Porto Velho (RO) quinta-feira, 29 de julho de 2021
×
Gente de Opinião

Política

Famílias do Lago do Cuniã recebem crédito


Investimento vai para equipamentos de pesca, colheita e melhoria das casas

O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – Pronaf, através de suas linhas de crédito rural, têm melhorado as condições de vida dos moradores da Reserva Extrativista do Lago do Cuniã, localizada a 130 quilômetros de Porto Velho. Desde 2004, as famílias tiveram acesso à linha "A" do programa e financiaram a compra de canoas, motores, roçadeiras, caixas d'água, kits para casa de farinha, entre outros. Já no final do ano passado, além desse financiamento, os moradores também foram contemplados pela linha A/C (para plantação de mandioca). Um total de 195 mil distribuídos entre 19 famílias só em 2006.

"O Pronaf tem mudado a vida de quem tá investindo certo", revela Hailton Alves Lopes, morador da comunidade Silva Lopes Araújo, uma das quatro que fazem parte da reserva. Para essas pessoas, que vivem do extrativismo de castanha e açaí, da pesca e da fabricação artesanal de farinha, o crédito é a única chance de investir e conseguir mais vantagem no comércio. "Antes eu trabalhava mais para atravessador do que para mim mesmo. Peguei o crédito o ano passado e já melhorou o que eu ganho", diz Zacarias Souza Santos.  

Primeiro, o teto
"Antes de ter esses projetos, quem tinha casa de telha? Era só de palha e quando chovia tinha que sair correndo. E quem ia mudar isso só com o dinheiro da pesca? Vixe, mudou muito." É com emoção que Maria Domingas Felipe dos Santos, mãe de 11 filhos e avó de 9 crianças, fala sobre as primeiras transformações que os créditos trouxeram às comunidades.

Moradora antiga, ela lembra que os primeiros créditos, de apoio e habitação, foram liberados pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária – Incra em 2002. Naquele ano, os moradores da reserva foram reconhecidos como beneficiários do Programa Nacional de Reforma Agrária. Sob a responsabilidade do Incra, a primeira ação foi a liberação do dinheiro para reforma ou construção de moradias, que beneficiou 108 pessoas. "Fiz a casa de alvenaria, pus cerâmica... Antigamente não era assim", confirma Francisco Luiz de Souza.  

Mais recursos
Se depender da vontade dos moradores, novos investimentos não vão parar de chegar. "Eu já mandei tirar xérox dos documentos", diz Alfredo Gomes, esperando o financiamento desse ano. E não vai demorar. Segundo Clebio Lima Barreto, técnico da Assessoria Técnica, Social e Ambiental – ATES que cuida da aplicação do Pronaf na reserva, mais dinheiro virá a partir de abril.

Gilberto Raposo, presidente da Associação dos Moradores da Reserva Extrativista do lago do Cuni㠖 ASMOCUN, resume a importância social desses investimentos. "É bom porque as pessoas podem fazer o que gostam e o que sabem que dá certo". Ou seja, investir na atividade tradicional dos povos da floresta significa garantir a vida digna no local, a conservação da vegetação e inibir a migração do campo para a cidade. É o exemplo de Domingas: "minha filha foi para Porto Velho e o marido está desempregado. Com o crédito, vão voltar a morar aqui".
 
Fonte: Vanessa Ibrahim

Mais Sobre Política

Presidente Alex Redano anuncia convênio de R$ 1 milhão para recuperação de estradas em Vale do Anari

Presidente Alex Redano anuncia convênio de R$ 1 milhão para recuperação de estradas em Vale do Anari

O presidente da Assembleia Legislativa, Alex Redano (Republicanos), anunciou que o Governo celebrou o convênio de R$ 1 milhão com a prefeitura de Va

Deputada Mariana Carvalho é homenageada pela Aeronáutica

Deputada Mariana Carvalho é homenageada pela Aeronáutica

A Deputada Federal Mariana Carvalho recebeu da Aeronáutica a medalha Mérito Santos Dumont, pelos serviços prestados à corporação. A cerimônia de imp

Atendendo pedido do deputado Anderson, governo inicia fiscalização do cumprimento dos requisitos do programa Minha Casa Minha Vida

Atendendo pedido do deputado Anderson, governo inicia fiscalização do cumprimento dos requisitos do programa Minha Casa Minha Vida

Atendendo uma solicitação feita pelo deputado estadual Anderson Pereira (PROS), o Governo do Estado de Rondônia, por meio da Secretaria Estadual de