Porto Velho (RO) domingo, 24 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Sanguessugas: Nilton Capixaba quer ser notificado


Evandro Éboli - Agência O GloboBRASÍLIA - A repercussão negativa fez com que um grupo de deputados "fujões", citados no relatório preliminar da CPI dos Sanguessugas, corressem ao Conselho de Ética da Câmara para ser notificados sobre a abertura de processo por quebra de decoro parlamentar. Com isso, caiu de 16 para nove parlamentares que serão convocados por edital, a ser publicado nesta quarta-feira no Diário da Câmara.A divulgação do nome destes deputados na imprensa foi o principal motivo para que eles recebessem a notificação, não esperando o edital. Na manhã desta terça-feira o presidente do Conselho havia afirmado que ao fugir da notificação estes deputados estavam "muito expostos". A partir da declaração de Izar começou uma corrida de assessores de deputados ao Conselho de Ética.Os deputados que foram notificados nesta terça são: Almeida de Jesus (PL-CE) Carlos Nader (PL-RJ) Fernando Gonçalves (PTB/RJ) Heleno Silva (PL-SE) Íris Simões (PTB-PR) João Caldas (PL-AL) Raimundo Santos (PL-PR)O deputado Nilton Capixaba (PTB-RJ) telefonou na manhã desta terça ao Conselho e informou que também quer ser notificado. Ou seja, se este caso se confirmar apenas oito deputados serão notificados pelo edital.

Mais Sobre Política - Nacional

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO), informou que Câmara dos Deputados, por meio da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC)

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Projeto da deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) e do deputado Rafael Motta (PSB-RN) é aprovado no Senado Federal. O projeto determina que o agressor

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (19), projeto que determina que o agressor nos casos de violência doméstica e familiar será obrigado a

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Proposta permite ao juiz determinar a matrícula ou transferência de dependentes da mulher vítima de violência independentemente da existência de vagaO