Porto Velho (RO) terça-feira, 27 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Política

Abdiel Ramos Figueira foi o mais votado na lista tríplice


ABDIEL RAMOS FIGUEIRA É RECONDUZIDO PARA A PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA O governador de Rondônia, Ivo Cassol, assinou hoje, dia 30, o decreto reconduzindo o Procurador Abdiel Ramos Figueira para o cargo de Procurador-Geral de Justiça para o biênio 2007-2009. O decreto de nomeação foi encaminhado pelo Palácio do Governo hoje pela manhã para o Ministério Público. O governador acolheu a decisão da vontade da maioria dos Membros do MP na eleição para escolha da lista tríplice. Pela segunda vez consecutiva, Abdiel Ramos Figueira foi o mais votado na eleição. A lista tríplice com os nomes dos três candidatos mais votados foi encaminhada ao chefe do Poder Executivo no último dia 15 de março, em cumprimento ao que estabelece o artigo 10, da Lei Complementar nº 93, de 03 de novembro de 1993. Pela primeira vez na história do Ministério Público de Rondônia, Promotores de Justiça participaram do processo eleitoral juntamente com os Procuradores de Justiça. A mudança é decorrência da promulgação da Emenda Constitucional nº 049, que alterou o artigo 99 da Constituição do Estado de Rondônia, permitindo a participação dos Promotores de Justiça na eleição. QUEM É ABDIEL RAMOS FIGUEIRA O Procurador de Justiça Abdiel Ramos Figueira é formado em Direito desde 1978. Tem quase 25 anos de vida dedicados ao Ministério Público. É Pós-Graduado em Direito Processual Civil, Metodologia do Ensino Superior e Direito Constitucional. Foi examinador de Direito Administrativo em diversos concursos de Promotor de Justiça Substituto do Ministério Público. Ingressou no Ministério Público em 26 de julho de 1982 e foi responsável pela instalação da 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Ariquemes, onde permaneceu até o ano de 1984 quando, então, foi promovido para atuar em Porto Velho. Por designação do governador Ângelo Angelin, foi interventor de Presidente Médici (1985/86). Em Porto Velho, atuou por nove anos na Promotoria de Justiça da 1ª Vara Criminal e também foi Promotor Eleitoral e chefe de gabinete da Corregedoria-Geral. Foi promovido a Procurador de Justiça em 28 fevereiro de1992. Foi coordenador das Curadorias da Infância e Adolescência, Meio Ambiente e Consumidor, no período de 1994 a 1997. Desempenhou o cargo de Subprocurador-Geral de Justiça em duas gestões (Ivo Scherer e José Viana Alves) e também foi Corregedor-Geral do MP no período de 7 de dezembro de 2000 a 28 de novembro de 2002. Autor: Marcelo Freire

Mais Sobre Política

Cristiane Lopes destaca a importância da Prevenção ao Câncer de Mama na data criada por ela em Lei Municipal.

Cristiane Lopes destaca a importância da Prevenção ao Câncer de Mama na data criada por ela em Lei Municipal.

Cristiane Lopes é autora da Lei Municipal que instituiu em 23 de outubro o Dia Municipal de Prevenção ao Câncer de Mama. A importância, vai além de um

Governo usa assessores para mentir e atacar prefeito sobre caso da rodoviária; entenda o caso

Governo usa assessores para mentir e atacar prefeito sobre caso da rodoviária; entenda o caso

Causou estranheza um vídeo postado nas redes sociais na manhã deste domingo no perfil do advogado Lauro Fernandes Junior, que se diz assessor técnico

Vereador Waldemar Neto protocola projeto de lei que cria “Meu emprego, Vaga certa”.

Vereador Waldemar Neto protocola projeto de lei que cria “Meu emprego, Vaga certa”.

Esta semana foi protocolado na Câmara Municipal dos Vereadores o Projeto de Lei nº. 4093/2020, proposto pelo Vereador Waldemar Neto que institui a P

Assembleia instala Conselho de Ética e define presidente e vice

Assembleia instala Conselho de Ética e define presidente e vice

A Assembleia Legislativa de Rondônia instalou, na última semana, o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Casa. Nesta quarta-feira o Ato 042/2020 d