Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política

CASSOL DIZ QUE EXÉRCITO HUMILHOU RONDÔNIA


Governador garante que Estado não invadiu área e diz que Exército humilhou Rondônia
Visivelmente indignado com a atitude da 17ª Brigada em ocupar a área aonde o Governo ia reiniciar as obras de construção do teatro estadual, Cassol disse que ”a manobra do Exército é uma humilhação para Rondônia, um desrespeito com a Justiça e uma afronta ao nosso povo. Enquanto os mais de 1.400 quilômetros de fronteiras com a Bolívia estão praticamente descobertos, facilitando a ação de traficantes de drogas, de armas e outros criminosos, o Exército mobiliza um grande contingente para impedir a continuidade de uma obra, de grande interesse público”.
O governador explicou que o Tribunal de Justiça também iniciou as obras de construção há anos de sua nova sede, e só há alguns dias negociou com o Exército a compra do terreno. “Nem por isso, soldados foram colocados para impedir a continuidade da obra. Por isso, causa estranheza essa atitude exagerada, sem necessidade, pois se não há o interesse numa permuta ou negociação da área, que o Exército recorra à Justiça, que é o caminho natural que todo cidadão ou instituição deve recorrer quando se sentir lesado”, completou Cassol, e lamentou que o general de Brigada, Luiz Alberto Bringel, tenha tomada a decisão de ocupar a área, ao invés do diálogo. “Ele é passageiro, não vai morar aqui mais que dois anos, por isso não entende o quanto essa obra é importante para Rondônia.
Dinheiro na conta – O recurso para a construção do teatro estadual está na conta do Governo. O dinheiro foi uma doação do Banco do Brasil, que administra as contas dos servidores estaduais, para que o Estado invista em infra-estrutura. “Decidimos construir o teatro, mas poderíamos realizar qualquer obra”, explicou Cassol.
Busca do entendimento - Ivo Cassol fez questão de ressaltar que não quer briga com ninguém, que respeita a Justiça e os demais poderes e que vai continuar buscando o entendimento para que as obras do teatro possam ser retomadas, dentro da normalidade. “Basta bom senso e sensibilidade, pois dispomos de muitas áreas, hoje ocupadas irregularmente por órgãos federais, que podem ser permutadas pela área do teatro e tudo fica resolvido. Falei, por telefone, com os ministros Nelson Jobim (Defesa) e Gilberto Gil (Cultura) e expliquei os fatos e aguardo uma definição”.
No início da noite desta terça-feira os senadores Expedito Júnior e Valdir Raupp vão ter audiência com o ministro da Defesa, Nelson Jobim, para tratar do assunto. O governador disse que toda a bancada está empenhada em ajudar a superar o impasse e agradeceu às manifestações de apoio recebidas por parte das entidades culturais de Rondônia.
Fonte: Decom

Gente de OpiniãoDomingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Sebrae quer impulsionar o empreendedorismo no estado estreitando a parceria com parlamentares rondonienses

Sebrae quer impulsionar o empreendedorismo no estado estreitando a parceria com parlamentares rondonienses

Inspirado pela fala dos parlamentares da bancada federal de Rondônia, durante a 11ª Rondônia Rural Show Internacional, o diretor-superintendente do

Cristiane Lopes Indica Emenda Parlamentar para a Reforma do Complexo Poliesportivo Deroche em Porto Velho

Cristiane Lopes Indica Emenda Parlamentar para a Reforma do Complexo Poliesportivo Deroche em Porto Velho

A deputada federal Cristiane Lopes (União Brasil) celebrou a conclusão do projeto que dará início aos trabalhos de reforma e requalificação do Compl

Asdec realiza 3° Torneio de Pesca Esportiva em Cacoal

Asdec realiza 3° Torneio de Pesca Esportiva em Cacoal

A Associação Desportiva e Ecológica dos Pescadores de Cacoal (Asdec) promove no próximo domingo (23) seu 3º Torneio de Pesca Esportiva. A competição

Dois deputados estaduais de Rondônia recebem R$ 131.625,00 em diárias para viagem ao Japão

Dois deputados estaduais de Rondônia recebem R$ 131.625,00 em diárias para viagem ao Japão

Sob a gestão do presidente Marcelo Cruz (PRTB), a Assembleia Legislativa de Rondônia tem sido palco de elevados gastos com diárias e passagens aérea

Gente de Opinião Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)