Segunda-feira, 15 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política

HIDRELÉTRICAS DO MADEIRA:Empresários participam da Audiência Pública


Empresários participam da Audiência Pública e esperam que projeto seja aprovado

Empresários de diversos ramos de atividade participaram sábado da Audiência Pública que discutiu as Usinas de Jirau e Santo Antônio, no Rio Madeira. A expectativa deles é grande, para que a economia local gire mais rápido.

Para Adélio Barofaldi, da Autovema e diretor do Pool de Empresas, o empresariado apóia o empreendimento, "por que vai gerar riqueza para o Estado e as empresas estabelecidas, direta ou indiretamente vão ser favorecidas. Temos conversado muito sobre isso no Pool".

"O empresário que está estabelecido aqui e for contra deve rever este conceito, por que através deste empreendimento, direta ou indiretamente, todos serão beneficiados", afirma Adélio, acrescentando que os órgãos públicos como Prefeitura e Governo do Estado estão se estruturando para reduzir ao mínimos os impactos que possam vir a acontecer. "Alguns impactos irão acontecer, mas tecnicamente serão resolvidos. Em todo mundo as usinas causam impacto ambiental, mas impacto maior causará  à população que vai ter renda, vai ter saneamento, vai ter habitação. Isso é mais importante que não ter impacto nenhum e faltar até alimentação para o ribeirinho.

Para o segmento da construção civil, também há boas expectativas. O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil de Porto velho, Denis Baú, disse que o setor está aquecido e que haja um grande número de pessoas trabalhando. "Há vários prédio comerciais e residenciais sendo construídos em Porto Velho, para atender a uma demanda de um futuro não muito distante. Estas usinas são importantes para injetar dinheiro novo no mercado e auxiliar na redução do desemprego".

O treinamento de mão-de-obra para atender às futuras construções da usinas de Santo Antônio e Jirau deverá ser feito entre outros pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Senai, cujo presidente do Conselho é o empresário Eusébio Guareschi, também presidente da Federação das Indústrias de Rondônia. Segundo ele, o Senai já preparou todos os projetos de ampliação e adequação de suas instalações prevendo novas turmas e novos cursos. "Teremos apoio do Departamento Nacional do senai e tão logo seja realizado o leilão, teremos condições de iniciar de imediato o treinamento nas habilidades que o Projeto necessitará".

Fonte: José Carlos Sá 

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 15 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Pré-candidato a vereador Dimas Craveiro, de Nova Califórnia, se destaca na Ponta do Abunã

Pré-candidato a vereador Dimas Craveiro, de Nova Califórnia, se destaca na Ponta do Abunã

Dimas Craveiro, empresário e assistente social residente de Nova Califórnia, desponta como pré-candidato a vereador pelo PSD em Porto Velho. Com um

Deputada Cristiane Lopes defende agricultores rondonienses na Câmara dos Deputados

Deputada Cristiane Lopes defende agricultores rondonienses na Câmara dos Deputados

Nesta quarta-feira (10), a deputada federal Cristiane Lopes reafirmou seu compromisso com os agricultores de Rondônia ao utilizar a tribuna da Câmar

Affonso Cândido anuncia pré-candidatura à Prefeitura de Ji-Paraná

Affonso Cândido anuncia pré-candidatura à Prefeitura de Ji-Paraná

O deputado estadual, Affonso Cândido (PL), fez hoje (12), pela manhã, o lançamento da pré-candidatura à Prefeitura de Ji-Paraná. Acompanharam o anún

Deputada Ieda Chaves destina mais de R$ 70 mil para expandir o “Giro do Empreendedor” na capital

Deputada Ieda Chaves destina mais de R$ 70 mil para expandir o “Giro do Empreendedor” na capital

Comprometida em possibilitar que pequenos e microempreendedores tenham uma oportunidade de geração de renda, a deputada estadual Ieda Chaves (União

Gente de Opinião Segunda-feira, 15 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)