Porto Velho (RO) quarta-feira, 14 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Vôo 1907: resgatados 117 corpos. Três das cinco crianças foram identificadas


Agência O GloboRIO - O Exército atendeu os pedidos da Comissão de familiares das vítimas do acidente com o Boeing 737-800 da Gol e mandou um reforço de 100 soldados para ajudar no resgate dos corpos na Serra do Cachimbo, no Mato Grosso. Em oito dias, foram removidos do local 117 corpos até a tarde deste sábado, de um total de 154. Os corpos de 24 pessoas já foram retirados do IML pelos familiares e a identidade de três das cinco crianças mortas no acidente foi revelada, uma por impressão digital e duas por exame de DNA.Nos Estados Unidos, a agêcia de aviação americana determinou que a empresa fabricante do "transponder" usado no jato Legacy faça um recall do aparelho, usado para fazer a comunicação das aeronaves com o radar. O recall deve começar em 17 de outubro e ser realizado em etapas.Já o porta-voz do sindicato dos pilotos da American Airlines, que representa 13 mil pilotos dos EUA, recomendou aos pilotos americanos que evitem sobrevoar países em que possam ser presos ou acusados de provocar acidentes aéreosOs familiares das vítimas estão preocupados com a possibilidade de os corpos serem atacados por animais na selva e o estado e decomposição acelerado dificultar ainda mais a identificação dos corpos. A partir de segunda-feira, a identificação dos corpos ficará mais difícil, diz o IML.Mais cedo, um representante do grupo criticou a atuação da Aeronáutica, dizendo que, quanto mais o tempo passa, mais difícil ficará a identificação dos corpos.Os militares que farão o reforço são integrantes do 1º Batalhão de Infantaria de Selva, sediado em Manaus. Eles vão se juntar aos 37 militares do Exército que já estão trabalhando no local.Os peritos dos Institutos de Identificação, de Medicina Legal e de Pesquisa de DNA Forense da Polícia Civil do Distrito Federal prosseguem no trabalho de identificação das vítimas.Os peritos fazem a pré-identificação das vítimas cujas impressões digitais estão preservadas. Quando há documentos de identidade acompanhando os corpos, acrescenta a nota, o confronto das digitais é feito na própria fazenda Jarinã. ( Confira aqui imagens das investigações e das homenagens às vítimas do vôo 1907)O ministro da Defesa, Waldir Pires, voou neste sábado para a área da Serra do Cachimbo, no Mato Grosso, na qual estão os destroços do Boeing 737-800 da Gol que caiu na sexta-feira 29. Parte dos corpos também permanece no local. Ele chegou à Fazenda Jarinã, sede das operações de resgate e, de lá, partiu para um sobrevôo da área do desastre, o maior da aviação brasileira, matando 154 pessoas.Neste sábado, mais quatro vítimas foram sepultadas. Nesta sexta, o marido de uma das vítimas entrou com medida cautelar, mas juíza nega para impedir saída do Legacy do país. E três parlamentares americanos procuraram nesta quinta-feira autoridades dos Estados Unidos, incluindo a secretária de Estado, Condoleezza Rice, para conseguir a liberação dos dois pilotos do Legacy. E no fim da noite desta sexta-feira, a Fundação Internacional de Segurança de Vôo, com sede nos Estados Unidos, divulgou uma nota em que elogia os métodos de investigação de acidentes aéreos no Brasil. A nota ressalta a tradição de investigações independentes, sem interferência do governo.Gol corrige número de vítimas para 154

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.