Porto Velho (RO) sábado, 19 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Colégio Recursal de P.Velho vai realizar Julgamento Virtual


Neste mês de setembro 2006 o Colégio Recursal da Comarca de Porto Velho vai realizar, pela primeira vez, o Julgamento Virtual, mais uma inovação tecnológica desenvolvida por analistas do Tribunal de Justiça de Rondônia, com a supervisão do Juiz Alexandre Miguel, auxiliar da Presidência do TJ rondoniense.

O Julgamento Virtual é um projeto piloto que vai permitir aos magistrados julgarem processos diretamente de seu gabinete, ou seja, sem a necessidade de estarem presentes na mesma sala ou sessão de julgamentos.

Magistrados e assessores do Colégio Recursal da Comarca de Porto Velho participaram de treinamento preparatório para conhecer a ferramenta, Sistema de Julgamento Virtual, no início deste mês de setembro, no Núcleo Administrativo do Tribunal de Justiça. O treinamento foi ministrado pela analista de sistemas Ariane Dias de Almeida, da Coordenadoria de Informática do Tribunal de Justiça, uma das responsáveis pelo desenvolvimento do projeto.

O novo sistema de julgamento virtual, entre outras vantagens vai possibilitar aos magistrados contar com o auxílio de seus assessores utilizando a internet, além de proporcionar um melhor aproveitamento do tempo das sessões e aumento na estatística de julgamentos processuais.

Depois do Colégio Recursal de Porto Velho, o sistema de Julgamento Virtual vai ser implantado na Comarca de Ji-Paraná, de terceira entrância, e em seguida no Tribunal de Justiça. A data de implantação  ainda vai ser definida.

O Desembargador Marcos Alaor Diniz Grangeia foi o idealizador do Projeto Julgamento Virtual. O desenvolvimento do projeto coube aos analistas de sistemas Alex Fabian e Ariane Dias de Almeida, do quadro da Coordenaria de Informática do Tribunal de Justiça de Rondônia.

Prêmio

O Tribunal de Justiça de Rondônia está concorrendo, com o Projeto Julgamento Virtual, ao "Prêmio Innovare", iniciativa e realização do Ministério da Justiça, por meio da Secretaria de Reforma do Judiciário, da Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getúlio Vargas e da Associação dos Magistrados Brasileiros – AMB.

O Prêmio Innovare tem por objetivo identificar, escolher e difundir práticas pioneiras e bem sucedidas de gestão do Poder Judiciário brasileiro que contribuam para a modernização, melhoria da qualidade e eficiência dos serviços da Justiça.

Fonte:TJ/RO

Mais Sobre Política

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Após a vereadora Cristiane Lopes (PP) ir até o Ministério Público Estadual (MP/RO), para relatar os problemas das obras de pavimentação dos bairros Fl

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mais de 1700 parlamentares e parceiros da ONU e da sociedade civil de todo o mundo estão reunidos em Belgrado, na Sérvia, onde acontece a 141ª Assembl

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

A Comissão de Educação e Cultura (CEC), da Assembleia Legislativa, se reuniu na manhã desta quarta-feira (16), para deliberar projetos e voltou a di

Liderança na produção do cacau depende da vontade política, aponta debate

Liderança na produção do cacau depende da vontade política, aponta debate

A volta do protagonismo brasileiro na produção de cacau depende de mais investimentos em pesquisa e de ações como o fortalecimento da Comissão Executi