Porto Velho (RO) quinta-feira, 19 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Vitória de Dilma tem repercussões na Europa e líderes políticos desejam sorte



 A eleição da primeira mulher presidente da República, Dilma Rousseff (PT), gerou na Europa elogios à democracia brasileira e expectativas de prosperidade para o país. Os presidentes da França, Nicolas Sarkozy, e de Portugal, Aníbal Cavaco Silva, destacaram as relações bilaterais, enquanto o primeiro ministro espanhol, José Luis Zapatero, ressaltou o trabalho conjunto a ser ampliado com o Brasil.

Sarkozy afirmou que a vitória de Dilma representa o desejo da sociedade brasileira de manter o programa de governo desenvolvido pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Essa vitória demonstra o reconhecimento do povo brasileiro pelo trabalho considerável que ela [Dilma] tem desenvolvido com o presidente Lula [Luiz Inácio Lula da Silva] para o Brasil tornar-se um país moderno e mais justo.”

O presidente francês ressaltou ainda que a França será parceira no Brasil nesta etapa da história política brasileira. “[A vitória de Dilma] também traduz a confiança que o povo brasileiro deposita nela para prosseguir e aprofundar esse riquíssimo e alentado projeto. Nessa caminhada, o presidente da República garante à senhora Dilma Rousseff que poderá continuar contando com a amizade e o apoio indefectíveis da França”, disse Sarkozy.

Ao parabenizar a presidente eleita do Brasil, Cavaco Silva disse que a vitória dela representa “uma renovada oportunidade” para o aprofundamento das relações bilaterais. O presidente português disse esperar uma visita de Dilma a Portugal ‘brevemente” e que espera a prosperidade e o progresso do “povo irmão brasileiro”.

Para o primeiro-ministro da Espanha, as relações com o Brasil serão intensificadas. "Seguiremos trabalhando para que as relações entre nossos dois países continuem em um nível magnífico", afirmou Zapatero.

Com 99,99% das urnas apuradas, Dilma obteve 56,05% dos votos, enquanto o candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, conseguiu 43,95%. Ela foi vitoriosa em três regiões do Brasil – Norte, Nordeste e Sudeste. Já Serra teve maioria no Sul e Centro-Oeste.

Fonte: Agencia Brasil/BBC Brasil

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç