Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Prevenção de drogas: Vinte mil professores iniciam treinamento


Brasília - Mais de 12% dos jovens brasileiros já usaram algum tipo de droga, e a maioria teve o primeiro contato entre os 10 e os 12 anos de idade, segundo levantamento realizado em 2004 com 50 mil alunos da rede pública de ensino. Para prevenir o consumo e orientar crianças e adolescentes dentro das salas de aula, 20 mil professores de escolas públicas do ensino fundamental e médio de todo o país  vão receber treinamento sobre a prevenção e o uso de drogas.

No curso, que começa amanhã (15) e é promovido pelo Ministério da Educação e pela Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), os professores vão aprender a a abordar o tema de forma diferente em sala de aula, identificar as drogas mais usadas, orientar pais e estudantes e a auxiliar programa de prevenção de drogas na escola. A Universidade de Brasília (UnB) é parceira na iniciativa.

Segundo a diretora de Políticas Públicas de Prevenção e Tratamento da Senad, Paulina Arruda, a escola e o educador devem estar preparados para lidar com questões sobre o uso de drogas dentro da sala de aula. Ela disse que a escola tem que passar a ver o uso de drogas como uma questão que faz parte do seu dia-a-dia.

"O educador tem que estar preparado para lidar com as questões, e não mais apenas dizer: 'Não use drogas, droga mata', ou coisa assim, mas discutir com o aluno as implicações desse uso, a ação da droga no organismo e as dificuldades que o uso pode trazer", afirmou.

A coordenadora-técnica do curso, Carla Dalbosco, informou que o objetivo é tornar o conhecimento dos professores mais próximo da realidade dos alunos. "A idéia é poder pensar esse uso de drogas ou como lidar com a questão das drogas levando em conta a realidade daquela comunidade e a realidade que eles enfrentam no ambiente escolar".

O curso terá duração de quatro meses e é destinado a professores de quase 2.300 escolas públicas. As aulas serão a distância, e os professores farão o acompanhamento pela internet, por teleconferência, ou pela TV Escola. A iniciativa terá ainda apoio de 100 tutores, entre eles, psicólogos, educadores, médicos e estudantes da área de saúde. Cada tutor será responsáveis por cerca de 20 escolas de uma região.

O material de apoio oferecido pelo MEC e pela Senad consta de um livro, um DVD e um caderno de orientação das atividades.     


Fonte: Agência Brasil

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di