Domingo, 14 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

PF procura 12 acusados de crime ambiental em MT e RO


Agência O Globo BRASÍLIA e CUIABÁ- A Polícia Federal ainda executa nesta segunda-feira 12 mandados de prisão de pessoas acusadas de desmatamento e venda ilegal de Autorização de Transporte de Produtos Florestais (ATPF) em Rondônia e Mato Grosso. A operação "Daniel", desencadeada na semana passada, já prendeu 45 envolvidos de um total de 57 acusados. O objetivo da operação é desarticular uma organização criminosa que atuava na região de Ji-Paraná, São Miguel, São Francisco do Guaporé, Costa Marques, Cacoal, Pimenta Bueno e outros municípios de Rondônia. De acordo com a PF, a quadrilha era integrada por empresários do ramo madeireiro, lobistas, contadores, advogados e alguns servidores do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama). O esquema contava com o suporte criminoso de policiais rodoviários federais lotados na cidade de Rondonópolis, em Mato Grosso, que garantiam o escoamento pelas rodovias federais do produto florestal retirado da floresta amazônica. A Justiça prorrogou, por mais cinco dias, as prisões de acusados de envolvimento no esquema detidos em Mato Grosso. Paulo Maurício da Silva, Luiz Carlos Alves Pires e Ronaldo Ramos são suspeitos de facilitar a passagem de carretas com madeira irregular. Outro acusado é Lucélio Araújo da Silva, citado como intermediário das negociações com as madeireiras. Eles respondem pelos crimes de formação de quadrilha, corrupção passiva, corrupção ativa, violação de sigilo funcional, concussão e crimes ambientais. A Operação Daniel está sendo realizada pela PF com a colaboração do Ibama. As investigações tiveram início em março deste ano, a partir de denúncias de um servidor do Ibama, que ao saber sobre as atividades criminosas da organização, levou ao conhecimento da Polícia Federal, cooperando com as investigações policiais. No total, 250 policiais federais das Superintendências de Rondônia, Roraima, Amazonas, Acre, Mato Grosso e do Distrito Federal participaram da operação. Durante a ação, foram apreendidos com os integrantes do grupo 27 veículos e quatro motos. Foram identificadas 94 empresas que movimentavam documentos junto ao Ibama retirando ATPF. Também foram apreendidos mais de R$ 27.500, dinheiro fruto de propina entregue para servidores do Ibama.

Gente de OpiniãoDomingo, 14 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Domingo, 14 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)