Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política

GillettePRESS: Dia do Rádio e da Radiodifusão


 

 

 

 

A primeira emissora de rádio do Brasil foi fundada em 20 de abril de 1923, tendo como fundador Edgar Roquete Pinto, na Academia Brasileira de Ciências. Foi Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, com o prefixo PRA-A.

Logo depois veio a Rádio Clube do Brasil PRA-B, fundada por Elba Dias.

Mas, a primeira transmissão de rádio foi no dia 7 de setembro de 1922, durante a exposição comemorativa do centenário da independência.


O discurso do então Presidente da República, Epitácio pessoa, além de ser ouvido no recinto da exposição, chegou também em Niterói, Petrópolis e São Paulo, graças à instalação de uma retransmissora no Corcovado e de aparelhos de recepção nesses locais.

 

Grande companheiro

Hoje são milhares de emissoras de rádio espalhados pelo país, levando alegria , entretenimento e informação para um Brasil de audiência, e principalmente ao ouvinte que sempre fez do rádio, o seu grande companheiro.

 

O Radialista

 

Na época, quando se fundou a primeira emissora de Rádio do Brasil, não existiam escolas para formação de Radialistas. Foram os Radioamadores os primeiros locutores, por já possuírem experiência com microfones. Uma característica era fazer uma programação cultural, que consistia em música erudita, conferência e palestras que não interessavam ao ouvinte.

 

Nhô Totico

Na Era do Rádio, o grande astro era "Vital Fernandes da Silva", o "Nhô Totico", que permaneceu no ar por 30 anos. O mais incrível é que nessa época ele apresentava dois programas ao vivo, e, totalmente, improvisados. Nos dias de hoje, com um ouvinte mais exigente, o radialista precisa de muita técnica e ter um padrão que se identifique com cada emissora.

 

Carisma

Mas o ponto em comum entre eles tem que ser o carisma. Dentro de cada Radialista existe um inexplicável sentimento de dedicação e o interesse pelo que faz. Só o idealismo não é o suficiente, existe a necessidade do talento. Com milhares de bons Radialistas espalhados pelo Brasil, o Rádio é hoje rico, oferecendo boas opções para aquele que merece todo o nosso respeito, o Ouvinte.

O Radialista é um sonhador, um apaixonado que faz parte do cotidiano das pessoas.

 

Hoje, também:

Culminando a Semana do Trânsito, comemora-se o Dia Nacional do Trânsito. Mas, precisamos evoluir muito se quisermos comemorar algo...

- Dia do Auditor da Justiça Desportiva

- Dia do Cadáver Desconhecido (?)

 - Dia da Tia Solteirona (!!!)

 
Do mestre Fernandes

 

O que Lula deveria fazer:

* O presidente Luiz da Silva se esgota e se desprestigia, com essa luta inglória pela aprovação da CPMF. Garantiu: "Sem a CPMF, ninguém consegue governar o Brasil". E insiste, mobilizando a base partidária, PMDB-PT-PT e partidos menores. E a base apartidária, PSDB-DEM. É um evidente exagero do presidente. E nos anos em que não havia CPMF, como é que as coisas se resolviam?

 

** O presidente tem um inexplicável prazer de se juntar ou se comparar com FHC, um dos piores presidentes que o Brasil já teve. Em determinado momento, FHC retumbou com todos os meios de comunicação que controlava generosamente: "Sem medida provisória não há governabilidade".

- Antes de existirem essas MPs?


A afirmação de Luiz da Silva é tão ridícula quanto à de FHC a respeito das MPs. Vejamos com facilidade a insistência de Luiz sem qualquer sustentação. Comparemos e examinemos os números.

 

1 - A receita prevista este ano para a CPMF é de 38 bilhões. No ano passado foi de 32 bilhões.

2 - A receita tributária projetada para este ano, (feita pelo secretário do Tesouro Nacional, Hugo Augustim) é de 632 bilhões de reais.

3 - Essa projeção está no Diário Oficial de 30 de agosto.

4 - É evidente que Luiz da Silva não leu nem sabe do que se trata. Se lesse ou soubesse, não se jogaria todo nessa batalha, que movimenta o Brasil.

5 - 38 bilhões diante da receita projetada é de menos 5%. Vale todo esse esforço e desgaste?

6 - O orçamento é de 1 TRILHÃO e 526 MILHÕES, comparado, esses 38 bilhões representam apenas a ferocidade e a voracidade do governo em relação ao bolso do cidadão.

7 - Se Luiz da Silva quisesse, entre uma viagem e outra, (ou até no avião, sem nada para fazer), poderia comparar esses 38 BILHÕES, com o que gasta com a amortização (rolagem) da DÍVIDA que não DEVEMOS.

