Porto Velho (RO) segunda-feira, 16 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Política

Governo ampliará Centro de Atenção a Dependente Químico em três municípios


Para fortalecer o programa de reabilitação psicossocial e multidisciplinar a pessoas com problemas de dependência química e a familiares, o “Governo da Cooperação planeja a construção de mais três Centros de Referência em Prevenção e Atenção a Dependência Química (Crepad) em Ariquemes, Cacoal, e Vilhena. Durante reunião da Agenda Integrada de Resultados (Agir) na última terça-feira (14), o governador, Confúcio Moura foi informado do andamento do processo que prevê a criação desses centros no interior.

O projeto dos novos centros foi desenvolvido pelo Departamento de Obras e Serviços Públicos (Deosp) e está orçado cada um em torno dos R$ 3 milhões. “Além da construção, está incluída toda a compra do mobiliário e instalação da Tecnologia de Informação (TIC), informa a pedagoga e coordenadora da Sepaz, Tereza Sabino.

O processo licitatório deverá acontecer no mês de março. Após a assinatura da Ordem de Serviço pelo governador Confúcio Moura, as obram se iniciam com prazo de 120 dias para finalização. Cada Crepad atenderá a cerca de 300 pessoas diariamente em situação de abuso e dependência química.

Outro trabalho é o de abordagem dos dependentes e familiares, num total de 60 por dia. “A necessidade nos fez abrir os olhos para essa doença que é a dependência química, que assola todo o país, e Rondônia não é diferente. A Superintendência da Paz (Sepaz) setor criado exclusivamente para cuidar desta área vem trabalhando diretamente com essas pessoas”, disse o governador, Confúcio Moura.

A coordenadora da Sepaz, Tereza Sabino, explica que a criação do Crepad é um projeto genuíno do Governo do Rondônia, que viu a necessidade de ampliar os trabalhos da instituição junto à comunidade dependente de drogas ilícitas. Outro foco são os familiares que passam a ser vítimas em razão da convivência. “Percebemos que os trabalhos deveriam ser feitos não somente com os usuários, mas extensivo às famílias que passam a ser atendidas por nós”, informa.

Em Cacoal o governo também prevê a criação de um centro de acolhimento somente para as mulheres.

CREPAD

A proximidade com a Bolívia e o Peru, países que mais produzem cocaína no mundo, aliada às fronteiras desguarnecidas do Brasil, tem surtido efeito direto para o aumento do consumo de drogas entre jovens e adultos.

O Centro de Referência em Prevenção e Atenção à Dependência Química (Crepad) é uma unidade de referência implantada pela Superintendência da Paz (Sepaz), a pedido do governador Confúcio Moura. A proposta é garantir que o dependente acesse a rede de serviços, seja acolhido e tenha a motivação necessária para permanecer em tratamento, aderindo com efetividade às metas propostas. Dentre os quais o oferecimento de atendimento psicossocial e multidisciplinar; encaminhamento de dependentes químicos e seus familiares à rede de atenção; assegurar condições para o acolhimento, recuperação e a reinserção social do dependente; além da busca ativa, abordagem de rua e atenção domiciliar. Porto Velho já conta com um centro que fica na rua Rafael Vaz e Silva, 3041, Bairro Liberdade, antigo Hospital Infantil Cosme e Damião. Informação pelo fone (69) 3216 2963.

Fonte: Emerson Barbosa / Decom

 

Mais Sobre Política

Deputado Cirone Deiró anuncia sessão solene da Assembleia Legislativa, em Cacoal

Deputado Cirone Deiró anuncia sessão solene da Assembleia Legislativa, em Cacoal

“Homenagear os pioneiros, profissionais liberais, empreendedores, agricultores, cafeicultores, professores, servidores públicos, empresários e insti

Com recursos indicados pela deputada Mariana Carvalho, obras na Estrada dos Periquitos são iniciadas

Com recursos indicados pela deputada Mariana Carvalho, obras na Estrada dos Periquitos são iniciadas

Uma parceria entre a deputada federal Mariana Carvalho e a Prefeitura de Porto Velho vai garantir a completa revitalização e urbanização da Estrada do

Presidente Alex Redano critica demora da empresa em iniciar construção da ponte do rio Jamari, ligando a Alto Paraíso

Presidente Alex Redano critica demora da empresa em iniciar construção da ponte do rio Jamari, ligando a Alto Paraíso

A paralisação das obras de construção da nova ponte sobre o rio Jamari, na RO-459, ligando Alto Paraíso à BR-364, que teve a ordem de serviço assina