -, informou que o gerente do programa em Rondônia, o economista José Carlos Carregaro, está viajando a Brasília, e que ele não tinha conhecimento de nada. Disse, contudo, que a planilha de custo relativa ao Convênio com o 5º BEC já foi encaminhada ao Exército e que só depende agora da resposta do oficial responsável pelo convênio.

Enquanto isso, o sitiante Salvador Ferreira (o Maranhão), pequeno produtor da Linha do Km 38 (L-E) disse que é uma tristeza o abandono em vivem os agricultores da margem e adjacências da BR-319. Segundo ele, são anos de espera por essa energia que nunca chega, e a gente vive nesta humilhação aqui, enquanto a CERON atende a localidades de pouco movimento e quase sem moradores", disse alertando que com o fechamento da BR serão prejudicados os serviços de transporte para Humaitá (AM) e todo o movimento de caminhões e máquinas do Exército, que trabalha na execução da obra de asfaltamento da BR.

Fonte: Cleuber Rodrigues Pereira

Mais Sobre Política

Comissão de Educação da ALE discute tabela do piso do magistério com secretário da Seduc

Comissão de Educação da ALE discute tabela do piso do magistério com secretário da Seduc

A Comissão de Educação e Cultura (CEC), da Assembleia Legislativa, se reuniu na manhã desta quarta-feira (23), para deliberar projetos e também disc

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que  investiga fraude em fundos de pensão

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que investiga fraude em fundos de pensão

Por determinação do Supremo Tribunal Federal, a Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (21) a Operação Grand Bazaar, visando desarticular um “esquema cri

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Após a vereadora Cristiane Lopes (PP) ir até o Ministério Público Estadual (MP/RO), para relatar os problemas das obras de pavimentação dos bairros Fl

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mais de 1700 parlamentares e parceiros da ONU e da sociedade civil de todo o mundo estão reunidos em Belgrado, na Sérvia, onde acontece a 141ª Assembl