Porto Velho (RO) quarta-feira, 2 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Política

Cidadania garantida com a Justiça Rápida Itinerante


Proporcionar acesso à justiça é missão do TJRO e princípio básico da Operação Justiça Rápida Itinerante, que no ano de 2013 fez mais de 4 mil audiências (*) em todas as comarcas do Estado, muitas delas em locais de difícil acesso, em que é necessário o deslocamento em estradas ruins ou mesmo por meio de barco em regiões como a do Baixo Rio Madeira.

Na etapa da operação ocorrida em outubro, na região de Ponta do Abunã, por exemplo, o atendimento à população da Gleba Rio Pardo foi marcada por situações que precisaram de disposição e empenho para serem superadas. No caminho, uma estrada sinuosa na reserva Bom Futuro, rodeada de floresta amazônica, uma chuva forte fez cair várias árvores.

Desde a sua criação, em 1992, a operação tem como característica principal a informalidade no atendimento judiciário, garantindo com isso cidadania e solução de conflito, geralmente de menor complexidade jurídica, nem por isso menos relevante para a sociedade, tais como cobranças, obrigações de fazer, correções em certidões de nascimento, entre outros procedimentos judiciais.

Os cidadãos são atendidos gratuitamente e encaminhados para audiências de conciliação. Os números apurados pela Corregedoria-Geral da Justiça no balanço de 2013 dão conta de 2.030 acordos homologados. Só de documentos expedidos foram mais de onze mil. As retificações de registros de nascimento, casamentos e óbitos ultrapassam 500.

Parcerias

O trabalho tem a parceria do Ministério Público (2.307 atos praticados com a justiça), Defensoria Pública (2.619 atos praticados) e e demais órgãos e instituições, que levam serviços como emissão de documentos e atendimento de saúde. No balanço, foram registrados a emissão de 261 carteiras de identidades, 11 títulos de eleitores e 114 carteiras de trabalho, 188 2ª via de certidões de nascimento.

Em 2013 a operação ganhou a adesão da Justiça Federal, que atendeu a uma grande demanda, sobretudo de direitos a benefícios previdenciários. ¿As parcerias estabelecidas são bem recebidas pela população¿, comentou o juiz Johnny Clemes, auxiliar da Corregedoria, que coordenava a Operação na capital até o ano passado.

Pai Presente

Outra novidade em 2013 na operação Justiça Rápida Itinerante foi o incentivo ao reconhecimento espontâneo à paternidade, por meio do programa ¿Pai Presente¿, em parceria com o Conselho Nacional de Justiça. Com isso, 142 pessoas foram atendidas em 12 localidades do baixo Madeira e no interior de Rondônia pelos juízes das comarcas.

Semana de Conciliação

Já realizada por Rondônia há muitos anos, as Megaoperações da Justiça Itinerante em junho e novembro coincidiram com a Semana Nacional de Conciliação, proposta pelo CNJ. Aconteceram em todas as comarcas, conforme portaria expedida pela Corregedoria.

Baixo Madeira

O tradicional deslocamento do barco da Justiça para a Região do Baixo Rio Madeira, geralmente no mês de maio, em 2013 teve um replay em dezembro. Tudo para levar atenção e atendimento para questões judiciais às comunidades ribeirinhas, onde não tem internet, telefone celular (em algumas nem fixo), estradas ou serviços públicos perenes.

Desde o ano 2000, o barco ancora no barranco dessas localidades, recolhe as reclamações das pessoas, orienta quem não pode ter o caso resolvido ali na hora, e atende, com uma audiência judicial, o pedido de solução levado pelas pessoas da comunidade ao Judiciário.

A proximidade e informalidade da ação da Justiça faz com que a procura seja constante. É o caso de Mariano Ferreira Leite e Raimunda Nonata Santos, da comunidade "Tira Fogo", que, após 32 anos vivendo juntos, decidiram oficializar o casamento, durante a passagem da Justiça Rápida este ano.

Assentamento

O atendimento da Justiça itinerante foi ampliado ainda para um assentamento de reforma agrária. Durante o mês de abril de 2013, a equipe da justiça levou toda estrutura dos Juizados Especiais da capital para atendimento a quem tem dificuldade para acessar os serviços da Justiça nos centros urbanos.

Números

O relatório final da Justiça Itinerante registra ainda mais números: 3.023 sentenças, 1.462 inquirições/depoimentos, 1.094 despachos, 2.711 atendimentos e providências, 926 averbações, 1.416 mandados expedidos.

(*) Os números podem ser ainda maiores já que ainda faltam informações de três comarcas. Fonte: TJRO

 

Mais Sobre Política

Presidente municipal do Progressistas, Cristiane Lopes parabeniza candidatos do partido.

Presidente municipal do Progressistas, Cristiane Lopes parabeniza candidatos do partido.

À frente da Presidência Municipal do partido Progressistas em Porto Velho, a vereadora Cristiane Lopes, vem a público agradecer e parabenizar a todos

Assembleia Legislativa aprova matérias e R$ 450 milhões em crédito para o Governo

Assembleia Legislativa aprova matérias e R$ 450 milhões em crédito para o Governo

Os deputados estaduais aprovaram na sessão desta terça-feira (01), em primeira e segunda votações, matérias que tramitavam na Casa de Leis, além de au

Mariana Carvalho é a relatora da MP que destina R$ 1,9 bilhão para vacina de Oxford; que será votada nesta quarta-feira na Câmara

Mariana Carvalho é a relatora da MP que destina R$ 1,9 bilhão para vacina de Oxford; que será votada nesta quarta-feira na Câmara

A Deputada Federal Mariana Carvalho é a relatora da Medida Provisória 994/20, que destina crédito extraordinário de quase R$ 1,995 bilhão para viabi

Cirone Deiró cobra agilidade do DER para adequações em aeroportos do interior

Cirone Deiró cobra agilidade do DER para adequações em aeroportos do interior

Em discurso na sessão desta terça-feira (01), o deputado Cirone Deiró (PODE) cobrou agilidade para resolver problemas nos aeroportos do interior do es