Sexta-feira, 19 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política

FIMCA promove integração de Bombeiros-mirins e acadêmicos de Odontologia


Na manhã desta terça-feira (03 de outubro) entre 08h00 e 10h30min, um grupamento composto por vinte meninas e meninos de bombeiros-mirins estiveram nas Faculdades Integradas Aparício Carvalho FIMCA e Faculdade Metropolitana. A visitação ficou dividida em duas turmas, sendo uma pela manhã e outra turma à tarde, das 14h00 às 16h30.

Os bombeiros-mirins que vieram pela manhã, conheceram laboratórios, clínica odontológica, biblioteca, salas de aula, sob a supervisão dos monitores, cabos bombeiros Sandra Lima e Júnior Tavares que foram recebidos pela coordenadora do NAIA, Isabel Cristina, a coordenadora do Curso de Odontologia da FIMCA, Paula Beserra e também pela coordenadora de Pós-Graduação, Professora Fernanda Bijella, que ministrou palestra sobre saúde e a higiene bucal. A turma que virá à tarde participará da mesma programação.

Acadêmicos do Curso de Odontologia da FIMCA, supervisionados pela professora Fernanda Bijella realizaram atividades como escovação, aplicação flúor, e ainda entrega de kits odontológicos contendo escova, creme e fio dental.

O projeto dos bombeiros-mirins, criado pelo Coronel Dionizio Costa da Silva, implantado em abril de 2006, tem como coordenador o tenente Lindoval Rodrigues Leal, e forma sua primeira turma em dezembro deste ano. O projeto tem como parceiros, o Governo de Rondônia e Prefeitura do município de Porto Velho.

Segundo cabo Sandra, os bombeiros-mirins têm aulas três vezes por semana, aulas teóricas e práticas, principalmente relacionadas ao Corpo de Bombeiros como noções de salvamento, combate a incêndio, primeiros socorros, além de ensinamentos sobre ética e cidadania,cuidados com a saúde. Cabo Sandra informou ainda que são promovidas visitas como esta feita a FIMCA.

Cabo Sandra declarou que "o Projeto Bombeiros-mirins é voltado para o social realizado pelo Corpo de Bombeiros com o objetivo de atender crianças de famílias de baixa renda, na faixa etária entre 10 e 14 anos, desenvolvendo atividades no período em que elas estão fora da sala de aula". Sandra ressaltou ainda a importância social da integração dos participantes com o meio acadêmico proporcionado pela FIMCA. E finalizou dizendo que foram inscritos mais de mil meninas e meninos para sessenta vagas que foram preenchidas através de sorteio realizado pelos responsáveis no Colégio Tiradentes.

Fonte: FIMCA

Gente de OpiniãoSexta-feira, 19 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Assembleia Legislativa realiza Audiência Pública sobre a Lei Orgânica Nacional da Polícia Civil

Assembleia Legislativa realiza Audiência Pública sobre a Lei Orgânica Nacional da Polícia Civil

A Assembleia Legislativa de Rondônia (Alero) realiza na quinta-feira (18), a partir das 15h, Audiência Pública para tratar sobre a Lei Orgânica Naci

Na Comissão de Aviação e Transportes, Cristiane Lopes conquista audiência pública para o debate dos desafios nos voos da Região Norte

Na Comissão de Aviação e Transportes, Cristiane Lopes conquista audiência pública para o debate dos desafios nos voos da Região Norte

Nesta quarta-feira (17), a deputada federal Cristiane Lopes (União Brasil) deu um passo importante na Comissão de Viação e Transporte da Câmara Fede

Máquinas da SEMOB atuam nos bairros Três Marias, Universitário e Fortaleza após visita do prefeito e vereadores

Máquinas da SEMOB atuam nos bairros Três Marias, Universitário e Fortaleza após visita do prefeito e vereadores

Na manhã da última terça-feira, o prefeito Hildon Chaves (PSDB), juntamente com o secretário de obras Diego Lage e vereadores, dentre eles o vereado

Gente de Opinião Sexta-feira, 19 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)