Porto Velho (RO) domingo, 24 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Deputado Ribamar Araújo quer criação de comitê pró-usinas do madeira


Em discurso no plenário de deliberações da Assembléia Legislativa de Rondônia, na tarde desta terça-feira (10), o Deputado Estadual Ribamar Araújo (PT), pediu a mesa diretora da casa de Leis à criação de um Comitê denominado de Pró-Usinas do Madeira, para ajudar nos programas de conscientização da população de Rondônia sobre a importância do início das obras das usinas.O deputado defende a idéia de que Rondônia e o Brasil irão crescer com a geração de energia das Usinas construídas em Jirau e Jacy-Paraná. Rondônia vai crescer com economia, já que toda energia gerada nas duas usinas irá gastar menos, em média seis mil mega wats de potência, enquanto que as Usinas de Itaipú, por exemplo, gastam cerca de 12 mil mega wats de potência. Sem contar que as duas Usinas irão investir ao longo de 20 anos cerca de 20 milhões de reais, isso é sem dúvida geração de emprego e renda. “Sabemos que cerca de 90% da população de Rondônia já apóia a construção das Usinas do Madeira, mas essa minoria que é contra não tem a consciência de como isso vai melhorar a qualidade de vida e de trabalho. Esse empreendimento vai gerar centenas de empregos diretos e indiretos, nosso estado tem cerca de 40 mil desempregados e a cada ano as faculdades soltam em média mil e duzentos novos profissionais no mercado que não tem como absorver a grande demanda”. Destacou.Deputado falou ainda sobre o apagou que aconteceu no Brasil há pouco mais de seis anos. “Será que o País precisa passar por uma crise como aquela de novo, que gerou grandes prejuízos ao nosso Brasil ? Acho que podemos evitar isso.Ribamar finalizou dizendo que o presidente Lula tem feito um grande esforço para que as Usinas em Porto Velho sejam instaladas, mas ele precisa do irrefutável apoio de todas as bancadas de Rondônia, “Por isso, peço aos meus colegas que vistam essa camisa em prol do crescimento do nosso Estado, precisamos deixar de lado as ideologias partidárias e unir forças num só objetivo: dar início as obras das usinas o mais breve possível”.REUNIÃO MINISTRO O deputado esteve reunido, semana passada, em audiência, com o Ministro da Agricultura Reinaldo Stefhani, juntamente com o deputado Federal Eduardo Valverde, coordenador da Bancada Federal de Rondônia em Brasília e o Deputado Federal Moreira Mendes, para discutir questões relativas ao sistema agrário de Rondônia. Dentre os assuntos discutidos está à questão da Instrução Normativa do Ministério da Agricultura, que deve entrar em vigor a partir do mês de julho, e que proíbe o transporte do leite “In-Natura”em latão, o deputado explicou ao ministro que em Rondônia ainda não é possível porque nem todos os pequenos produtores contam com energia elétrica para o resfriamento do leite. “Muitas vezes o laticínio mais próximo fica até duas horas de distância da área onde foi feita a ordenha no animal, e isso vai impossibilitar o cumprimento da regra além de causar grandes transtornos aos produtores rurais que vão acabar ficando com o prejuízo”. Disse Ribamar. Por esse motivo o deputado solicitou ao ministro que seja prorrogado o prazo para essa instrução normativa entrar em vigor. “Precisamos que nossos produtores tenham acesso a energia elétrica em suas áreas, para isso o governo federal tem o programa luz para todos que logo deve atingir 100% das áreas rurais em Rondônia.” Finalizou.Ribamar aproveitou a reunião para entregar um documento com uma série de reivindicações para Rondônia, entre elas estão:A construção de uma (CEASA) Central de Abastecimento no Estado. A realização de um Censo Agrícola em Rondônia para evitar prejuízo na lavoura. Ajuda Financeira do Ministério para intensificar a vigilância nas áreas de fronteiras de Rondônia para evitar a entrada de gados contaminados com a doença além de realizar campanhas para a conscientização dos produtores para a importância de manter a vacinação do gado sempre em dia.CARNEOutro ponto do discurso do deputado foi sobre a liberação da entrada da carne de Rondônia no estado do Rio Grande do Sul, após reunião da comissão formada pelos deputados Wilber Coimbra, Luis Cláudio e Valdivino Tucura, que foi pessoalmente conversar com a governadora Ieda Crussius. O deputado pediu que a Assembléia Legislativa elaborasse um documento de agradecimento aos deputados estaduais daquele estado, ao Secretário de ]Estado da Agricultura e a Governadora por terem entendido e permitido que nossa carne voltasse a ser comprada pelo rio Grande do Sul. “Isso prova que valeu a pena irmos até o Rio Grande do Sul ter essa conversa com as autoridades locais e provar que nosso estado está fora da área de risco de contaminação da febre aftosa, e que tanto o boi em pé quanto a carne desossada podem entrar sem restrições em qualquer estado ou país sem receio”.Ressaltou RibamarFonte: ALE

Mais Sobre Política

MP 873/2019 é inconstitucional e visa aniquilar os sindicatos para retirar direitos dos trabalhadores

MP 873/2019 é inconstitucional e visa aniquilar os sindicatos para retirar direitos dos trabalhadores

RETICÊNCIAS JURÍDICAS  -  Por Itamar Ferreira*No seu afã de atacar os sindicatos, afim de evitar mobilizações e reduzir direitos dos trabalhadores, o

Adelino Follador apresenta projeto de Lei que dispensa licenciamento ambiental na extração de cascalho

Adelino Follador apresenta projeto de Lei que dispensa licenciamento ambiental na extração de cascalho

O deputado Adelino Follador (DEM) apresentou na sessão ordinária da última terça-feira (19), o projeto de Lei que acrescenta ao dispositivo da Lei Nº

Léo Moraes afirma que pontos da Reforma da Previdência não correspondem à vontade da sociedade

Léo Moraes afirma que pontos da Reforma da Previdência não correspondem à vontade da sociedade

Durante entrevista realizada pela TV Câmara nesta quinta-feira (21), o deputado federal Léo Moraes afirmou que a Reforma da Previdência precisa ser “a

Audiência pública na Assembleia vai discutir a atuação de profissionais de assistência social, psicologia, nutrição e fonoaudiologia nas escolas

Audiência pública na Assembleia vai discutir a atuação de profissionais de assistência social, psicologia, nutrição e fonoaudiologia nas escolas

Proposta é do deputado estadual Anderson Pereira, autor do Projeto de Emenda Constitucional n. 001/2019A atuação profissional de assistentes sociais,