Porto Velho (RO) quarta-feira, 16 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

PF responsabiliza 2 controladores por acidente


Jailton de Carvalho - O GloboBRASÍLIA - A Polícia Federal envia à Justiça Federal em Mato Grosso, um relatório em que responsabiliza dois controladores do tráfego aéreo de Brasília por falhas e omissões que teriam contribuído para o choque entre o jato Legacy e o Boeing 737-800 da Gol. O delegado Ramon de Almeida, encarregado do inquérito, ainda decide se a competência do caso é da Justiça comum ou da Justiça Militar.O delegado está em dúvida sobre falhas cometidas por um dos controladores de vôo de São José dos Campos. Almeida ainda não tem certeza se o controlador passou uma mensagem imprecisa para os pilotos do Legacy por imperícia ou induzido a erro por um de seus colegas de Brasília. No relatório, o delegado pede também mais prazo para aprofundar as investigações. PROBLEMAS COMEÇARAM JÁ NA DECOLAGEM BRASÍLIA - A Polícia Federal responsabiliza um 3º sargento de Brasília por falhas que teriam levado ao acidente. O sargento suspeitou do funcionamento do transponder do jato e tentou se comunicar com os pilotos. Para a polícia, ele deveria ter pedido imediatamente ajuda ao Centro de Controle de Tráfego Aéreo de Manaus, para onde rumava o Legacy.Para o delegado Renato Almeida, os problemas começaram na decolagem do Legacy, em São José dos Campos. Um dos controladores de vôo local teria passado uma informação incompleta aos pilotos do Legacy no momento da definição do plano de vôo. Ele teria dito que o Legacy voaria a 37 mil pés e, na mesma frase, citou o nome do Aeroporto Eduardo Gomes, em Manaus. Na verdade, o jato só poderia voar a 37 mil pés até Brasília. Questionado sobre o assunto pelo delegado Rubens Maleiner, o controlador disse que, como o jato tomou o rumo indicado no plano de vôo, ele considerou que os pilotos não tinham dúvidas sobre os procedimentos.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul