Porto Velho (RO) segunda-feira, 25 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

PF procura 12 acusados de crime ambiental em MT e RO


Agência O GloboBRASÍLIA e CUIABÁ- A Polícia Federal ainda executa nesta segunda-feira 12 mandados de prisão de pessoas acusadas de desmatamento e venda ilegal de Autorização de Transporte de Produtos Florestais (ATPF) em Rondônia e Mato Grosso. A operação "Daniel", desencadeada na semana passada, já prendeu 45 envolvidos de um total de 57 acusados. O objetivo da operação é desarticular uma organização criminosa que atuava na região de Ji-Paraná, São Miguel, São Francisco do Guaporé, Costa Marques, Cacoal, Pimenta Bueno e outros municípios de Rondônia.De acordo com a PF, a quadrilha era integrada por empresários do ramo madeireiro, lobistas, contadores, advogados e alguns servidores do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama).O esquema contava com o suporte criminoso de policiais rodoviários federais lotados na cidade de Rondonópolis, em Mato Grosso, que garantiam o escoamento pelas rodovias federais do produto florestal retirado da floresta amazônica.A Justiça prorrogou, por mais cinco dias, as prisões de acusados de envolvimento no esquema detidos em Mato Grosso. Paulo Maurício da Silva, Luiz Carlos Alves Pires e Ronaldo Ramos são suspeitos de facilitar a passagem de carretas com madeira irregular. Outro acusado é Lucélio Araújo da Silva, citado como intermediário das negociações com as madeireiras. Eles respondem pelos crimes de formação de quadrilha, corrupção passiva, corrupção ativa, violação de sigilo funcional, concussão e crimes ambientais.A Operação Daniel está sendo realizada pela PF com a colaboração do Ibama. As investigações tiveram início em março deste ano, a partir de denúncias de um servidor do Ibama, que ao saber sobre as atividades criminosas da organização, levou ao conhecimento da Polícia Federal, cooperando com as investigações policiais. No total, 250 policiais federais das Superintendências de Rondônia, Roraima, Amazonas, Acre, Mato Grosso e do Distrito Federal participaram da operação. Durante a ação, foram apreendidos com os integrantes do grupo 27 veículos e quatro motos. Foram identificadas 94 empresas que movimentavam documentos junto ao Ibama retirando ATPF. Também foram apreendidos mais de R$ 27.500, dinheiro fruto de propina entregue para servidores do Ibama.

Mais Sobre Política - Nacional

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

 247 – Um dia depois de denunciar à televisão portuguesa que o ex-presidente Lula está preso ilegalmente no Brasil (saiba mais aqui), o ministro Marco

 'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

"Uma decisão tomada há quase quatro anos pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, já custou mais de R$ 4 bilhões aos cofres públicos sem

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

Fachin arquivou uma investigação da Polícia Federal que recaía contra Temer. A apuração era sobre um manuscrito apreendido no gabinete do senador pel

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

"Você vê uma criança bonitinha, de 12 anos de idade, entrando em uma escola pública, não sabe o que ela vai fazer depois da escola. É muito complicado