8 - Os encargos da DÍVIDA para 2007 são de 165 BILHÕES.

9 - Portanto, quase 5 vezes mais do que esses 38 BILHÕES da CPMF.

 

E para o povo?

Arrecadação da CPMF por ano = 38.000.000.000,00 - (38 bilhões).

População estimada brasileira = 200.000.000 - (200 milhões)

Arrecadação-CPMF por pessoa/ano = R$ 190,00

Arrecadação-CPMF por pessoa/mês = R$ 16,00

Arrecadação-CPMF por pessoa/dia = R$ 0,52

 

O que se pode fazer com a arrecadação da CPMF por dia:

 

1 pão = R$ 0,20

1 café = R$ 0,18

1 dose de açúcar = R$ 0,028

1 banana = R$ 0,11

Total de consumo por dia = R$ 0,52

Esses são os produtos que podem ser consumidos pela arrecadação diária da CPMF, por pessoa.

 

Retorno para o povo

O que a CPMF proporciona de retorno à população brasileira?

- Filas nos hospitais públicos.

- E o confisco diário do café da manhã do programa Bolsa Família.

- Ah! Dom Quixote, estão lutando por moinhos de ventos. Para arrecadá-los ou desviá-los, como acontece com tudo?

 

PS - Esses são os cálculos do governo e não os meus muito mais altos. Por que Luiz da Silva não se coloca em posição humilde, clara, patriótica, financeira, elucidativa? Abre mão da CPMF ou do pagamento C-R-I-M-I-N-O-S-Í-S-S-I-M-O dessa DÍVIDA catastrófica e indevida?

- (Ficaria a favor da CPMF, se o presidente Lula ficasse contra os juros criminosos.)

 

Amanhã

Desculpem, a guerra pela CPMF, insensata e insana, tem prioridade. Prometi estabelecer a diferença entre REVOLUÇÃO e RENOVOLUÇÃO, importantíssima, mas a cobrança de impostos passa na frente. Que República!

 

Renangate

Renan vai a mais um julgamento, por causa de um suposto vá lá, "engajamento com a cervejeira Schincariol". Mas como não há agredido sem agressor, nem corruptor sem corrupto, por que proprietários da Schincariol não aparecem?

- Não são convidados para negar a suposta acusação? Renan bebe a Schincariol, e sozinho, se dirige para mais um julgamento? Não é justo.

 

Tarso Genro

- Ridícula, ou exagerada, a ida do ministro da Justiça a Monte Carlo, com tudo pago. Não é razão de Estado.

 

Novo real

O governo Luiz da Silva (e não foi o primeiro nem é o único) criou uma nova moeda, não catalogada: o cargo público. Absolvição de Renan vale tantos cargos; a CPMF, um pouco mais; medida provisória depende (de avaliação).

 

Para refletir

Informe a algum conhecido que você estará indo se encontrar com uma pessoa pela primeira vez - informe, ao seu conhecido, o horário que você vai voltar, ou marque um horário para vocês se comunicarem. - DICA DE SEGURANÇA

Fonte: [email protected]

Gente de OpiniãoDomingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Sebrae quer impulsionar o empreendedorismo no estado estreitando a parceria com parlamentares rondonienses

Sebrae quer impulsionar o empreendedorismo no estado estreitando a parceria com parlamentares rondonienses

Inspirado pela fala dos parlamentares da bancada federal de Rondônia, durante a 11ª Rondônia Rural Show Internacional, o diretor-superintendente do

Cristiane Lopes Indica Emenda Parlamentar para a Reforma do Complexo Poliesportivo Deroche em Porto Velho

Cristiane Lopes Indica Emenda Parlamentar para a Reforma do Complexo Poliesportivo Deroche em Porto Velho

A deputada federal Cristiane Lopes (União Brasil) celebrou a conclusão do projeto que dará início aos trabalhos de reforma e requalificação do Compl

Asdec realiza 3° Torneio de Pesca Esportiva em Cacoal

Asdec realiza 3° Torneio de Pesca Esportiva em Cacoal

A Associação Desportiva e Ecológica dos Pescadores de Cacoal (Asdec) promove no próximo domingo (23) seu 3º Torneio de Pesca Esportiva. A competição

Dois deputados estaduais de Rondônia recebem R$ 131.625,00 em diárias para viagem ao Japão

Dois deputados estaduais de Rondônia recebem R$ 131.625,00 em diárias para viagem ao Japão

Sob a gestão do presidente Marcelo Cruz (PRTB), a Assembleia Legislativa de Rondônia tem sido palco de elevados gastos com diárias e passagens aérea

Gente de Opinião Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)